domingo, 2 de outubro de 2016

Estreia discreta




O técnico Jair Ventura falou sobre a estreia do lateral direito Alemão, na vitória sobre o Corinthians:

"- Fez uma boa partida, foi exigido bastante, assim como todo o time".

Meu comentário: De fato, não comprometeu. Mas muita gente falou que a ofensividade era a principal característica do jogador...
...eu confesso que senti falta disso.

Foi uma partida regular, sem destaque na defesa ou no ataque. 

Por essa primeira vez com a camisa do Botafogo, não vi nada diferente do que o Diego sempre fez quando solicitado. Mas claro, foi apenas a estreia.  Normal sentir o peso de clube grande no currículo. Vou analisar com calma uma provável sequência do jogador para ter opinião mais precisa.

O que os amigos acharam?


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

36 comentários:

Marcos Moreira disse...

Bom dia Rodrigo e a toda galera alvinegra! Que seja também um dia de paz e sensatez dos que neste dia apenas, serão os patrões dos eleitos para comandar esta "zona" que se transformou o País. Mas, o assunto agora é Botafogo, então vamos deixar de lado os canálias e retornemos ao assunto do nosso amado glorioso.
Nenhuma avaliação, positiva ou negativa, deve ser definitiva, de um jogador que, fez apenas um jogo, depois de chegar de um pequeno clube do interior, para um clube de grande expressão nacional e internacional como é o Botafogo. Daqui umas 4 rodadas podemos dizer com segurança, se tem qualidades suficientes para suprir as necessidades do nosso glorioso. Mas, foi discreto, sem comprometer ou animar.
O que não teve nada de discreto, foi a grande vitória obtida diante um "queridinho" da patronal do futebol brasileiro. O " Curintias" caiu feio na arena Botafogo. Levoudois diretos no queixo logo no primeiro tempo e, praticamente, na "lona" ficou o jogo todo, ã exceçáo de um único momento, em que Sidão mais uma vez mostra a sua importância nesta arrancada no segundo turno, defendendo uma penalidade, oferecida ao time paulista, injustamente, pelo bandeirinha e depois confirmada pelo atrapalhado apitador, mas defendida magistralmente pelo nosso segundo goleirão. Vencemos e convencemos...Espero agora que todos lutem como no primeiro tempo jogado ontem, em todas as 10 partidas finais, pois assim, sem qualquer sombra de dúvidas chegaremos fortes na disputa por uma vaga na libertadores. Abs e SAN!

Marcos Moreira disse...

Podemos sonhar com uma classificação para a libertadores, mas sabemos que não teremos tarefa fácil. Teremos uma sequência difícil, contra o Figueirense em Santa Catarina, depois o Inter e Atlético mineiro na sequência. Logo depois o primeiro queridinho da globo, se não estou enganado. Precisaremos de ter todos os jogadores disponíveis, sem lesões e dando tudo nas próximas rodadas. SAN!

Rodrigo Federman disse...

Marcos, sim, vamos aguardar um pouco.
Abs e SA!!!

Orlando Sábia disse...

Não era a melhor das opções no mercado mas era essencial a vinda de um lat direito de ofício, foi uma estreia boa ao meu ver, devido ao nível do jogo, um clássico desses ele poderia ter "pipocado", não pipocou; Houve alguns erros mas devido ao nervosismo de estreia.
Quanto ao diego lat direito da base, ainda não está pronto, fez boas apresentações ano passado na serie b, tem um otimo cruzamento, mas esse ano definitivamente não foi bem, é jovem pode evoluir, seria bom um empréstimo voltaria pronto, como aconteceu com o Gilberto.

Anônimo disse...

RODRIGO e amigos,sempre evito opinar de cabeça quente para não dizer muitas bobagens.
Quanto ao tema,por tratar-se de uma estréia em um clássico,acho que o rapaz foi bem e até surpreendeu-me,marcando bem melhor do que o DIEGO.
Diferente de alguns torcedores que não gostam de dar o braço a torcer,eu não tenho esse tipo de problema,pois quando me equivoco assumo o meu erro.Digo isso,porque quando o SIDÃO foi contratado,alguns torcedores nem deram a chance do cara jogar algumas partidas,foram logo alardeando que jogador do AUDAX e com 33 anos nunca deveria servir para o BOTAFOGO.E agora,o que acham de não terem dado chance ao rapaz de mostrar serviço?
Para encerrar,lembra-se quando eu dizia que o LH parecia um balão japonês? Coitado do rapaz,leva drible desconcertante,quase entrega um gol ao adversário e consegue ser menos útil que o tanque.Espero queimar a língua,embora acredite ser muito difícil.
Também concordo que devemos esperar mais um pouco para uma melhor avaliação do ALEMÃO. JOTA.

Celso Ricardo disse...

Que este Domingo de eleição tenha as cores da NOSSA BANDEIRA , NUNCA VERMELHA !
Faltam 10 rodadas . Eu , que já achava o nosso Botafogo de Gegê, Aquino , Marquinhos, Ribamar e H. Leite rebaixado , grito aos quatro ventos :
Libertadores? Temos que acreditar .

jeremias disse...

Concordo tb darei um tempo para avaliação o DB parece que esta pulando o muro indo para a flalixo

Marcio disse...

Para uma melhor avaliação, aguardar mais uns três ou quatro jogos é essencial.
Do tempo em que assiti ao jogo, ví um jogador normal; o que não é ruim, considerando ser apenas o primeiro jogo.
Que tenha futebol estocado para poder mostrar e assim evoluir.
SA!!!

Anônimo disse...

Perfeita a análise do colega Marcos. Impossível análise precisa sobre o Alemão neste momento. Foi bem burocrático, mas sem comprometer. Estrear num Jogo quente, em casa e contra um time que joga sempre com o juiz na condição de 12º jogador, não é fácil. O rapaz não deve ter conseguido nem dormir antes. Compreensível o nível da estreia.

Precisaremos de mais jogos e, sobretudo, de mais exigência do ataque rival parta termos o parâmetro correto.

O fato é que o time fica bem mais equilibrado com dois meias (Diogo fez as vezes de meia, companheiro do Camilo) e com um lateral direito de ofício. Minha opinião é de que em jogos em casa essa é a formação ideal.

Caso Diogo tenha se machucado, opto pelo velho esquema de três volantes: Airton, Lindoso e Bruno Silva. Ao menos essa formação possui ótimo entrosamento e já fizemos boas partidas com ela, dando liberdade pata as subidas do Bruno Silva.

Abraços! Esse blog é show de bola.

Att,

Leonardo Germano

Rodrigo Federman disse...

Orlando, mas se não era das melhores opções, era realmente necessário contratar? É tão melhor que o Diego assim, por exemplo?

Jota, não vi tanta superioridade assim na marcação. Ainda assim, quero ver mais dele no ataque, já que dizem ser o seu forte.

Valeu, Celso.

Azar o dele, Jeremias.

Isso aí, Márcio. E que a gente não tenha queimado dinheiro quando dezembro chegar.

Valeu, Leonardo. Sim, vamos aguardar um pouco mais. Volte sempre ao CB.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Alemão, foi mais uma aposta das milhares que essa direção fez, por problemas financeiros e não ter caixa é obrigado a fazer.
Mesmo que a aposta do Alemão não dê certo, devolvemos no final do ano.
Estou feliz com essa diretoria, que conseguiu armar um time, que se não é o ideal dá para o gasto, sem comprar jogador nenhum e sem colocar a sobrevivência em cheque.

Apostamos em Sidão,Luis Ricardo,Joel Carli,Emerson Silva,Vitor Luis,Diogo Barbosa,Rodrigo Lindoso,Bruno Silva,Dudu Cearense,Airton,Camilo,Neilton,Pimpão até agora tá correpondendo.

Apostamos em Salgueiro,Anderson Aquino,Maranhão,unez,Lisio,Canales até o momento não correpondeu,Alemão vamos aguardar,Renovação precipitada do Renan Fonseca.

Sou contrário da maioria por aqui, dou muito valor ao Antonio Lopes & Cia. de fazer tanto, com quase nada.
Setor de inteligência do Botafogo é muito competente.

Exemplo:Setor de inteligência do Inter Rs investiu 45 milhões e continua na zona de rebaixamento, isto sim imcompetência.

Vamos analisar com coerência que chegaremos a esse resultado e já pensou se esse time tá jogando o primeiro turno na Arena, onde caiu na Arena o fogão depena.
Que muito de nós fomos contra quando da aplicação de 5 milhões na arena, para nos manter com tranquilidade na primeira divisão, achei uma super bola dentro da diretoria.
Tivemos muita sorte de encontrar um treinador que conhece o Botafogo até pelos atalhos.
Com certeza jamais o Vitor Luis seria titular com o Ricardo Gomes e o Diogo Barbosa nunca jogava de meio campo e com o Ricardo o Renan Fonseca continuaria como capitão e o Jair único defeito ao meu vê não ter sacado logo o Renan Fonseca, deixamos ser eliminado da Copa do Brasil,com o péssimo Renan Fonseca como titular.
Isso colocado é minha opinião.

Sergio Di Sabbato disse...

Melhor que o Diego na marcação sem dúvida. Ofensivamente para um 1º jogo foi regular. Abs e SB!

Marcio disse...

De fato é inegável que está se saindo muito bem nos jogos e não raro, entre os melhores.
A questão que não podemos deixar passar é que o seu acerto não pode mascarar o fato de que apenas veio a ser contratado porque descobriram tardiamente que o Helton Leite não poderia substituir ao Jéfferson. E o H. Leite está no CLUBE desde 2014, ou seja, essa gestão já o encontrou.
Agora, algumas questões se colocam.
O que fazer com o Helton Leite que teve o seu contrato renovado, agora em abril, por mais dois anos?
Como fica a situação do Saulo, que passou a ser, em tese, a quarta opção?
Como não fazer o possível para efetuar a contratação em definitivo do Sidão, já que chegou e resolveu o problema?

Agora, mais ou menos repete-se a situação com a contratação do Alemão.
Depois que o Gilberto foi vendido, Luis Ricardo assumiu a posição e o Diego tornou-se o reserva imediato. O problema é que com a contusão do Luis Ricardo, também descobriram que precisavam de um lateral para substituí-lo. O Gilberto saiu do BOTAFOGO em julho de 2015, ou seja, não faltou tempo para avaliarem os trabalhos do Luis Ricardo e do Diego.

Essas duas situações mostram o planejamento capenga efetuado, já que sempre há chance de um reserva ser chamado a comparecer e o que se espera é que esteja preparado.
E se as contusões do Jèfferson e do Luis Ricardo ocorressem após o prazo de inscrição?
O Sidão está aprovado e independente do que ocorra com o Alemão, deveria ser demitido o responsável pela avaliação feita.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, ter problema de caixa é uma coisa. Necessidade/obrigação de apostar, depende primeiramente da análise do elenco e nomes. Com o que tínhamos, precisávamos apostar em Maranhão e um currículo inexpressivo? Era realmente necessário apostar em lateral direito por 3 meses, sem praticamente não ter mais riscos?

Sérgio, juro que não vi diferença alguma, defensiva ou ofensivamente.

É isso mesmo, Márcio. Não vejo qualquer razão para se elogiar essa gerência do departamento de futebol.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Correção:
De fato é inegável que O SIDÃO está se saindo muito bem nos jogos e não raro, entre os melhores...
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Márcio, sim. Mas o próprio Sidão teve uma melhora ainda maior após a volta do Tenius. Me parece muito mais seguro.
Abs e SA!!!

J. Daniel disse...

Volto a frisar: o Botafogo atingiu o primeiro objetivo, ou seja, afastar o fantasma do rebaixamento, faltando para isso 4 ou 5 pontos. O que vier além disso é lucro. Com todos os problemas de contusão ocorridos nesta temporada, obrigando o técnico a escalar até três jogadores improvisados, o que pode comprometer qualquer esquema tático, comprovando as poucas opções nas posições originais, podemos considerar os resultados positivos até aqui. Quanto ao jogador Alemão, confirmando o que havia falado sobre ele, a diretoria pode começar a pensar numa possível renovação do seu contrato (se for liberado pelo Braga), pois é um jogador voluntarioso que pode ajudar o clube na próxima temporada, independente da recuperação do LR. Ontem ele demonstrou ter mais pegada do que o Diego. Tímido no apoio, talvez por falta de entrosamento. Na minha opinião, conhecendo a "rapidez" da diretoria e a falta de recursos financeiros para competir com alguns clubes, o nosso querido Fogão pode perder 4 jogadores do elenco titular: VL, Diogo, Neiltom e até mesmo o Sidão. Peças de reposição são raras no mercado, existem bons jogadores em fina de contrato com outros clubes, mas a maioria pertencem a grupos de investidores, daí as dificuldades.
Saudações Alvinegras!!!

Enéias Teles Borges disse...

Concordo que deveremos esperar mais um pouco. Para uma estreia e contra um time grande, foi de bom tamanho. Hora de montar o time para 2017. Ano que vem queremos mais do que lutar para permanecer na A. Pesquisar mercado e mostrar que há planejamento. Temos uma pequena base e um treinador moderno e que veste a nossa camisa.

Marcio disse...

Traçar paralelo financeiro com clubes com maior potencial e assim confirmar a competência dos que estão aqui é válido, só que também é válido comparar com quem tem menos capacidade orçamentária.
O que fariam os responsáveis pelo futebol da Chapecoense se tivessem o orçamento do BOTAFOGO?
O BOTAFOGO fez uma previsão de 79 milhões de reais para o futebol em 2016;
A Chapecoense tem um orçamento entre 45 e 48 milhões de reais; sendo que para o futebol apenas utilizam a metade deste valor.
A verdade é que dinheiro, embora seja um fator importantíssimo, não se resume a quanto se tem em caixa e sim em como é investido; e no futebol, como em toda e qualquer atividade, outras variáveis ajudam a explicar o sucesso ou fracasso.
É preciso observar todos os exemplos disponíveis.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Possa crer, Enéias.

Exato, Márcio. Que façam dos dois extremos.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, na minha humilde opinião, o modo como ocorrem as contratações não permitem muitos elogios ao Lopes, pois o trabalho é apenas reativo. Não existe trabalho de pesquisa algum,
se empresários ou o técnico nada indicarem, nada sai.
E quem explicou como são feitas foi o próprio CEP:

"Total confiança. É muito importante que a torcida entenda isso. As contratações vem de dois fluxos: O interno, quando o treinador pede um jogador ou o externo, quando um empresário nos traz um jogador para avaliação. Em ambos os casos, existe uma análise pela comissão técnica, pelos analistas e pela diretoria. Independente do processo, a palavra final é minha e a responsabilidade total pelo erro ou acerto também"

http://www.tupi.am/programas/esportes/94960/em-entrevista-exclusiva-presidente-do-botafogo-carlos-eduardo-pereira-comenta-atual-situao-do-clube
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Márcio. A minha opinião é a mesma sua.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Quero ver o Bochecha jogando no principal o garoto ja tem 20 anos pq n colocalo aos poucos .

Anônimo disse...

Rodrigo.

O Corinthians me parece um time bem fraquinho, isso é real. Porem o Botafogo entrou em campo como nós gostamos, partindo pra cima sem medo e com velocidade.
Como pode uma equipe jogar 2 jogos tão diferente um do outro ? Tem hora que eu penso que esses caras estão de sacanagem.
Agora teremos o Figueirense pela frente. A pergunta é : Qual Botafogo entrará em campo ? O indolente e preguiçoso que jogou contra o América, ou o valente , veloz e corajoso que enfrentou os Gambás ?
O tempo dirá. rsrsrsr.

Patinhas.

Rodrigo Federman disse...

J.Daniel, em minha opinião, uma partida é pouco para analisar se o cara é ruim ou bom como alguns dos amigos já estão afirmando.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, antes dele, gostei mais do Mateus.

Patinhas, concordo. E o pior, é que geralmente contra esses time lá da parte de baixo, o Botafogo costuma ser indolente e vagabundo. Tomara que contra o Figueirense eles não repita o papelão que fizeram diante do América.

Abs e SA!!!

Gernaldo Silva disse...

Agora é G-6... Estamos 1 ponto apenas da zona de classificação para a libertadores... Chances reais se mantermos o aproveitamento do 2° turno.

Kal disse...

Conmebol anuncia G6 no Brasileirão. Botafogo está a um ponto do qualify da Libertadores. E Palmeiras, Santos ou Atlético MG vencendo a Copa do Brasil será um G7

Kal disse...

Mais 5 vitórias em 10 jogos e estaremos na Pré Libertadores

Anônimo disse...

Ainda sobre sábado, quanto ao Luis Henrique, infelizmente, seu problema é muito maior que uma má fase técnica. Sua transição foi péssima e o Botafogo parece não saber como lidar com a situação. Estamos jogando uma jóia no lixo.

Já o Jair Ventura enfim teve peito pra colocar o Alemão, algo que deveria ter sido feito já contra o América. Sua decisão pelo Tanque foi taticamente coerente e teria sido um sucesso se o jogador fosse minimamente bom. Mas ele é horroroso. Mas foi importante barrar o péssimo Canales e repetir a dobradinha entre Victor e Diogo pela esquerda. Outra decisão acertada foi escalar Emerson no na sua posição. Bola dentro

Vinty Habbar disse...

Quando o Jefferson voltar poderia colocar o Sidão no ataque! Rsrsrs. Joga muito mais que o Vinícius Tanque!

Rodrigo Federman disse...

Aliás, Gernaldo...essa mudança comprova que é uma zona. Patético se classificarem até G6 ou G7 (dependendo da CB ou SA). A CBF consegue banalizar até a disputa do campeonato e a Libertadores.

Sim, Kal. Achei ridícula essa mudança. Bom para o Botafogo? Ok, mas péssimo para o futebol.

Anônimo, o LH realmente queimou minha língua. Apostei muito nele e só me decepcionei até agora.

Muito mais, Vinty. rs

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Como a conmebol, com minúsculas, aumentou o número de vagas para a Libertadores, penso que a cbf, também com minúsculas, deveria dar uma dessas vagas ao vice-campeão da Copa do Brasil.
A verdade é que o aumento de vagas não é feito para aumentar a qualidade e sim por pura politicagem; se olharmos, por exemplo, alguns clubes que disputam a UEFA Champions League, confirmamos a mesma situação.
Dito isto, estando o BOTAFOGO a um poto do 6º colocado, Atlético Paranaense, aquele discurso sobre luta contra o rebaixamento passa a fazer menos sentido, pois a matemática é clara (dez pontos acima da zona da degola e um abaixo da zona da Libertadores).
Se essa situação não for suficiente para que o Time entre focado e para decidir nesses últimos dez jogos, ficará claro que a ambição jamais esteve presente no dicionário.
Estou curioso para saber qual atitude irão adotar.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Márcio, lamentável essa decisão. Uma várzea, banalizando completamente a outrora respeitável Libertadores.
Abs e SA!!!

Fabio Lucas disse...

Ainda estou com aquilo na cabeça se o JV esteve-se colocado o alemao ou entao o diego na lateral nao teriamos perdido para o america-mg.

Rodrigo Federman disse...

Possa crer, Fábio.
Abs e SA!!!