sábado, 14 de janeiro de 2017

Falou sobre tudo





O presidente CEP concedeu uma entrevista bem legal ao site Globoesporte (clique aqui).

Falou sobre as dificultades financeiras, elenco, reforços, estádio Nilton Santos, perspectivas, eleição no final do ano, etc...

Mas confesso que o trecho que mais gostei foi quando ele falou da "relação" com um clube que é bastante "querido" da mídia esportiva:

"- Com o Flamengo não temos relação alguma. É indiferente. Com o Fluminense nós temos boa esperança com a nova gestão, já conversei com o Pedro Abad. Acho que podemos trabalhar em conjunto. Tenho uma boa relação com o Eurico Miranda desde o começo. Em relação ao Flamengo, começou mal por causa do caso do Arão e depois nunca houve uma melhora efetiva. Todas as iniciativas nunca produziram um entendimento. No caso da Arena da Ilha, por exemplo, o Botafogo poderia ter feito uma passagem de tudo o que tinha feito para o Flamengo. 
O Flamengo nos procurou, recebeu os valores e optou por não fazer. Antes do acerto, nem o Flamengo nem a Portuguesa nos procuraram. É aquele negócio. Não dá para esperar cavalheirismo. Mas nós também já tínhamos encerrado. O Botafogo saiu no dia 31 de dezembro, e o Flamengo entrou em janeiro. Eles poderiam ter ficado com um legado, mas não quiseram. É o direito que cada um tem. Acredito que eles enfrentarão alguns problemas, como nós enfrentamos lá".

É isso aí! Acho que devemos estar abertos à conversas comerciais com qualquer um...
...mas se o outro não quiser ou se fizer de difícil (apenas por ser "protegido" pela imprensa), um "F" bem grande para eles. 

O Botafogo é GLORIOSO demais para abaixar a cabeça para alguém.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

44 comentários:

Anônimo disse...

Só fiquei preocupado quando ele fala que não estamos negociando com nenhum atacante de velocidade no momento . Jogamos dia 1 de fevereiro e provavelmente sem esse jogador !
SAN
Neto

Rodrigo Federman disse...

Neto, o problema também é o mercado. Os poucos bons são muito caros.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Perfeito RODRIGO,qualquer ser humano que dirige uma empresa tem as suas falhas,aliás quem não as tem? Entretanto,o atual presidente tem dado conta do recado MB.
A partir do momento em que estive no Rio e conversei com um grande benemérito alvinegro,que não aparece em política,nunca quis ser da direção do clube e sempre ajudou financeiramente nas horas difíceis,passei a acompanhar melhor o CEP.Na ocasião,ele me disse que o CEP poderia ser a salvação do clube,pois a política de terra arrasada do MA deixou o Botafogo praticamente destruído.Infelizmente,muitos torcedores não veem isso e acham que tem dinheiro sobrando para contratar os tais pseudo craques,sem entender que não é fácil contrariar as máfias que comandam o futebol.Quem tiver dúvidas é só consultar a fortuna que clubes gastaram contratando no último CB e ver onde chegaram.O exemplo maior foi o INTER,que montou um time para ganhar tudo e foi rebaixado.Parabéns ao Presidente e no meu modo de ver,a sua grande jogada foi colocar o RENHA para comandar a garotada.Sem aparecer ou jogar para a torcida tem feito um trabalho espetacular,os resultados estão aí para quem quiser ver.A garotada disputa tudo em ótimas condições, quando há bem pouco tempo eram ridicularizados,sendo talvez a quinta ou sexta força do Rio.Peitar o queridinho da rede esgoto e contrariar a mídia "framerdista"então não tem preço que pague,foi uma jogada de mestre,rsrsrsrsrs.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Sim, Jota. Isso mesmo. Só seria melhor ainda se depois de arrumada a base, ele efetivasse o Renha para o futebol profissional. Hehehe
Abs e SA!!!

Silva disse...

Sou um defensor da gestão CEP,com muito mais acertos do que erros,mas antes de tudo o BFR.Não falou sobre o absurdo gasto da Arena Botafogo,que segundo suas próprias palavras consumiu 13 milhões de reais para seis meses de uso.Um valor inaceitável,ainda mais se tratando de um clube que vende o almoço para comprar a janta.Quem duvidar é só acessar no youtube sua última entrevista à rádio Botafogo e assistir.
Enquanto os floridos gastaram menos de 1 milhão para jogar no campo do América nós gastamos essa pequena fortuna,mais do que o patrocínio Master da CEF previsto para esse ano.Esse fato merece uma averiguação apurada do conselho fiscal do clube.
Em relação ao tratamento com o lixo está agindo muito bem.

Anônimo disse...

E o BERNARDINHO também RODRIGO,caso aceitasse,aí seria o NIRVANA,mas não custa nada sonhar,rsrsrsrs.
Um bom final de semana,estou indo para o interior descansar e fazer uma das coisas que mais gosto na vida,cavalgar pelos campos.JOTA.

Enéias Teles Borges disse...

Gostei. Ele vai tentar a reeleição?

Rodrigo Federman disse...

É, Silva. Os gastos reais na Arena estão estranhos. Divulgaram durante toda a temporada um valor, e virando o ano, soubemos de que foi quase o triplo.

Vamos sonhar então, Jota. Rs

Enéias, durante a sua campanha ele sempre se disse contra à reeleição. Seria estranho mudar de opinião agora.

Abs e SA!!!

Enéias Teles Borges disse...

Mas não deu tempo para concluir o trabalho. Meu medo é alguém com outra cabeça...

Marcio disse...

Em relação ao outro time, mandou bem, já que como bem disse, se coloca como reformador e na realidade está muito longe disso, pois jamais trabalhou para a melhora do futebol como um todo. Deste modo, não pode o BOTAFOGO ter conduta subserviente e colaborar para que eles levem vantagem, injusta, como boa parte da imprensa também deseja.
Falta apenas ele não cometer o erro de oferecer "bicho" maior para vencê-los, pois não há necessidade alguma de tal coisa, pois não têm toda essa dimensão.
Claro que se houver possibilidade de um ganho financeiro com eventos de terceiros, o BOTAFOGO não pode e não deve se furtar a fazê-lo; entretanto nenhum negócio pode ser bom apenas para terceiros.

O único porém que faço na entrevista dele, já que de modo geral foi bem, é ficar "na dependência" de empresários apresentar jogadores, pois estes pensam apenas em arrumar uma colocação aos seus jogadores e não se são bons ou não tecnicamente para o CLUBE. Se acham que o BOTAFOGO ainda precisa contratar mais jogadores e o alvo são os estrangeiros, coloque o Departamento de futebol/Inteligência para aumentar a procura.
O tal Geraldo Cano não trabalha n BOTAFOGO e não torce pelo BOTAFOGO.

Quanto aos 13 milhões gastos na Arena, assunto não abordado na entrevista, uma explicação é necessária para que possamos avaliar o resultado de tal investimento; embora reconheça que o valor assusta inicialmente.
SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Rodrigo,só lembrando hoje tem jogo do Fogão sub 20 pela copinha, é contra o mirassol, o jogo é as 20:45, nos estados que não tem horario de verão, é as 19:45, vamos torcer, pra levar nossa garotada, as quartas de finais.

Marcio disse...

E o G² vai jogar no ABC do RN.
Excelente notícia.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Enéias, mas já era sabido que o tempo é insuficiente. Trabalha-se o substituto.

Perfeito, Márcio.

Ivo, estaremos ligados.

Abs e SA!!!

Clovis Jonas Pinto disse...

Fala Rodrigo.

Li toda entrevista. O CEP tem toda minha admiração. Na sua pessoa, já se nota que é do bem; não é marrento, sempre solícito e humilde, mas firme nas declarações. Claro, não é esta a discussão, mas gostaria de destacar.

Sua administração, só não é perfeita, porque imperfeições, são inerentes, como bem frisou JOTA. Mas pegar o clube na situação que se encontrava em 2015 e hoje, o colocar neste patamar, devolvendo, principalmente o nosso orgulho, denota muitos acertos.

Já na questão de contratação, como todos queremos, não sou dirigente, mas não deve ser fácil equacionar os interesses dos atores envolvidos: empresário, jogador, clube e torcida, tendo como objetivo, o interesse e limitações do clube.

A questão da Arena de 5 para 13 milhões: quem já fez reforma de casa antiga - eu fiz - sabe, você pensa um valor e quando mete à marreta os problemas aparecem "a rodo" e os custos também. Imaginem um estádio construído lá nos idos 1960; quantos problemas! E ponto para o CEP que não omitiu os valores, divulgando-os.

Também meter o dedo na "ferida" em relacão aos interesses individuais do flamengo e suas pseudos reformas é ter personalidade. Alguém do meio, tinha que falar isso. Não posso afirmar que não existem tramóias em sua administração; sinceramente, não acredito.

Será, estou sendo ingênuo?

Abraço e SA.

Rodrigo Federman disse...

Fala, Clovis. Nada de ingenuidade sua não. Eu penso igualzinho em boa parte. Apenas sobre o montante gasto na Arena, que acho que foi bastante acima do informado. E só soubemos o valor real na devolução.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

O ponto principal da Gestão CEP deverá ser o resultado da Auditoria e caso irregularidades fiquem materialmente comprovadas, fazer a cobrança legal aos responsáveis.
Muito me preocupa essa situação, pois não ignoro a possibilidade do BOTAFOGO voltar ao fundo do poço se não tiver alguém preparado e com boas intenções exercendo à presidência. É preciso mostrar ao público interno e externo que as coisas serão conduzidas de modo diferente.
O BOTAFOGO não pode se dar ao luxo de depender apenas de pessoas, Emil Pinheiro que nos tirou da seca de títulos; Bebeto que nos resgatou da segunda divisão quando nem água tinha; agora o CEP que tirou o BOTAFOGO de outra segundona e tenta organizar o CLUBE da melhor maneira possível (quando acabar o mandato poderemos fazer uma análise definitiva); o BOTAFOGO precisa de um projeto de curto, médio e longo prazos e de um Presidente que saiba que o BOTAFOGO está acima de todos.
Com um projeto e trabalho sério, os bons resultados serão consequências e não mais fruto do "acaso"; precisamos e vamos caminhar.
SA!!!

jeremias disse...

Sou fã do CEP que continue assim se vc quer mudar o BOTAFOGO faça igual eu fiz seja ST

Rodrigo Federman disse...

Márcio, tomara que essa auditoria saia antes do final da gestão.

Ok, Jeremias.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, o BOTAFOGO precisa ser passado a limpo e essa Auditoria é primordial no processo.
Não pode o CLUBE ser o mais endividado se contratou praticamente jogadores comuns e obteve resultados pífios.
Embora acredite que cada um de nós que pode colaborar com o CLUBE deve fazê-lo se assim desejar, não concordo que meia dúzia coloque o clube no buraco, deixe a cota de sacrifício apenas para o Torcedor e saia como se não tivesse responsabilidade no ocorrido.
SA!!!

Celso Ricardo disse...

Parabéns ao Clovis pelo comentário.

Rodrigo Federman disse...

De pleno acordo, Márcio.

Boa, Celso.

Abs e SA!!!

Clovis Jonas Pinto disse...

Caro Márcio.

Os pontos colocados por você, são importantes. Um projeto a médio e longo prazo com correções no trajeto, para se ajustar de acordo com o cenário, é indispensável para fazer o clube caminhar sustentável.

O problema é que o presidente têm três anos de mandato, com possibilidades de mais três e depois seu projeto termina. Ele não tem como fazer com que o próximo gestor continue seu trabalho do mesmo modo.

Outro problema é que os contratos de patrocínios são, no máximo anuais, e cada presidente tem que administrar com o caixa que tem, diário. Um ativo mais permanente seria o programa ST, o estádio NS, ou revelar jogadores, que esta gestão tem feito.

Já à auditoria é nescessária mas a vejo como secundária. O ponto principal da gestão, ao meu ver, é fazer o clube funcionar, como está sendo feito, sem deixar de trabalhar em cima dos outros problemas mencionados.

Abraço, SA.




Rodrigo Federman disse...

Clovis, eu acho que a auditoria deveria ser o principal. Mas só então, após saber a real situação do clube, poder administrar e planejar em médio e longo prazo.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Clovis, o problema é que muitos gestores pensam em projetos pessoais e não em projetos institucionais.
Claro que cada Gestor tem uma forma de administrar; entretanto, há premissas básicas em qualquer Organização que não podem ser negligenciadas.
Somente como exemplo, segundo as informações disponíveis, o CEP deixará o problema de pagamento das dividas resolvido, ou seja, o BOTAFOGO está de volta ao Ato Trabalhista, está no PROFUT e tudo o mais; isso é um projeto de longo prazo e os seus sucessores têm a obrigação de manter os pagamentos em dia e não fazer como foi feito na época da gestão moderno praiana que recebeu um BOTAFOGO das mãos do Bebeto, viável, e entregou um destruído BOTAFOGO ao CEP.
O BOTAFOGO precisa construir a sua Identidade (Missão, Visão e Valores) e não permitir que os seus gestores dela se afastem.
Falamos muito no Presidente e de fato o regime é presidencialista, cabe saber também se os órgãos fiscalizadores do CLUBE cumprem com os seus deveres Institucionais.
O que precisamos em todos os setores do CLUBE é de gente comprometida e não simplesmente envolvida.
Em relação à Auditoria, continuo acreditando ser primordial.
SA!!!

Anônimo disse...

Esse sub 20 me parece muito com os times do Cuca, muito técnico, joga bem, tem os jogos na mão e não sabe ganhar os jogos.
E esse técnico, novamente, tem 6 substituições e não usa. Poxa, os garotos estão jogando dia sim dia não.
Reinaldo

Rodrigo Federman disse...

Márcio, penso igual. Gente comprometida e não somente envolvida. Disse tudo.

Reinaldo, não acho isso. Continuo achando esse time com uma certa soberba irritante.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Pênalti maroto marcado a favor do BOTAFOGO; de bom a cobrança do Igor Cássio, pois fez a batida olhando o tempo todo o posicionamento do goleiro.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Verdade, Márcio.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Quando ao assunto em pauta, pessoalmente, acho de uma inominável burrice não manter boas relações com o Flamengo.
Uma coisa é ser torcedor, outra totalmente diferente é administrar um clube olhando, apenas para o próprio umbigo.
Opinião minha.
Reinaldo

Rodrigo Federman disse...

Reinaldo, mas o CEP falou que o Flamengo se recusa a ajudar em negociações. Se eles não querem ou também só se importam em dificultar, que se ferrem. Também não vejo nada contra acordos comerciais em que possamos ganhar algo, mas pelo que o CEP sempre fala, não existe tal facilidade junto ao clube da ave preta.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Esse trecho da entrevista do CEP nos permite entender como eles procedem.

"O futebol carioca ainda vive um momento de divisão porque o Flamengo capitalizou muito uma imagem de que era o reformador do futebol, quando fundamentalmente o que ele quer é ganhar mais do que os outros. E não quer ganhar mais do que os outros pedindo mais dinheiro. Ele quer ganhar mais do que os outros tirando o dinheiro do Vasco, do Fluminense e do Botafogo."

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/2017/01/entrevistao-reforcos-politica-vida-carlos-eduardo-pereira-abre-o-coracao.html

Um acordo pode ser bom desde que seja para todas as partes envolvidas e parece, pelas palavras do CEP, que eles querem utilizar os outros como escada para chegar ao topo.

SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, meu caro, aquele jogador que você pediu a contratação em 2015, Tomas Bastos, vai jogar pelo JMalucelli.
SA!!!

Clovis Jonas Pinto disse...

Rodrigo e Marcio.

O CEP vai deixar o AT e Profut encaminhado, não resolvido. Os próximos gestores é que terão de manter os pagamentos em dia, torcendo para que não sejam do tipo "MA" que deixou estourar tudo.

Daí meu comentário da dificuldade de Planos Estratégicos num clube de futebol. Mas concordo com seus pontos de vista. Tomara às próximas administrações mantenham esta pegada.

No jogo de hoje, pênalte mandrake e gol validado impedido, acho. Chato.

Abraços e SA.

Tiago Almeida disse...

Cara será que não base não tem nenhum jogador de velocidade? Temos que dar chance e acreditar nesses moleques olha as campanhas que essestá garotose vem fazendo.

Anônimo disse...

Rodrigo.
Um escândalo o interesse por Guilherme, do Grêmio, noticiado em Porto Alegre.
Connheces um atacente que joga 15 vezes menos do que o Yuri Mamute? É o próprio. Joga caído pela esquerda. Pega a bola, baixa a cabeça e vai, como um touro pra bandeirola vermelha. SE aparecer um poste na frente, quebra a cabeça. Sabe quem o indicou para o Botafogo? Devem algum favor pra alguém?
Surpreendente!
Paulo de POA

Rodrigo Federman disse...

Hahaha. Eu, né, Márcio? Aquele que muitos consideravam craque em ascensão.

Clovis, importante o CEP eleger um sucessor para dar continuidade.

Paulo, será o post de amanhã, segunda.

Abs e SA!!!

Kal disse...

Manter boas relações seria ótimo. Mas o problema é que o framengo quer manter uma relação boa apenas para eles. Burrice seria aceitar isso.

Anônimo disse...

Os caras roubam um atleta valorizado e com multa recisória de 20 milhões... relação boa pra quem cara-pálida?

Anônimo disse...

Justamente

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Anônimo.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, estamos falando de diversas relações comerciais. Acho que fui claro no comentário.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

É isso, Kal.
Abs e SA!!!

Fábio Lucas disse...

O presidente do flamengo parece o tio Chico da família Adams ou então o gargamel, boa notícia essa do energumeno Gege menos um pra encher a folha salarial.
Poderia fazer uma música para o presidente do lixao citando como se fosse o tio Chico ou o gargamel seria maneiro né.

Rodrigo Federman disse...

Ok, Fabio.
Abs e SA!!!