sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Não convenceram




Passada a euforia pela incrível classificação na Libertadores, voltemos a falar um pouco da "meritocracia" que o técnico Jair Ventura tanto prega na hora de escalar o Botafogo a cada partida...

Princípio que, deixo claro, concordo plenamente. Desde que faça sentido quando sai a lista dos titulares e reservas.

Diante disso, não há mais qualquer justificativa para o Botafogo continuar com Jonas na lateral direita e Rodrigo Lindoso no meio de campo. 

Me desculpem, mas por questão de justiça (e da tal "meritocracia"), passou da hora do Jair dar oportunidade real ao Marcinho e Matheus Fernandes.

O que vocês acham?


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

57 comentários:

Anônimo disse...

Bom dia.O Jonas era reserva quando o Vasco foi rebaixado mas o "setor de inteligência"achou que servia para o Botafogo.Quanto ao Lindoso nem vale mais a pena falar.Não teria vaga nem em times pequenos.
Sds

higor disse...

O Jonas nunca se firmou em lugar algum, jogador fraquíssimo. Mas acho que o maior culpado é quem o contratou, que já deveria estar longe do clube há bastante tempo.

O Lindoso é o eterno jogador do Madureira, não entendo o prestígio que tem com parte da torcida. Ao vivo no estádio dá pra ter melhor percepção, pois é um jogador que se esconde e só dá passe pro lado.

Eu daria chance ao pessoal da base.

Rodrigo Federman disse...

Pois é, Anônimo. Com todo respeito, mas não pode o Botafogo, disputando Libertadores, ter contratado os dois laterais (um de cada lado) do rebaixado - e fraquíssimo - América/MG?
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

RODRIGO,não discuto sobre o que desconheço,por isso não tenho opinado sobre a renovação ou não do EMERSON.O que é publicado,na maioria das vezes,não condiz com a realidade.
A minha sugestão é esquecermos o caso para não irritarmos os deuses do futebol,que têm sido bons conosco,rsrsrsrs.
Nunca fui muito admirador do EMERSON,esse sim mascaradíssimo até nas entrevistas,e achou,desde que passou a ser titular,que era o rei da cocada.Falha muito nas bolas altas,pois tem pouca impulsão.Com ele jogando provavelmente não teríamos a revelação MARCELO em campo.
Prefiro deixar as coisas acontecerem,mas a direção do clube não é imbecil e deve ter muita baixaria de empresário por baixo dos panos.A última informação que tive é que em 3 anos ele seria o maior salário do clube.Aliás,alguém comentou aqui esse detalhe.
Nesse ponto,discordo do amigo,tem que encostar mesmo,pois jogando sem ser atendido em suas pretensões,poderia fazer corpo mole em campo.Por mim,vai pastar em outra freguesia,como o LH,atualmente reserva do A Paranaense.A meu ver não fará falta.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Higor, concordo com suas duas colocações. O jogador não tem culpa de ser ruim. Culpa é de quem contrata e também de quem escala (a não ser que seja pressionado à isso).

Jota, em três anos também muitos jogadores sairão, chegarão. Não dá para afirmar que será/seria o maior salário do time. Até porque, hoje, por exemplo, aposto que já tem uns 4 ou 5 que ganham mais do que esse supostamente pedido em três anos. rs

Abs e SA!!!

Fábio Lucas disse...

Cada um agregará como pode gosto do RL e ainda acho o Jonas mediocre, Marcinho alterna muito quem sabe quando o Carli voltar o Marcinho mostrando mais pode ser que tome o lugar do Jonas.
Matheus Fernandes e outro porém para minha joga mais onde o Airton joga não aonde RL joga defende e armando jogadas,chegando para definir. Não é entanto que contra o macae quando matheus teve que arma a jogada foi mal pacas.

Silva disse...

Situação muito complicada.Se for eliminado(isola) vão dizer que encheu o time de garotos inexperientes.
Mas concordo que o sucesso do Marcelo faz a gente sonhar com novas revelações brilhando no time de cima.
Tentaria o Marcinho domingo.Mateus Fernandes,apesar de ser muito promissor,acho que pode esperar mais um pouco.Até pq Lindoso não é titular.

Enéias Teles Borges disse...

Sim, concordo. Os garotos do Botafogo têm mostrado serviço.

Rodrigo Federman disse...

Fabio, em minha opinião, não precisaria esperar o Carli voltar para efetivar o Marcinho.

Silva, eu tenho certeza de que são dois jogadores que a maioria da torcida concorda que não podem ser titulares. Assim, se perder, não creio em críticas. E além disso, sempre repito: O lance de experiência é relativo. Não pode ser considerado sempre idade com experiência. O RF, por exemplo, é bem mais velho que muitos atletas e se não me engano, só foi disputar a primeira divisão no ano passado.

Isso aí, Enéias.

Abs e SA!!!

Eziel Junior disse...

Como pode Carli ainda não esta recuperado? Como pode Camilo esta machudo? Cara não pra entender Canales não esta pronto pra jogar com 1 ano se preparando. Acho que esses pontos tem que ser questionado pelo diretoria tem visto tem que ser repensando. E inadmissível pagar um salário altíssimo pra um jogador que não joga. Algo de muito errado esta acontecendo e a diretoria tem repensar.

Rodrigo Federman disse...

Eziel, inadmissível mesmo! E curioso que nunca tem explicação.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Se o Jonas está titular por méritos...
Na boa, o Diego, não jogaria pior; o Marcinho, que estava à frente do Diego, diziam, não jogaria pior.
Que lateral é esse que quando a jogada se desenha pelo seu setor, um volante vai para o combate direto e ele fica na sobra?
E ele está fazendo 30 anos justamente hoje. Que tenha muitas felicidades, saúde, paz e tudo o mais que houver de bom; agora para jogar de lateral tem se mostrado péssimo.
E torço para que melhore, que fique claro.
SA!!!

J. Daniel disse...

A diretoria do Bota ao invés de se empenhar na permanência de Alemão, que não é nenhum craque, contrata um lateral de terceira divisão, sob o argumento de que em breve o titular LR estaria de volta. Quanto ao Lindoso, não é teimosia do JV, é falta de opção mesmo. Colocar o Mateus seria a solução, mas acho que é questão de disciplina tática e entrosamento. Com o retorno do Carli o Jair poderia testar a escalação de três zagueiros. O time ficaria assim: Gatito, Marcinho, Carli, Marcelo, Emerson, Victor Luiz, Airton, Bruno Silva, WM, Camilo, Pimpão e Roger(não é o atacante ideal, mas temos outro?). Esta formação fecharia mais o meio, possibilitando o avanço dos laterais. Na minha opinião,esta seria a alternativa para a saída do Lindoso e do Jonas. Saudações Alvinegras!!!!


Anônimo disse...

Texto de Cosme Rímoli R7.com


Jogadores não comemoram a classificação na Libertadores. Desabafam. Mas a descrença nasceu há décadas. Dirigentes irresponsáveis, incompetentes travaram os grandes times. Transformaram o Botafogo no maior devedor do Brasil…

"Nosso time é foda, desculpe aí.

Muitos ainda duvidam, e a gente gosta de queimar a língua de quem duvida.

Demos um vacilo ali, mas fomos muito fortes.

Quando falar do Botafogo, respeita um pouquinho mais, caralho!"

"Falaram que ia a ser goleada.

Falaram que tínhamos um time ruim, falaram muitas coisas.

Mas na próxima semana quem joga é o Fogão.

Parabéns!!!"

"Desde quando viemos treinar aqui ontem (terça), estávamos reconhecendo o gramado e deu uma determinada hora que pediram para sair. Chegamos hoje (quarta) aqui com um cheiro de tinta, acabaram pintando o vestiário. Se foi por acaso ou não, não sabemos, mas estava até comentando com o pessoal: "É brincadeira, pintaram só metade do teto. Por que não o teto inteiro então?" Entrei em campo com dor de cabeça porque o cheiro era muito forte. A gente foi para o aquecimento e o nosso lado do campo não estava molhado, então conversamos que quando fosse tocar a bola iríamos para o campo deles que tinham molhado. Isso é Libertadores."

De maneira direta, sem filtro, os desabafos de Bruno, Montillo e Rodrigo Pimpão. Impossível não sentir uma ponta de orgulho de tudo o que o Botafogo enfrentou e superou no Chile. Venceu seu primeiro e, teoricamente, mais difícil duelo na pré-Libertadores. Eliminou o Colo Colo dentro do seu covil, o Monumental em Santiago.



Teve mais do que estratégia.

Teve testosterona e amor à camisa.

Rodrigo Federman disse...

Márcio, nada explica. Até porque ele já mostrou ser fraco.
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Rodrigo, depois de um tempo analizando as contratações do nosso DII Departamento de Inteligência Inteligentíssima, cheguei a algumasconclusões de como são feitas as contratações vamos por partes:
Centro Avantes, de preferência que faça um ou dois gols por ano, caso de Vinicius Matheus, Canalles e agora o Roger
Atacantes de lado, que seja veloz, mas de preferência que seja um pouco burrinho, caso de Joel, Guilherme e Neilton.
Meias de criação, que seja lento, não aguente trombadas e que desapareça em campo, casos de Gegê, o próprio Camilo, Salgueiro, Lizio e Gervázio Nunes.
Volantes, tem que ser brucutu, meio tantã, e se tiver umj pouquinho de técnica, que de somente toquinhos pro lado, casos de Bruno Silva e Lindoso.
Zagueiros, tem que ser burro, (de preferência) perder as bolas pelo alto e por baixo, um exemplo clássico disso é o Renan Fonseca que preenche todos os quesitos, o Emerson Santos apesar de técnico preênche o quesito burridade.
Claro que de vez enquando nosso DII comete algumas falhas em seus computadores de altíssima qualidade, foi o que aconteceu com nossos melhores jogadores ano passado, Airton e Carli, no caso do Airton os computadores do DII tinha em seu sistema aquele jogador da primeira passagem, jogador brucutu, burro e quando soube que o teria de graça o contratou logo, acontece que as informações do Airton não estavam atualizadas e nosso Departamento custou a enxergar o erro e quando percebeu já era tarde, Airton já estava nos braços da torcida, no caso do Carli o Zagueiro passou um bom tempo na reserva do Quilmes e logo que chegou aqui não foi bem nos treinos e passou na análise do nosso Departamento, só que o Carli foi muito bem quando entrou deixando nossos análistas putos de raiva com mais este erro, e já foram inventando uma contusão pro nosso xerifão, lembrem-se que sempre que perguntavam porque o Carli não entrava inventavam que o Carli estava se recuperando de contusão, então é assim que as análises de nosso departamento funcionam.

Anônimo disse...

Continuação do texto

O Botafogo é um dos clubes brasileiros que mais foram massacrados ao longo de sua história. Foi dono de equipes fenomenais. Como que um clube que teve Garrincha, Didi, Nilton Santos, Gerson, Jairzinho, Carlos Alberto Torres, Amarildo, Zagallo, Manga, todos no auge, e que ganhou tanto ou mais dinheiro que o Santos de Pelé, com excursões, amistosos, exibições e não se fortaleceu como clube?

Não é o clube preferido de velhos jornalistas à toa.

Era maravilhoso assistir o clube de Garrincha nas décadas de 50 e 60.

Mas não se estruturou como deveria.

Por um motivo tão simples quanto revoltante.

Por décadas, o dinheiro que arrecadava não chegava ao clube.

Simples assim.

Clubes de futebol no Brasil são organizações particulares.

Ou seja, os milhões de torcedores só podem rezar.

Esperar que os sócios e conselheiros saibam votar.

E que os dirigentes administrem com capacidade e honestidade.

Só que muitas vezes o clube que amam ficam nas mãos de irresponsáveis, incompetentes e até mesmo corruptos. Só essa tenebrosa junção de ingredientes podem explicar o Botafogo ser o clube mais endividado do país.

São nada menos do que R$ 734 milhões.

Ao ritmo que paga suas dívidas, destinando 20% das receitas, o clube carioca pagaria o que deve, desde que não gastasse mais nada, só daqui 36 anos. Como já segue gastando, não há perspectiva real de sequer se equilibrar financeiramente. Quanto mais parar de dever. Mesmo com a indecente ajuda governamental chamada Profut, medida demagoga de Dilma Rousseff, tentando apoio para fugir do impeachment.

Ela foi defenestrada do poder, mas sua herança maldita ficou: o perdão de parte das dívidas com impostos com o governo e a divisão do restante em 240 meses, vinte anos. Privilégio que clubes e suas administrações corruptas aplaudiram de pé. Nem a mudança de partido que comanda o Planalto mudará esse presente. Políticos sabem que torcedores são eleitores.

Mesmo com essa ajuda, o Botafogo segue mergulhado nas dívidas.

Anônimo disse...

continuação do texto

Administrações assustadoras travaram o clube. Só conquistou um Brasileiro na sua história. O de 1995. Se dirigentes, principalmente na década de 60, não tivessem focado ganhar dinheiro, exibindo seus craques como Garrincha, como em um circo itinerante pelo mundo, acumularia conquistas fundamentais. A escolha foi pelos cachês fáceis e altos. Que nunca refletiam na melhoria do clube.

Depois da fase áurea, os vexames.

Inevitáveis sem dinheiro.

O jejum de 21 anos sem título algum, quebrado no estadual de 1989.

Lógico que flamenguistas, vascaíno e tricolores se vingaram.

E tentavam ridicularizar a fraqueza de quem já foi tão forte.

Espalhar a descrença.

Vieram os dois rebaixamentos para a Segunda Divisão.

A expulsão do ex-presidente Mauricio Assumpção é algo simbólico. Ele foi expulso do quadro associativo do clube no ano passado. Os motivos: improbidade administrativa, prejuízo ao patrimônio do clube, favorecimento a amigos e empréstimo sem destino especificado.

Maurício também foi acusado de nao pagar direitos trabalhistas que resultaram na saída de jogadores, a exclusão do ato trabalhista durante sua gestão e a omissão em cobrar prejuízos causados ao Botafogo pelo ex-presidente Bebeto de Freitas na ordem de R$ 1,5 milhão. Enfrentou também a denúncia superfaturamento na compra do volante Renato, que hoje está no Santos.

Auditoria da "Ernst & Young" apontou teve 100% dos direitos de Renato adquiridos em maio de 2011, mas um mês depois teve mais 80%, totalizando 180% de algo absurdo. Renato ganhava R$ 380 mil e assinou contrato por três anos.

Foi descoberto também um contrato de consultoria do clube com a Romar, uma empresa que pertencia ao falecido pai e à madrasta do ex-presidente botafoguense. A Romar recebeu, por exemplo, 5% do contrato com a patrocinadora Viton 44. O contrato em 2014 chegaria a R$ 25 milhões, a porcentagem da consultoria chegaria a R$ 1,250 milhão.

Assumpção presidiu o clube de 2009 a 2014.

Negou todas as acusações, mas foi expulso e a vida seguiu.

Se os escândalos tivessem acontecido em uma empresa 'normal' as consequências seriam outras. Mas no futebol, os dirigentes tudo podem. O dinheiro, teoricamente, não é de ninguém. É do clube.

O Botafogo tem 122 anos.

Anônimo disse...

última continuação do texto

E disputa apenas a sua sexta Libertadores na história.

Nunca a conquistou.

Venceu a Taça Brasil de 1968 e o Brasileiro de 1995.

Conquistou a Conmebol de 1993.

A Segunda Divisão de 2015.

Quatro Rio-São Paulo.

E vinte Cariocas.



É uma camisa gloriosa cercada de dúvidas.

Os questionamentos não são por acaso.

E refletem diretamente nos jogadores.

Cercados há décadas por dirigentes, no mínimo, incompetentes.

Para resgatar o crédito, o Botafogo precisa ganhar de si mesmo.

Dar um fim à sabotagem de quem o comanda.

Só assim voltará a montar times fortes de verdade.

Por isso acumula apenas 1,8% dos torcedores brasileiros.

Só 3,6 milhões de pessoas.

Ocupa a 12ª colocação na preferência nacional.

Só é o primeiro no endividamento.

A descrença no Botafogo nasce dentro do próprio Botafogo...



Francelino Bouéres disse...

Meus amigos, por mais incriável que possa parecer - coisas do medíocre e ajambrado futebol brasileiro - o nosso glorioso está em processo de transição, no que se refere à formação de seu plantel.É chato? Um saco?...É! A nossa grande virtude é termos formado, nesses últimos anos, uma safra boa da base que nos possibilitou o encaixe para o time principal de um número considerável e a titulatividade de alguns. Agora, com a condições de confiança dessa rapaziada será possivel removermos alguns jogadores, que ano passado foram úteis na série B, mas que na atualidade e no nosso estágio de competição não possuem mais nenhuma condição, casos de Lindoso, o Barbudo da zaga, LH (já saiu), Sassá, o atacante híbrido de R$ 250.000 e outros. Sobre o Emerson, gostaria que ele permanece-se e desenvolvesse seu futebol, mas se não quer tem quem queira, simples assim! SDS!

Anônimo disse...

Quanto ao time, Caca Azeredo disse que o resultado contra o Colo-Colo só mostrou o quanto os jogadores são dedicados e cientes dos objetivos. O dirigente está muito confiante em uma ótima participação na Libertadores da América.
- O grupo parece uma família. Tem que ter foco e determinação. Não é um plantel espetacular, mas um plantel que quer tirar o Botafogo desse caos que estava aqui. Eles estão nos ajudando muito. Acho que vamos chegar longe nessa Libertadores. A torcida do Botafogo pode acreditar.

Anônimo disse...

dizem que o jonas e fraco mais os cruzamentos dele sao otimos e bola com curva pra dentro fora que ele tem habilidade e explosao ......djalminha abrcs botafoguenses

Yolanda Resende disse...

Concordo Rodrigo. Dois laterais fracos e na direita o jovem e promissor Marcinho pedindo passagem. Como o clube gosta de queimar sua base.
Quanto ao ES é difícil dar uma opinião já que no clube tem jogadores ganhando 250 mil sem jogar e nenhuma satisfação é dada.

Fábio Lucas disse...

https://www.fogaonet.com/noticia/botafogo-nao-deve-mais-fazer-proposta-por-zagueiro-emerson-santos/
Ja era agora que contratem um bom zagueiro, Kanu não é a solução para esse problema alguém aqui falou de fluzin jogar com a base pode ser que dance no Brasileiro igual ao inter ano passado.

Celso Ricardo disse...

Com Jefferson, LR e Carli creio que nossa defesa seria a melhor do Brasil. Um time começa pela defesa. Muito desfalque para um Clube só, na mesma zona de jogo.
Às vezes acho que somos ( incluo-me nessa ) muito exigentes.Será?

Rodrigo Federman disse...

J.Daniel, disciplina tática? Basta instruir o Matheus a respeito do que o Jair quiser. Se ele tem mais bola, não existe justificativa para continuar insistindo com Lindoso.

Valeu, Anônimos 1,2,3 e 4.

Ivo, eu tento dar crédito à eles, mas são tantas contratações estranhas que eu juro que não consigo.

Francelino, então o JV pode apressar alguns jovens, né? Não dá mais para Marcinho e Matheus serem reservas de Jonas e Lindoso.

Anônimo 5, só espero que ele reconheça a limitação do elenco.

Djalminha, eu acho ele bem fraco.

É bem por aí, Yolanda.

Ok, Fábio.

Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Celso, só é exigente quem sabe que pode mais, né?
Abs e SA!!!

Kal disse...

Pior, o América-MG tinha um EXCELENTE lateral, Danilo Barcelos, joga nas duas laterais, marca bem e apóia melhor ainda, fez acho 12 ou 13 gols em 2016 - jogando de lateral -, porém eles contratam Jonas e Gilson. Francamente....

Rodrigo Federman disse...

Kal, junta os dois e não dá um.
Abs e SA!!!

Kal disse...

Coloca eles no REFFIS do São Paulo pra você ver se em duas semanas esses caras não estão em campo correndo. Nosso DM é fraquissimo. Jefferson que o diga.

Kal disse...

Nas partidas qué vi esse ano, Marcinho foi de razoável pra bom. Superior ao que vi do Diego e ao que estou vendo do Jonas.
Eu iria com Marcinho quarta que vem. E sem tirá-lo do clássico de domingo, obviamente.

Kal disse...

Colocou 3 zagueiros, ok, só esqueceu que não se joga com 12 e sim com 11...

Anônimo disse...

Roger fez 22 gols ano passado..

Daniel Cananea disse...

11° torcida. A última pesquisa Datafolha/Lance nos colocou a frente do FluminenC e com empate técnico com o Atlético-MG.

SA!

Rodrigo Federman disse...

Concordo, Kal.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Kal, e o Diego também é melhor que o Jonas.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Ok, Kal.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, e nem assim empolga.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Ok, Daniel.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Já está resolvido quanto aos jogadores marcinho e matheus, e os atacantes? Bom VT é melhor que o Roger, ainda Pachu melhor que Guilherme e o Gorne também tem ótimo potencial e merecia uma chance e a camisa 9, e inda não sei que tanta experiência é essa, e porque jogadores contratados tem que ser titulares, e não vejo tanta experiência para desfazerem dos pratas da casa!

Daniel Cananea disse...

Vi o Roger dando entrevista dizendo que quer jogar domingo, e pasmem, com o argumento de PEGAR RITMO DE JOGO. aparentemente nós aqui do blog não estamos errados pois até o próprio jogador diz que é importante (pra parte física) jogar.

SA!

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, discordo completamente de VT. Nunca é melhor que o Roger ou qualquer outro ali.
Abs e SA!!!

Daniel Cananea disse...

http://m.lance.com.br/botafogo/carli-treina-com-grupo-aumenta-suas-chances-enfrentar-olimpia.html

Rodrigo Federman disse...

Daniel, esse lance de poupar é de uma babaquice (minha opinião) sem igual.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Pode ser que no momento sim, o Roger é mediador aos velozes, aparador de bolas e rebotes para o RP que está sempre no anteparo faminto. Quanto ao Montillo que dribla o tempo todo, corre desesperado e depara com um campo infinito sem ver nenhum outro jogador na sequência, isso ataca meu coraçãozinho. Se o RP não estivesse ali não sairia gol, pois no 1° tempo, o gol contra provocou nervosismo geral, e o "ES" pouco fez ou faz. Concorda?
Poupar sim os titulares, a sobrecarga é grande nestes jogos importantes. O Carioca acontece sempre e oferece mais oportunidades de fazer os outros jogadores adquirir experiencias! Concorda?

Rodrigo Federman disse...

Não, Anônimo. Sou sempre contrário a poupar jogadores.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Cacá Azevedo, vice de futebol criticou o empresário do Émerson Santos.

"...Continua a mesma coisa. Não sei o que ele (empresário) quer. Só quer prejudicar o jogador. Quer ganhar dinheiro lá na frente? O jogador deu uma entrevista dizendo que está triste, frustrado... Então o empresário tem que colocar a cabeça no lugar e ajudar o menino. Não atrapalhar. Tem que ajudar..."

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/2017/02/vice-do-botafogo-critica-empresario-de-emerson-quer-prejudicar-o-jogador.html

Não discuto o vice de futebol estar bronqueado com o empresário do jogador.
Entretanto, não custa saber qual a revolta por estarem jogando uma boa quantia no ralo com o Canales?
Trouxeram um jogador com histórico de contusões e ainda pagando um dos maiores salários do elenco. Isso pode?
SA!!!

Anônimo disse...

Vamos pegar o Barrios do Palmeiras.

Paulo Fernando disse...

Celso, concordo com você: Jefferson, Luiz Ricardo, Carli, Marcelo e Victor Luiz formam, na minha opinião, em tese (isso porque só existem ainda na teoria, afinal nunca jogaram todos juntos) a melhor defesa do Brasil (outras até podem ser tão boas, mas nenhuma melhor).

fabio lucas disse...

Lokomotiv-russia ofereceu 5 milhoes no sassa recusa pelo valor ser considerado baixo, deveria fazer pelo menos uma contraproposta tipo 3 milhoes+maicon bolt ou entao 4 milhoes+ o goleiro guilherme nao adianta nada ficar parado.

Rodrigo Federman disse...

Márcio, além de alguns outros também.

Anônimo, 1 milhão por mês...

Paulo, no mesmo bolo. O lance é que essa teórica zaga só jogará lá para agosto...

Ok, Fábio.

Abs e SA!!!

Rui disse...

O time ta em evolução e pode melhorar bastante ainda com Carli, Luís Ricardo, Jefferson, evolução do João Paulo. Se o Marcelo se adaptar jogando pelo setor esquerdo como joga no direito vai ser ótimo.

Rodrigo Federman disse...

Vai sim, Rui.
Abs e SA!!!

Daniel Cananea disse...

Creio que Carli estará entre os relacionados pro jogo de ida na próxima quarta.
Não consigo entender a situação do Luis Ricardo, afinal era pra ele já treinar com bola na pré temporada e estamos na metade de fevereiro e o único lugar que o vemos é nas farras na casa do Adriano mulambo.
O Jefferson, agora operado por um profissional de ponta, voltará a treinar com bola no final de maio, se Deus quiser.

Os 3 estão fazendo bastante falta.

Ao contrário de Sidão, Gatito não mantém o nível próximo ao de Jefferson no gol do Fogão. Emerson Silva não joga metade do que o Carli joga, e confesso que passei calafrios nos dois jogos contra o Colo-Colo graças a ele. Na lateral direita ainda tenho esperança que Marcinho seja o novo Marcelo (no sentido de barrar um pereba, pois Marcelo já parece pronto pra ser titular independente da volta do Carli e Marcinho ainda seria reserva do LR).

SA!

Rodrigo Federman disse...

Daniel, eu confesso ter ficado mais nervoso no jogo do RJ do que em Santiago.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Bom dia
Lindoso deve ter um anjo daguarda bem poderoso. Lento, quando tenta chutar cai é horroroso. Assistir o botafogo com ele é ter ataque de tosse e desmaia no sofá.
Em tempo um anonimo escreveu que HL estava cimentado. Incrivel que treinador de goleiro do fogão não vê isso. Culpado dos gols.
Abs

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, deve ter padrinho forte em GS.
Abs e SA!!!