terça-feira, 20 de agosto de 2013

Cortando os custos

















Com problemas financeiros que são do conhecimento de todos, a diretoria do Botafogo tem se virado como pode para manter a casa minimamente em ordem e/ou administrável.

Por exemplo: Houve a necessidade de negociar alguns jogadores para diminuir a folha salarial.

Com as saídas do Márcio Azevedo, Antônio Carlos, Jadson, Andrezinho e Fellype Gabriel (e as chegadas do Elias e Hyuri), o Botafogo teve a redução de R$ 450 mil a menos por mês.

Além disso, o presidente Mauricio Assumpção decidiu reduzir os salários dos diretores e gerentes do futebol no clube.

Medida acertada. 

Na hora da dificuldade, ou todos compram a briga ou os incomodados que peçam para sair.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

25 comentários:

Enéias Teles Borges disse...

Rodrigo,

Vejo Vasco com conversa que tem as certidões e o Flamengo também. Flu e Bota não conseguiram fechar negócio com a Fazenda Nacional?

Saudações alvinegras!

Rodrigo Federman disse...

Que coisa, né, Enéias? Não dá pra entender!
Abs e SA!!!

Ricardo disse...

Só falta a torcida abraçar o clube e colaborar se associando para alcançar a meta de 20000 em 2013.
Temos torcedores em todo o pais e quem não mora no Rio pode pagar o mínimo que já estará ajudando.

Sds Alvinegras
Ricardo

Rodrigo Federman disse...

Ricardo, eu também acho que seria muito bom, mas não consigo questionar isso, afinal, cada um sabe aonde o calo ($) aperta, né?
Abs e SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

O pior é que ninguém vê as guias de pagamento dos mulambos e do Vasco. O vasco tem o canalhabral pro trás disso. Vocês já deram uma olhada na diretoria dos mulambos? Um monte de empresários filhotes da ditadura que mamam no governo federal a anos. Assim é fácil. Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sergio, escancarado, né?
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

RODRIGO,hoje, por volta das 14 horas,dei uma girada na TV antes de retornar as atividades e dei de cara com o MA no Arena Sportv.
Resolvi assistir, pois ele era o convidado especial e falaria sobre o Botafogo até as 15.30.Foi um excelente programa, pena que a maioria dos torcedores não deve ter assistido por diversos motivos.
O presidente falou sobre Engenhão, time,base,dívidas,venda de jogadores,etc, e pude perceber que 70% do que foi dito não aparece na mídia.O mediador e os dois jornalistas foram a fundo e perguntaram sobre questões polêmicas,no que foram prontamente atendidos pelo MA.O presidente deu a entender que muitas vezes desiste de falar para a mídia pois só é publicado o que interessa a quem entrevista( para mim não é novidade).Hoje,ao vivo e a cores, sem editar,é muito mais esclarecedor e verdadeiro.
Achei-o muito firme, conhecendo o clube a fundo e respondendo a todos os quesitos com respostas concretas e sem "salamaleques".
A única pergunta sem resposta foi quanto o clube lucrou com a venda do FG e do Andrezinho,que ele afirmou não poder dizer por imposições de contrato,mas que saldaria a dívida com os jogadores e sobraria.
As dificuldades herdadas foram muitas, ele reconheceu alguns erros que foram corrigidos e citou vários exemplos concretos, de conhecimento geral, que aconteceram no clube em sua gestão.A meu ver muito mais acertos do que erros.
Não acho justo a pecha de chamá-lo de OMISSO devido a alguns erros.Ele errou como qualquer um de nós que o critica erraria também, pois o erro é inerente ao ser humano, mas persistir no erro é burrice.
Gostei do que assisti e ouvi sobre o nosso BOTAFOGO e espero que o MA tenha êxito no difícil caminho até a recuperação do ENGENHÃO.JOTA.









Rodrigo Federman disse...

Jota, eu não pude assistir ao programa, mas que bom que o MA parece, enfim, ter falado algumas coisas. Procurarei no You Tube.
Abs e SA!!!

ari dias disse...

Tem que cortar na própria carne mesmo, não adianta pedir empenho e compreensão dos jogadores e continuar gastando muito com a turma dos amigos do presidente.
Sobre o que disse o Enéias, eu já ouvi falar que o Vasco e o time que eu não falo o nome, já conseguiram essas certidões diversas vezes, o problema é que eles pagam as primeiras parcelas do financiamento e depois param de pagar.
SALVE SEEDORF, ÍDOLO.

Rodrigo Federman disse...

Ari, e quem não gostar, que saia.
Abs e SA!!!

Enéias Teles Borges disse...

Amigos,

Fiz minha parte, mesmo estando longe do Rio, pois moro em São Paulo.

Dia 20 é dia sagrado: pagamento da minha mensalidade de sócio torcedor.

Paguei com alegria.

SA

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Enéias.
Abs e SA!!!

Enéias Teles Borges disse...

Acabei de assistir à entrevista do nosso presidente. De fato muito boa. Sincera e real.

É de vital importância renegociar com a Receita Federal e ter aprovado o novo ato com o TRT do Rio.

Creio que chegaremos lá.

Não somos os únicos com chapéu na mão.

SA

Rodrigo Federman disse...

Enéias, tomara que ele consiga também.
Abs e SA!!!

Gil disse...

Fala Rodrigão,

No blog AQIP tem denuncia sobre as famigeradas renegociações com a receita federal. Uma matéria recente diz que todos os clubes que conseguiram o patrocínio da CAIXA, logo após, resolveram as certidões e renegociações.

Tenho certeza que a torcida precisa abraçar o plano ST, pois é a única forma de ajudar. Sou ST, embora tenha uma série de reclamações e já passei por várias situações complicadas, mesmo com mensalidades em dia.

Jota, perdoa, mas sempre chamarei o presidente de Omisso, pois é muito estranho esse silêncio sobre o Engenhão. Já li as tuas opiniões sobre o não enfrentamento e concordo parcialmente, porém, esse silêncio nos leva a pensar várias coisas.
Torço muito para que o presidente acerte tudo nesses últimos meses de mandato, pois tudo que fizer de bom só engrandece o nosso amado Botafogo.
Um fato que corrobora isso é a contratação do Seedorf!

Sergio, além de mamarem nos governos, mamam também em clubes. Alguns clubes eles ferraram e torço que façam o mesmo no esgoto da Gávea.

Abs e Sds, Botafoguenses!!!

Alex JF-MG disse...

Amigo Jota, o nosso presidente precisa é disso ser transparente e cobramos isso.
Não acredito em milagres, mas sendo profissional e trabalhando como tal....melhora.

Rodrigo Federman disse...

Gil, e eu não duvido que isso seja verdade mesmo. Tipicamente Brasil e suas maracutaias.

Exatamente, Alex.

Abs e SA!!!

Ricardo disse...

Rodrigo se o cara e botafoguense mesmo não tem esse papo de calo apertar , se não mora no Rio esta
impossibilitado de ir aos jogos colabore com 25,oo mensal e menos de 1,00 por dia e se mesmo assim acha que não tem condições de ajudar o clube não tem o direito de ficar dando palpites porque os jogadores e a diretoria estão fazendo a parte deles e a hora da torcida e agora o clube esta na merda precisando da nossa ajuda imagina então quem mora aqui no Rio se for a todos os jogos quanto iremos gastar se o cara diz que ama o Botafogo e não pode ajudar com 25,00 que amor e esse.

Sds Alvinegras
Ricardo

Rodrigo Federman disse...

Discordo, Ricardo. R$ 25 podem não fazer falta para você, mas quem garante que para o outro não faz? Isso não o torna mais ou menos botafoguense de quem colabora. Nesse ponto eu penso bem diferente.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Meu caro GIL,você não tem que se desculpar.Sua opinião é tão válida quanto a minha,só vemos de forma diferente certos fatos,como diz o RODRIGO,simples assim.
Aqui ninguém é dono da verdade,cada um emite a sua opinião, eu apenas discordo das ofensas pessoais mas respeito quem o faz, pois é um direito de cada um.
Discordo de algumaS abordagens do RODRIGO e ele de algumas que emito, tudo em um clima de respeito pela opinião contrária.
Um abraço do JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Isso aí, meu amigo Jota!
Abs e SA!!!

VinnyMarques disse...

Eu vi a entrevista, não toda, mas vi.
Eu também achei que o M.A foi omisso no caso Engenhão.
Mas boa parte do que ele disse faz sentido.
Ele só precisa entender que ele deve satisfação ao torcedor, não à imprensa.
Não somos inimigos do M.A, mas ele nos trata com certa distância.
Queremos jogar junto, contribuir, mas essa distância, quem estipulou foi ele.

Rodrigo Federman disse...

Perfeito, Vinny. Concordo 100% contigo.
Abs e SA!!!

Paulo Fernando disse...

Agora eu, que sou crítico pra caramba da Diretoria, reconheço: parabéns Presidente e Diretoria. Vocês estão lutando bravamente como o time.

Rodrigo Federman disse...

Isso aí, Paulo.
Abs e SA!!!