segunda-feira, 20 de outubro de 2014

Pouco tempo para entrar no ritmo


















Palavras do técnico Vagner Mancini sobre a (re)estreia do Jobson com a camisa botafoguense:

"- Fiquei muito satisfeito com a atuação do Jobson, não em termos técnicos, porque estava há muito tempo parada, mas pela motivação e pela vontade. Chamei aos 28 minutos e perguntei se dava para continuar, ele disse que queria jogar o tempo todo, me pediu para ficar. É o que estamos precisando. Muitos erros aconteceram de ordem tática, organização e equilíbrio de equipe, mas sobrou vontade. Precisamos que os atletas entendam que vamos ter dificuldades, o Coritiba vai ser ainda mais difícil, mas é necessário que deem o máximo em cada jogo".

Bom, no primeiro tempo que assisti, ficou visível que o Jobson está completamente sem tempo de bola, mas que pelo menos tentou aparecer.

Pena que, restando apenas nove rodadas para o final do campeonato, quando ele começar a entrar no ritmo, o Brasileirão já estará acabando.

Até lá, vamos de Jobson ainda perdido, além dos horríveis Wallyson, Rogério, Mamute, Zeballos e Murilo.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

17 comentários:

snoopy em p/b disse...

gostei do jobson. entrou com vontade de jogar. acho q vai estar em forma pra série b, se ñ se perder na noite até lá, é claro.
abs

Marcio disse...

O que o Mancini diz, eu não levo em consideração.
Ele fica satisfeito com Ramirez, Rogério e semelhantes; o que diz e nada é a mesma coisa.
Não à toa, 2008, foi demitido do Grêmio mesmo estando invicto.
Uma coisa é certa nesse ano, o mérito não foi adotado em momento algum no CLUBE.
SA!

Rodrigo Federman disse...

Fabião, na série B ele tem tudo para deslanchar mesmo. Uma pena.

Marcio, ele deve estar fazendo de sacanagem. Só pode!

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Sacanagem e das grandes, Rodrigo. Não é possível que ele não saiba que o esquema adotado é furado, que não há quase torcedor algum que concorde com ele.
Esses "professores" acreditam que somente eles "entendem" de futebol, são vaidosos ao extremo, prepotentes e por isso nunca admitem estarem equivocados em suas idéias.
O Mancini vai morrer abraçado em sua convicção tola.
SA!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, também acho. Quando esses caras cismam, são mais burros do que qualquer outra coisa.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Esse Murilo não é 5% do que disseram que ele era... mais um refugo da gestão Maurício Assumpção

Rodrigo Federman disse...

Fraquinho mesmo, Anônimo. Se fosse essa "jóia" que falaram, duvido que o Inter deixaria sair tão fácil.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Olha que eu prefiro que dê oportunidades maiores ao Murilo, pois será uma "nova" reclamação.
Rogério pensando que driblador e tentando cavar pênaltis é uma das coisas mais ridiculas que já ví.
SA!

Anônimo disse...

Jefferson - Fez excelente defesa em chute à queima roupa de Diego Souza, evitando que o Sport fizesse 2 a 0 - 7,0

Régis - Até encontrou espaços em cima de Renê, mas não conseguiu um lance sequer de perigo - 4,0

Matheus - Lento e mal posicionado em muitos lances do ataque do Sport, incluindo o gol de Diego Souza - 3,0

Dankler - Não se entendeu com seu companheiro de zaga no lance do gol de Diego Souza. Estava mal posicionado - 2,5

Junior Cesar - Teve trabalho para conter o avanços de Patric pelo setor. No ataque, não criou muito - 4,5

Airton - Foi envolvido quando o Sport acelerou o jogo no contra-ataque. Esteve mal posicionado atrás - 4,5

Gabriel - Saiu muito para tentar armar o time, mas não concluiu com êxito os lances individuais - 5,0

Ramírez - Nulo. Tentou ajudar na criação, e foi mal. Depois foi recuado e perdeu função dentro do time - 2,0

Rogério - Esforçado, apareceu no jogo, tentou criar, mas esbarrou nas próprias limitações técnicas - 4,0

Wallyson - Foi o jogador mais acionado do ataque do Botafogo. Depois de muitos erros, marcou o gol de empate em cobrança de falta. Luta o tempo todo - 6,0

Jobson - Visivelmente fora de forma. Não conseguiu dar continuidade às jogadas que tentou - 4,5

Zeballos - Esperava-se que poderia acrescentar velocidade e um pouco mais de qualidade ao ataque, mas pouco ajudou o time - 3,0

Murilo - Procurou jogar pelos lados do campo em busca de uma jogada de cruzamento para a área. Errou tudo - 3,0

Andreazzi - Entrou para fechar o lado direito da defesa e conter os avanços do Sport por ali - 5,0

Vagner Mancini- Time se desesperou após o gol sofrido. Os jogadores não guardaram posição e abusaram do chuveirinho - 3,0


Paulo Fernando disse...

Coloca o time sub20 + Jefferson, Gabriel e Jobson.
O resto demite. Não demitiram 4, demite logo a porcalhada toda.

Rodrigo Federman disse...

Marcio, é tudo a mesma merda! Td

Valeu, Anônimo.

Paulo, e o Jobson apenas por ter jogado só ontem, pois também é uma incógnita.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Nessa caso das demissões, quem deveria encabeçar a lista, o "presidente", se coloca como solucionador, quando o próprio criou a situação.
E alguém descobriu o que faz o Gottardo no BOTAFOGO?
SA!

Rodrigo Federman disse...

Márcio, já matou o primeiro post de amanhã! rs
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Mauro Azevedo afirma que clube privilegia alguns agentes internamente. Maurício Assumpção rebate, dizendo que empresário sugeriu pagar "pedágio" por um jogador

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/2014/10/empresario-e-presidente-do-botafogo-trocam-acusacoes-apos-garoto-sumir.html#equipe-botafogo


Rodrigo Federman disse...

Marcio, não sei porque, mas nunca acredito no Nininho! rs
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, você vai ser bombardeado em 5, 4...
Olha o recado que ele mandou para a torcida nessa mesma reportagem:

"- Tenho um recado para a torcida do Botafogo: perguntem aos candidatos à presidência quais os planos dele para a base do clube. Isso é fundamental, e a resposta sobre o comentário de que a base está ruim está na quantidade de títulos e de jogadores revelados e vendidos no time de cima, além dos convocados para a Seleção. A base do Botafogo é a que mais cresceu no Rio de Janeiro nos últimos anos."


Quais foram os planos dele para a base?
Uma busca rápida pela net dá noção de como se encontra Marechal hermes.
A tão decantada base que não tem um lateral direito, um atacante, um armador para jogar no time de cima...
Base não é para ser campeã e sim formar jogador para suprir as necessidades do time profissional.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, esse cara não passa de um tremendo FDP! Ponto final! hahaha!
Abs e SA!!!