domingo, 28 de julho de 2013

Para retomar o primeiro lugar



















Flamengo e Botafogo.

Segundo jogo do "novo Maracanã".

Mando de campo do nosso rival.

Mas o Botafogo tem um objetivo maior: Voltar à liderança do Brasileirão.

E consequentemente, acabar com um incômodo jejum de vitórias sobre eles (em campeonatos brasileiros).

Passou da hora.

Será hoje.

Pra cima deles, Fogão!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

9 comentários:

Anônimo disse...

RODRIGO e amigos,um bom domingo.Ontem almocei com alguns amigos e,logicamente,o papo foi futebol.Você sabia que alguns clubes têm uma folha salarial acima de 5 milhões? E o pior é que pagam salários altíssimos para jogadores normais.Aí tem a grana do empresário,do treinador,do dirigente,etc.Soube de tramóias vergonhosas, mas no Brasil dos petralhas ninguém vai preso ou devolve o que rouba.
Não se pode acusar ninguém sem provas,mas quem é do ramo sabe que acontece em alguns clubes.
Falamos do nivelamento por baixo dos grandes clubes e eu levantei a tese que o elenco das tricoletes do Rio não é tudo que apregoam.Aí uma "raposa felpuda" comentou:"veja quem paga o plano de saúde de alguns figurões da mídia...".
Até comentei que a defesa deles é fraca, onde só se salva o LE.O meio de campo não tem nada demais e o Deco é ex-jogador em atividade.
Outra raposa comentou o seguinte:"lembra quando por pouco vocês voltaram para a segundona e o FLu em dez partidas tinha que vencer oito? Lembra quem apitou a maioria das partidas? Quem foi escolhido para ser o arbitro brasileiro da copa do mundo?
O maracanã seria fechado e iam precisar do Engenhão, aí o presidente peitou e disse que não emprestaria.A empresa de saúde não queria o time na segundona".
Foi quando lembrei-me das palavras do Rogério Ceni após o jogo contra nós no Engenhão: "vou calar a boca para não me encrencar, mas foi uma vergonha".
Até que faz sentido o que ouvi, embora tente acreditar na lisura do esporte.Entretanto,fica difícil após vermos tantas safadezas em campo em prol de alguns queridinhos da mídia.
Rumo a liderança.Um abraço do JOTA.






Rodrigo Federman disse...

Isso mesmo, Jota. Nesse país da falcatrua, tudo é possível!
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

ALÔ CORNETEIROS E CORNETINHAS HOJE É DIA DE TODO MUNDO TORCER.ABAIXO AS CORNETADAS E VAMOS RESPEITAR AS PREFERÊNCIAS DOS TORCEDORES.

JAMES

Moisés Domingues disse...

Só a vitória nos interessa, não importa se seremos líderes ou não nessa rodada, temos que nos manter sempre lá em cima brigando, e nas últimas rodadas sim, sermos líderes. Pra cima dos mulambos!

Anônimo disse...

RODRIGO e amigos,um pouco de história sobre o bairro Botafogo, que acabou dando o nome a uma de nossas paixões.

"O Galeão português "Botafogo" na conquista de Tunes (em primeiro plano em baixo à esquerda).

Porque existe um bairro nobre chamado "Botafogo" no Brasil? Descubra a razão:

O galeão São João Baptista, mais conhecido pela alcunha de "Botafogo" foi, na sua época, o mais poderoso navio de guerra do mundo. Construído em 1534, tinha um deslocamento de cerca de 1000 toneladas e estava armado com 366 bocas de fogo de bronze, tendo por isso um tremendo poder de fogo. Por essa razão tornou-se conhecido por "Botafogo".

Este navio foi usado em inúmeras batalhas, tendo ficado famoso durante a conquista de Tunes. Quando Carlos V se lançou na conquista de Tunes, solicitou apoio naval a Portugal, e pediu especificamente o "Botafogo". Nessa batalha, o "Botafogo" era comandado pelo Infante D. Luís, irmão do Rei D. João III de Portugal e cunhado do Imperador Carlos V.

O "Botafogo" liderou o ataque a Tunes e foi o seu esporão que conseguiu quebrar as correntes do porto de La Goleta, que defendiam a entrada, permitindo então à armada cristã a conquista da cidade de Tunes.

Um dos membros da tripulação do galeão, chamado João Pereira de Sousa, um nobre da cidade de Elvas, tornou-se famoso porque era o responsável pela artilharia do navio, pelo que também ele ganhou a alcunha de "Botafogo", que foi incluído no seu apelido, passando também aos seus descendentes.

Mais tarde, quando João Pereira de Sousa se estabeleceu no Brasil, recebeu da Coroa Portuguesa terras junto da baía de Guanabara, passando essa área a ser conhecida por "Botafogo".

A chegada da família real portuguesa ao Brasil e à cidade em 1808, mudou totalmente a vida de "Botafogo". De bairro rural, transformou-se no local preferido dos nobres que procuravam o bairro para nele construir suas residências.

É por esta razão que existe até hoje um famoso bairro nobre na Zona Sul da cidade do Rio de Janeiro com o nome de "Botafogo"!

Um abraço do JOTA.Esta foi tirada do baú.


Rodrigo Federman disse...

James, e quem não está respeitando?

Isso aí, Moisés!

MUITO BOA, Jota! Valeu, amigo!

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

bom primeiro tempo, dominio total do Glorioso. É manter a pegada e liderança! Vamos lá Fogão, sem piedade!!!

Marcelo Lopes

Eduardo Samico disse...

Coitus interruptus.

Rodrigo Federman disse...

Marcelo, estranha mudança total de postura na segunda etapa.

Eduardo, graças ao OO.

Abs e SA!!!