sábado, 20 de julho de 2013

Volta (provisória) à liderança
















Futebol é curioso...

Na semana passada, o Botafogo jogou bem e perdeu do Grêmio em Porto Alegre. Hoje, não repetiu a atuação, mas derrotou o Náutico (2 a 0 - Elias e Renato) em São Januário.

Na teoria, um jogo que seria moleza.

Na prática, realmente foi um domínio alvinegro do início ao fim. Mas sem pressão na equipe pernambucana, que se não estou enganado, acabou concluindo até mais do que o Botafogo.

Por sorte temos um goleiro como o Jefferson, que com pelo menos cinco grandes defesas, ajudou a garantir os três pontos.

Tudo bem, nem todo dia o time atua com desenvoltura. Vamos pensar assim e acreditar que na próxima quarta-feira, em Florianópolis, o GLORIOSO reencontrará o bom futebol para garantir a classificação à próxima fase da Copa do Brasil.

Por enquanto, pausa (entre os primeiros colocados) no Brasileirão e foco total na Copa do Brasil.

E considerando o resultado deste sábado, a semana começou perfeita.

Importante é vencer!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

Botafogo 2 x 0 Náutico

1- Jefferson: Cinco grandes defesas - 7,0

2- Gilberto: Boa partida. Principalmente no primeiro tempo - 6,5

3- Dória: Mais uma grande apresentação - 6,5

4- Bolívar: Apenas exagerou em lançamentos - 6,0

5- Gabriel: Não jogou mal, mas sentiu falta do Marcelo Mattos no desarme - 6,0

6- Júlio César: Errou muitos cruzamentos - 5,5

7- Vitinho: Exagerou em alguns lances, mas discordo das críticas: É o único (além do Seedorf) que arrisca algo no time - 5,5

8- Renato: Só foi notado na hora do gol. Menos mal - 5,5

9- Rafael Marques: Melhorou no segundo tempo. Mas nada que empolgue - 6,0

10- Seedorf: Quando a bola chega, a garantia de algo diferente - 6,5

11- Lodeiro: O mesmo caso do Renato. Só apareceu na hora do cruzamento - 5,5

12- Lucas Zen: Poucos minutos em campo - Sem nota

13- Edilson: Só entrou para passar o tempo - 5,0

14- Elias: Pode não ser craque, mas joga como atacante de área. Isso mudou (pra melhor) o time - 6,0

Oswaldo Oliveira: Continua queimando um jovem talentoso e demorando um pouco nas mudanças. No mais, fez o que tinha em mãos - 6,0

15 comentários:

Anônimo disse...

O botafogo ganhou mas sofreu pressao e se nao fosse o jeferson ! O viinho so sabe fazer jogada individual assim prejudica o time eu osto muito do andre bahia o k vc axa dele e o henrique tem pouca chance mais se tiver vai coresponder e ai rodrigo?

Anônimo disse...

Vi o jogo do figueirense la em florianopolis jogam bem o botafogo tem k tomar cuidado rodrigo vc tem noticia sobre a penhora do dinheiro ninguem fala nada dirigentes horiveis

CHATINHO BOTAFOGUENSE disse...

HAAHAHA, JEFFERSON MELHOR DO TIME? VC É LOUCO RODRIGO.

Anônimo disse...

Fui ao jogo....e assistir ao Seedorf jogar ao vivo...Num campo q permite a visão assim bem próxima ao campo é uma experiência das mais agradáveis...Só de ver o cara dominar uma simples bola ou dar um passe simples assim de pertinho já vale o ingresso.....Abraços e Sudações Gloriosas,Gustavo Almeida.

MEDUNA disse...

Discordo em 50% do seu ponto de vista, Rodrigo. O Botafogo só jogou mal no 1º tempo, enquanto insistiu em jogar contra um time que armou uma retranca, sem um centro avante de ofício. Assim que substituiu o Vitinho por Elias e recuou o RM, o time voltou jogar o que sabe, e se impôs.
É bem provável que o O2 esteja iniciando com o Vitinho para não desmotivar o jovem jogador, mas contra o figueira, que vai ser um jogo encardido, vamos parar com o viés pedagógico e entrar com o time certo, 4-2-3-1, com o Elias no comando do ataque.

Rodrigo Federman disse...

Anônimo 1, acho que não tem vaga para AB e nem Henrique no time.

Não tenho, Anônimo 2.

OPINIÃO e RESPEITO, Chatinho.

Gustavo, espero sentir essa emoção em breve também.

Meduna, o que melhorou foi a entrada do atacante referência (Elias) e não o recuo do RM. Minha opinião.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Rodrigo,

Sua opinião foi igual a do Roger flores. Isso quer dizer que ela é totalmente parcial.

O Botafogo dominou o jogo e o Jefferson fez defesas que qualquer grande goleiro deve fazer. Nada mais que isso. suas análises não são reais e sempre colocam o Botafogo para baixo, assim como os comentaristas comprados da Rede Engodo.

Acho que é isso que anda tirando tua audiência do blog...não temos mais grandes e muitos comentários como antigamente. Uma pena!

Leonardo (coloco o meu nome pois nem no blog, por parte de alguns, temos o direito de anonimato) e acho que isso tem um nome...bom deixa pra lá!

Moisés Domingues disse...

Nenhum time joga bem todos os jogos, o importante é ganhar, o fluminenC foi campeão não jogando bem e dependendo do goleiro em muitos jogos. Eu tive a impressão que quando o Lodeiro melhorou no jogo, o botafogo teve mais chances. Não achei que o time jogou tão mal assim e acho que o botafogo só tem sofrido mais na hora do contra-ataque adversário.

Alex JF-MG disse...

Ganhou beleza....mas CADE A TORCIDA DO RIO ??

Sergio Di Sabbato disse...

Péssimo primeiro tempo, bom 2º tempo, principalmente pela mudança do Vitinho pelo Elias e o recuo do RM, que não é jogador de área. O RM pode não ser lá essas coisas, mas foi fundamental na vitória de ontem. Sobre o Seedorf, nem precisa falar, é craque, prá mim o melhor em campo. O grande problema dos contra-ataques que o Botafogo tomou tem nome: Renato. Apesar do gol, esse aí não dá mais, é omisso igual ao presidentista. O Vitinho ainda é muito verde e individualista e não sabe jogar na posição que está escalado.É arma para o 2º tempo. meu time, na falta de opções, seria o que começou o 2º tempo, com o MM no lugar do Renato. Gostei do Gilberto, só precisa melhorar na defesa. Sobre a situação financeira do Botafogo, tem horas que eu acho que tem muitos interesses externos em manter o Botafogo carta fora do baralho. O que mais me causa espécie, é que parece que os dirigentes do clube concordam com isto. É impressão minha, mas que dá prá desconfiar, isso dá. Abs e SB!

MEDUNA disse...

Rodrigo,
o que eu defendo é que o Botafogo, líder do CB, continue a jogar no esquema 4-2-3-1, e que esse último "1", seja um atacante de área, como o Elias ou BM ou talvez o Alex. Nem o Vitinho, nem o RM têm características de centro avante nato.
Quanto ao RM, já disse aqui, que é um jogador fraco no tocante aos fundamentos do futebol, chute, passe, drible, controle de bola, cabeceio, mas não tem como negar que está sendo importante pela sua doação em campo. Ele se desloca constantemente e de forma inteligente, enfim tem sido importante para o atual esquema do Botafogo. Não dá para NãO reconhecer isso.

A disse...

Aproveito o momento em que consigo uma conexão, estou de férias, pra voltar a comentar aqui no CB.
Sobre o jogo: O OO tem que parar de proteger o RM e experimentar o time com Elias no ataque e Vitinho no auxílio lá na frente, que é o lugar do garoto.
Importante vitória, mas nossa torcida continua devendo ao time. Tá na hora da galera apoiar o time!!!
SALVE SEEDORF, ÍDOLO.

Rodrigo Federman disse...

Leonardo, opinião parcial por ser igual a do Roger? Comentário sem pé nem cabeça...

Moisés, jogou mal se comparado ao que foi apresentado diante do Grêmio. Mas claro, ontem o adversário não quis jogar e isso dificulta.

Ridículo mesmo, Alex.

Sergio, eu já tenho uma opinião um pouco diferente: Gostaria de ver o Vitinho jogando com um atacante de referência (pode ser o Elias, já que o RM não é atacante).

Meduna, o problema é que nos falta uma opção em aberto no meio. Também acho que RM ou Vitinho não são atacantes de área. Mas defendo uma mudança no esquema. Realmente não gosto desse 4-2-3-1.

Ari, eu penso exatamente igual a você.

Abs e SA!!!

Fabiano disse...

Eu já tinha previsto um público baixo num post anterior...

Quanto ao jogo, o Botafogo só joga bem quando o outro time também sai para o jogo, se o time ficar na retranca o Botafogo não consegue jogar muito bem, mas o importante é a vitória!

Acho que contra o Figueira e o Gramengo vamos jogar bem pois vamos ter mais espaços, pra cima deles Fogão!

SA

Rodrigo Federman disse...

Fecho contigo, Fabiano!
Abs e SA!!!