sexta-feira, 25 de outubro de 2013

Galera do CB
























Na quarta-feira, após a humilhante derrota para o Flamengo, eu e o amigo Ricardo conversávamos sobre o "receio" de que algum dia os nossos pequenos botafoguenses nos culpem por passarmos esse amor em preto e branco para eles.

O Ricardo é de Volta Redonda e também não deu outra opção ao pequeno Davi, de 5 meses.

Ricardo, só espero que a relações do Davi e do meu Daniel com o GLORIOSO sejam bem mais felizes e vitoriosas do que tem sido as nossas, né?

Valeu pela colaboração com o CB.

E lembrando: Se você também quiser fazer parte da Galera do CB, basta enviar a sua foto (com algo remetendo ao Botafogo) para o e-mail ao lado, no meu perfil.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

8 comentários:

ari dias disse...

Concordo Rodrigo, pois o Davizinho vai precisar de muita sorte, que parece não nos acompanhar nos últimos tempos. Mesmo assim que a GLORIOSA ESTRELA SOLITÁRIA o acompanhe sempre.
SEM ÍDOLOS.

Rodrigo Federman disse...

Nem fala, Ari. Nem fala! rs
Abs e SA!!!

Lorismario disse...

Mudando de Tópico. Antes parabenizo ao Ricardo pela coragem. No dia depois do amanhã (4 x 0) fui para a PUC Go trabalhar e fui recebido pela comitiva flamenguista. Só que me respeitam muito. Mais do que mereço. Em certo momento disse aos integrantes da comitiva que ganharam sem contestação e lhes dei parabéns. Fiz, no entanto, uma ressalva: "Achei muito estranha a postura do Seedorf de não organizar o time. Estou preocupado". Hoje está no fogãonet o que mais temia. Seedorf se recolheu. Loris

Anônimo disse...

RODRIGO, criei meus 5 filhos na fase dura de falta de títulos.
Os 3 meninos nasceram em 70, 72 e 74 e só viram título em 89.As meninas nunca deram bola para o futebol.
Incuti tanta paixão neles, que quanto mais o time perdia mas eles ficavam fanáticos e saiam na porrada quando eram sacaneados.
A vantagem é que eu e a minha mulher somos altos e os moleques parrudos, isso acalmava os gozadores.
Fique tranquilo que o seu filho seguirá o caminho do pai, mesmo se houver um tempo de vacas magras.JOTA.

Alberto disse...

Ari, o problema ultimamente não tem sido falta de sorte não, pelo menos na minha humilde opinião.
Tenho dois filhos, um com 12 anos e uma menina com 9, e os dois ainda (!) torcem pelo Botafogo. Também tenho me feito a mesma pergunta ultimamente: será que vale a pena dar força e insistir para eles continuarem botafoguenses? Não sei, depois de uma quarta-feira daquelas a gente começa a repensar certas coisas. Um abraço.

Rodrigo Federman disse...

Exatamente, Loris. Passei por uma situação parecida.

Boa, Jota! Eu também fui criado assume também só vi 89 pela primeira vez! rs

Alberto, o bom é que quando esfriamos a cabeça, continuamos firmes e fortes!

Abs e SA!!!

Rafael Elias disse...

Opa, Rodrigo! Tb sou da área. E sim, já cheguei a "culpar" o meu pai rsrs

Rodrigo Federman disse...

Rafael, esse Botafogo...rs
Abs e SA!!!