sábado, 18 de fevereiro de 2017

Dupla ideal




O Botafogo tem cinco zagueiros no seu elenco profissional (desconsiderando o Emerson Santos, momentaneamente afastado): Carli, Marcelo, Emerson Silva, Renan Fonseca e Igor Rabello.

A maioria absoluta da torcida torce para, em breve, ver a dupla titular sendo formada pelo argentino e o jovem Marcelo. O problema é que os dois são centrais e o técnico Jair Ventura não parece ainda certo de que seja possível utilizá-los juntos:

"- É uma coisa que temos que estudar (Carli com Marcelo) pois eles jogam no mesmo lado. Na disputa de posição, isso é bom. Jogadores com características parecidas nos deixam tranquilos na hora de suspensões e lesões. É bom ter jogadores do mesmo nível para todas as posições".

Só eu acho que às vezes complicam muito o futebol? Será tão difícil assim um zagueiro atuar uns 10 metros para o outro lado (neste caso, para a esquerda)? Nem precisa ser canhoto. Basta treinar. 

O que não pode é deixar de escalar os melhores. 


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

36 comentários:

Orlando Sabiá disse...

Como você disse Rodrigo, basta treinar. Quando são bons jogadores tem que jogar, o duro se fosse dois perebas, tipo Renan Fonseca jogando deslocado, ai ja viu né.
Não podemos abdicar do ataque na em Assunção, por isso entraria com um lateral direito de ofício, e se, nos treinamentos, Carli e Marcelo apresentarem bom desempenho colocaria sem dúvidas.

PS: O Emerson Santos junto com seu empresário devem estar pensando na burrada que fizeram. Faltou humildade.

Rodrigo Federman disse...

É, Orlando. Os melhores têm que jogar sempre.
Abs e SA!!!

Fábio Lucas disse...

Duplas Carli e Marcelo, Marcelo e Emerson Silva, Carli e Igor Rabello. Para mim seria o ideal, nada muito fora disso pode crer.

Celso Ricardo disse...

Rodrigo , se o cara não é canhoto quando ela sai da posição , geralmente joga torto e o controle com a perna direita , se ele está na esquerda , facilita para o atacante pois com a direita ele joga , protege a bola voltado pra dentro da área. Na cobertura do lateral , o cara também fica torto . Poucos conseguem compensar isso com talento , requer muito treino .

Silva disse...

Não acho tão simples.É todo um posicionamento que fica invertido.Impossível não é,nesse caso é o Marcelo que tem que mudar.O Carli já é burro velho, não pega marcha nova.
Falei aqui outro dia que estava preocupado com uma tendinite que o Luís Ricardo estava apresentando,fui criticado por outro colega,dizendo que não tinha nada a ver com a lesão.Agora lateral novamente operado e mais dois meses de molho.
Mais uma do nosso departamento médico.Tenho até medo dá cirurgia do Bochecha.

Anônimo disse...

Bom dia Rodrigo. Verdade, o Emerson Santos é destro e consegue jogar nas duas posições na zaga. Acredito que um trabalho de adaptação com o Marcelo fará que aconteça o mesmo com ele.

Abs,
Mário

Renan SP disse...

Realmente acho que nossos dois melhores zagueiros são Carli e Marcelo. Futuramente não vejo problema dos dois atuarem Juntos , tenho certeza que o Marcelo joga pela esquerda tranquilamente , ele é muito técnico.

Para o Jogo contra o Olímpia , eu manteria a dupla que vem atuando , o Emerson Silva está jogando Firme , com responsabilidade está ambientado na Libertadores e pelo momento merece permanecer na equipe.

Posso estar errado Rodrigo, mas fico um pouco sismado em colocar o Carli contra o Olímpia sem aínda ter atuado esse ano com seus companheiros de posição ( os titulares) .
Acho que se está dando certo, não precisa mexer agora .
Fico preocupado com o ritmo de jogo , entrosamento ...

Mas certamente o Carli recuperará sua titularidade aos poucos, ele é um ótimo zagueiro .

Um abraço

Rodrigo Federman disse...

Possa crer, Fábio.

Celso, ok, mas o Marcelo mostrou ter talento e é muito novo. Dá tempo de sobra para isso. Não vejo qualquer motivo para não ser escalar os dois melhores zagueiros. Exemplo também é o Rabello, destro que joga na esquerda.

Silva, eu até entendo, mas acho que complica-se muito o futebol.

É isso, Mário.

Renan, eu já penso que se está liberado, o melhor tem que jogar. Me refiro, obviamente, ao Carli.

Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Concordo, apesar do E. Silva estar jogando bem, eu colocaria o Marcelo na direita e o Carli na esquerda, sei que acham que o Marcelo por ser mais novo se adaptaria mais rápido, já eu acho o contrario. O Carli como é mais experiente conhece os atalhos e os truques, então se adaptaria melhor na esquerda.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, aí eu já discordo. Deslocaria o Marcelo.
Abs e SA!!!

Enéias Teles Borges disse...

Para o próximo jogo eu não mexeria. A não ser num 3x5x2

Rodrigo Federman disse...

Eu mexeria, Enéias.
Abs e SA!!!

Cloud908 Jj disse...

Não acho que seja algo de outro mundo deslocar um bom Zagueiro como Marcelo para atuar com o Carli, vejo os dois atuando tranquilamente... até porque há atacantes que jogam invertido para justamente driblar o zagueiro para o lado de seu pé de apoio... enfim, mesmo em seu local de origem pode ficar torto dependendo da tática do adversário... quanto a muda-lo de posição como um amigo sugeriu no post anterior eu acho um exagero a parte, tanto como na lateral quanto na proteção aos zagueiros... prefiro que achem outra jóia rara nas divisões de base.
Quanto ao medo de lançar o Carli sem ritmo de jogo dentro de um jogo deste naipe, desculpem, mas ou ele é bem grandinho pra pra saber que bola corrida e pra cortar não pra correr pra dentro do próprio gol como um tal ao de Fonseca...

Anônimo disse...

Boa tarde, queria parebenizar o dono do Blog por reunir tantos Botafoguensses solenes e lúcidos em suas colocações e dar espaço a todos aqueles que expressão seus pontos de vista mesmo que isso va de encontro com o raciocínio do mesmo. Podem contar com mais um Palpiteiro por aqui rsrs.
Agora sobre o que esta disposto e destacado no assunto, vejo como tudo se encaixa da forma e momento que cada jogador passa, hj o momento é do Marcelo, porem o dono e titular indiscutível para toda a torcida é Joel Carli, por tanto que o Jair quebre a cabeça em treinos e trabalhos específicos para que tanto um quanto o outro atuem juntos.
Fabricio.

Marcio disse...

Sinceramente, isso é conversa exagerada de professor. Ao longo do tempo, existem exemplos e mais exemplos de jogadores que mudaram o seu posicionamento e continuaram jogando bem.
A verdade, a meu ver, é que depois da chegada dos chamados professores, o futebol brasileiro foi para o buraco.
A obrigação do técnico é arrumar uma maneira de iniciar o jogo com os onze melhores; não interessa o que ele vai fazer, pois é pago para encontrar soluções.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Cloud, 100% de acordo, cara!

Fala, Fabricio. Muito obrigado e seja bem-vindo ao CB. Espaço aberto. E sobre o seu comentário, penso igual.

Exato, Márcio. É muita teoria tentando dificultar a "simplicidade" do futebol.

Abs e SA!!!

Enéias Teles Borges disse...

Botafogo teve vários quartos zagueiros destros. Mauro Falcão e Gonçalves são bons exemplos. No futuro nada contra Carli com Marcelo. Para o próximo jogo ainda não.

Enéias Teles Borges disse...

Eu acredito que Jair jogará num falso 3x5x2. Marcelo de LD

Cloud908 Jj disse...

Fala Fabricio, nunca pensei que fosse um Botafoguensse solene e lúcido kkkkkk... mas sim, esta bem informado, pois ha muitos desses por aqui, eu me deixo muito ha levar pela emoção, afinal sou de 87 muito novo ainda fazer o que hehe... Rodrigo só pra exemplificar o que o Márcio falou, diria o Diego Souza que começou como volante, passou para Meia e atua até como atacante se o treinador assim o quiser, outro também é o próprio Sidão que começou como Atacante e nem preciso falar mais nada né... concluindo sou contra mudança de posição, mas exemplos não faltam de que muitos se deram bem o fazendo, então fazer o Marcelo atuar 10 metros de distância da posição atual não deve ser nenhum bicho papão.
SAN !!!

Rodrigo Federman disse...

Enéias, eu já iria para o jogo de quarta.

Exato, Cloud. O próprio Kanu, recém promovido aos profissionais, começou como atacante e hoje é zagueiro.

Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

A verdade é que apenas JV e Marcelo sabem se podem fazer a mudança na "decisão". Não é impossível, não é coisa de outro mundo mas também não é tão simples assim. O jogador pode ser destro e jogar na esquerda mas tem que saber marcar , tomar a bola , dar o bote com a canhota . Se não souber , abraço . Na cobertura do lateral , existe uma perna de apoio que dá maior velocidade . Quando inverte , passa a ser a outra . Repito , não é tão simples assim. Mas , se o Marcelo disser que pra ele é tranquilo, não precisa se adaptar , não levará tempo pra se adaptar , vai para o jogo .
Abraços a todos .

Rodrigo Federman disse...

Celso, eu aposto que ele diria que é/seria tranquilo.
Abs e SA!!!

Vitor José Biolchi disse...

Perfeito! Jogadores bons ou ótimos, nesta posição, jogam em qualquer lado.

Rodrigo Federman disse...

Isso mesmo, Vitor.
Abs e SA!!!

Clovis Jonas Pinto disse...

Fala Rodrigo.

Talvez, igual a maioria aqui, brinco de bola desde criança, e até já fui um consagrado perna-de-pau - muitos também já foram, ou ainda o são. Tomando isso por base (será que dá?), não vejo dificuldade de um zagueiro destro atuar pela esquerda, ou, o contrário.

Veja; quando o atacante vem para cima, tanto pode tentar ultrapassar pela esquerda, ou direita; por um ou outro lado, o zagueiro vai ter que cortar, independente do lado do campo que estiver, ou que perna boa tiver.

Já na saída de bola, a perna boa, vai chutar ou carregar à bola (driblar não pode, para não matar à tocida, do coração ) enquanto à outra, vai fazer o apoio - movimentos fisiológicos. Então, em qualquer lado do campo, a dinâmica é a mesma.

Em razão disso, não vejo problemas de dois destros ou canhotos juntos, com a ressalva que hoje, o momento é do Emerson e do Marcelo, e isso, na minha desconsiderável opinião, deve ser preservado.

Abraço e SA.

Enéias Teles Borges disse...

Tenho a impressão que o Jair vai colocar Marcelo de lateral direito, mais recuado e conforme o caso será um terceiro zagueiro. Resolve a questão da bola alta defensiva e ofensiva.

O que acha Rodrigo? Ele fará isso?

Rodrigo Federman disse...

Clovis, fecho contigo.

Enéias, acho que ele fará isso.

Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Porque será que a esmagadora maioria dos laterais direitos não se adaptam a jogar na esquerda e vice-versa ?

Kal disse...

Concordo integralmente.

Anônimo disse...

DIRETOR JURÍDICO DO BOTAFOGO PEDIU DIREITO DE RESPOSTA AO GE:

Com vínculo só até dezembro, o defensor já poderá assinar em junho um pré-contrato com qualquer outra equipe para sair de graça no fim da temporada, e o dirigente crê que tenha um time por trás.

– O pedido de luvas é totalmente desproporcional em se tratando de um jogador FORMADO NO CLUBE. Ademais, nos pedem participação sobre os direitos econômicos do atleta, o que NÃO É PERMITIDO pela legislação em vigor, e bônus sobre futura transferência, que não praticamos em NENHUM dos nossos contratos com nenfim de nossos atletas. É quase como se apresentassem uma oferta para não ser aceita. Acredito que tenha sim algum clube por trás do empresário querendo tirar o Emerson de graça em Dezembro."

Rodrigo Federman disse...

Celso, a distância das posições é bem diferente. Laterais são nas extremas, separados lá por seus 30m...enquanto na zaga a distância é lá dos seus 5m,além de centralizados.

Possa crer, Anônimo.

Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Kal.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Celso permita opinar sobre seu questionamento, laterais são opostos um do outro, tirando as raras exceções, todos eles fazem trabalham com a divisória limite do campo em um de seus respectivos lados e ficam anos incansável cruzando, quando chegan a linha de fundo, com sua perna que sempre treinou, mudar todo este procedimento de um dia para outro é "maldade" rsrs.
Agora sobre o post concordo com o Cloud e o Clovis (coincidentemente os dois com iniciais em "c" rsrs), o adversário pode fazer o Zag em sua posição de origem ficar torto sempre driblando para o lado de seu pé de apoio assim o fazendo ficar sempre tendo que girar para comecar a correr... se o Marcelo quer ser titular que aprenda a pular esse obstáculo.
SB (saudações Botafoguensses).
Fabricio.

Rodrigo Federman disse...

Isso aí, Fabricio. Penso assim também.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Um trecho do pronunciamento do Diretor Jurídico Gustavo Noronha, chama a atenção.
"...Ademais, nos pedem participação sobre os direitos econômicos do atleta, o que NÃO É PERMITIDO pela legislação em vigor..."

Se por hipótese o BOTAFOGO venha a aceitar todas as condições impostas pelo Émerson Santos, amanhã ele poderia recorrer ao Judiciário alegando que as normas vetam a participação de terceiros e assim se desligar do CLUBE, mesmo que pelo aspecto Cívil, o contrato seja legal
(Embora eu desconfie que um contrato nessas condições não seria registrado na cbf, com minúsculas)
Concordo com tudo o que observou o Diretor Jurídico.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Marcio. Faz todo sentido.
Abs e SA!!!