quinta-feira, 4 de maio de 2017

E a coerência?




Durante boa parte da temporada passada, a dupla de zaga titular foi formada por Carli (direita) e Emerson Santos (esquerda).

Até que o resultado foi satisfatório.

Na reta final, tivemos algumas situações em que o Emerson precisou quebrar o galho na lateral direita.

Virou 2017, tivemos o imbróglio da renovação contratual do jovem defensor, afastado logo em seguida.

Abriu-se espaço para outro Emerson, o Silva, atuar ao lado do argentino.

Eis que surge o bom Marcelo, com partidas incríveis e ganhando a torcida.

Logo, o pedido quase que unânime: Carli e Marcelo titulares.

Acontece que o Silva (que justiça seja feita, faz uma temporada aceitável) goza de muito prestígio com o técnico, que logo explicou porque não consegue ver Carli e Marcelo juntos:

"- Hoje ele (Marcelo) é central, pode ser quarto zagueiro. A gente pode treinar em uma situação, mas vale a pena adaptar? Podemos fazer uma adaptação, mas Emerson Silva hoje está muito bem. Pode acontecer, requer um tempo maior, não é o ideal".

Ok, Carli e Silva na zaga. E com as séries de contusões dos laterais direitos, hora do Marcelo quebrar galho pelos lados.

Os laterais continuam machucados...
...mas o Emerson Santos é reintegrado. Ou seja, os quatro zagueiros (não estou considerando o Rabello e Renan Fonseca) disponíveis.

Na última quarta-feira, contra o Barcelona, a formação inicial: Emerson na lateral, Carli e Silva. Marcelo no Banco.

No intervalo, por questões médicas, o Silva precisa sair.

Considerando o histórico do Emerson Santos ser zagueiro pela esquerda (estar levando um baile dos atacantes equatorianos na lateral), do treinador não conseguir ver o Marcelo atuando na zaga ao lado do Carli e o fato de também já ter feito a lateral algumas vezes, o que imaginei: Marcelo, Carli e ES.

Mas aí surge o Jair, contrariando tudo o que sempre disse. Manteve o Emerson na lateral e finalmente escalou Carli e Marcelo (pelo lado esquerdo) juntos. Sem treino, sem o tal tempo para trabalhar e adaptar...

Isso que eu chamo de mudança rápida de convicção. Ou então o JV é visionário e passou a semana inteira treinando - sem ninguém saber - essa formação defensiva do segundo tempo.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

57 comentários:

Silva disse...

Concordo que Marcelo talvez fosse a melhor opção,pela velocidade dos equatorianos.Como Santos desempenhou bem a função (defensivamente falando),acho que ele preferiu manter.
O que mais está me preocupando é a queda de rendimento do Carli,parece que não está com 100% das condições.Quem viu ele jogando o ano passado e vê hoje nem parece o mesmo zagueiro.

Rodrigo Federman disse...

Silva, mas não é contraditório, considerando que o JV disse que para colocar o Marcelo pelo lado esquerdo, não seria fácil e precisaria de tempo? Jogou ao fogo. E pior: Com o Emerson sendo quarto zagueiro e o Marcelo central, já também tendo desempenhado função de quebra galho na lateral. E além disso, não acho que o Emerson estivesse seguro ali pela lateral.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Quando o time perde, sempre aparece as criticas mais o óbvio deste jogo,foi as 02 falhas individuais do Emerson Santos mal colocado e do Joel Carli que com sua lentidão, foi querer disputar em velocidade com o atacante equatoriano, sem fazer uma falta antes.
O outro gool foi a falha individual do Emerson Silva, que chegou atrasado e a péssima saída do Gatito.
Outra razão foi as péssimas finalizações do nosso ataque, que não tem um centroavante goleador nato,para aproveitar as oportunidades.
Esses foram os causadores da derrota, único erro do Jair é não ter escalado o Marcelo ou como lateral ou como zagueiro,porque é o nosso melhor zagueiro, dificilmente é driblado por qualquer atacante e até hoje não entendo a meritocracia do Jair em colocar o Marcelo no banco; pois ele na defesa do Botafogo só não é melhor do que o Vitor Luis, já que Carli,Emerson Silva e Emerson Santos passa longe do futebol do Marcelo.
Agora as criticas aparece já que nas derrotas é sempre normal.
ANTONIO LOPES E PRESIDENTE CARLOS EDUARDO PEREIRA CADÊ AS CONTRATAÇÕES.
Ontem assistindo o jogo do Santiago Silva um cara guerreiro e artilheiro, fomos atrás do bichado Canales e jogamos dinheiro fora para caramba..

Marcos Antonio

Rodrigo Federman disse...

Marcos, respeito mas discordo. Críticas justas e merecidas. E os erros foram outros além desses (minha opinião).
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Não vejo nada de errado o Jair mudar suas convicções, ao contrário, acho até bom, eu mudo, você muda todos nós mudamos, antes do jogo por exemplo, eu defendi a escalação do Guilherme, e fui contrário a escalação do Roger, você disse que não entraria com Guilherme nesse jogo, e que escalaria o Roger, bem ao ver como a situação do jogo se apresentava, mudei minhas convicções, percebi que apesar de ter se destacado nos jogos contra atlético nacional e sport, ontem não era jogo para o Guilherme, que Sassá deveria jogar pelos lados, e não como centro avante, e que o Roger deveria ter entrado sim, não como estava jogando, mas um pouco mais recuado, mas concordo que ele deveria ter colocado o Emerson Santos, no lugar do Emerson Silva, pois está mais acostumado a jogar nessa posição, e ter colocado o Marcelo na lateral, só pra citar mais um exemplo, nas eliminatórias pra copa de 94 o Parreira não queria convocar o Romário, pois era um jogador problemático, quando viu que a vaca ia pro brejo, Parreira mudou suas convicções e convocou o baixinho, então não é tão errado mudar suas convicções, claro as vezes você tem que ser fiel ao que pensa.

Conceitos disse...

O Botafogo poderia ter sobrevivido a esse jogo, mesmo tomando os 2 gols, desde que tivéssemos um centro-avante matador, que saiba chutar em direção ao gol. Nossa deficiência maior hoje sabemos que é a falta de um meia criador, que não esteja bichado e nem no chinelinho e um atacante de verdade pq Sassá, Guilherme, Pimpão, Roger, Tanque e Joel são arremedos de um atacante; junta os 6 e não dá 1 que preste.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, bom, em minha opinião ele não mudou convicção. Só se contradisse. Mas enfim, minha opinião.

Conceitos, junta-se todos atacantes e não temos um bom sequer.

Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Ivo, bom, em minha opinião ele não mudou convicção. Só se contradisse. Mas enfim, minha opinião.

Conceitos, junta-se todos atacantes e não temos um bom sequer.

Abs e SA!!!

Paulo Brifficado disse...

Inaceitável. Marcelo joga pela direita (como zagueiro ou improvoaado como lateral) e foi colacado na esquerda. Seria aceitável se... não tivessemos em campo um zagueiro que jogou boa parte da temporada passada pela esquerda, jogando de lateral direito!!
Era só Jair fazer o óbvio: Emerson vai pra sua POSIÇÃO DE ORIGEM e Marcelo vai pro o LADO do campo onde está ACOSTUMADO a jogar. Simples. Mas assim como o Roger jogando de meia, essa foi uma situação inexplicável.
Jair tem crédito, mas em Libertadores não é bom dar sopa pro azar. Fazer o feijão com arroz vai levar esse time de operários longe. Invencionices, nos eliminarão.

Se permite, só uma correção no excelente(e pertinente) post. Não abriu-se espaço para o Emerson Silva a partir do imbróglio pela renovação do xará, e sim pela contusão em Setembro. Dali em diante, Emerson Silva não saiu mais do time titular, inclusive formou dupla de zaga com Carli na arrancada que culminou com a classificação à pré Libertadores.


SAN!

Anônimo disse...

Parreira não mudou suas convicções. Ele sempre soube que Romário era um "fora-de-série", mesmo sem convocá-lo. O problema entre eles era pessoal.
O que aconteceu foi que ele achou que se classificaria mesmo sem a ajuda do desafeto camisa 11, e quando se deu conta que poderia não ir à Copa, deu o braço a torcer e engoliu a seco o baixinho.

Rodrigo Federman disse...

Exatamente, Anônimo.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Paulo. De todo modo, acho que se o ano virasse sem o imbróglio, o Santos começaria titular. Mas sobre a incoerência do JV, foi o que você disse. Era óbvio. E contra tudo o que ele falou quando 99% da torcida pedia a zaga com Carli e Marcelo.
Abs e SA!!!

Renan SP disse...

Rodrigo , sinceramente eu também imaginava​ que o Marcelo fosse para a lateral e o Emerson voltaria a zaga .
Enfim , o Jair Ventura errou em tudo .

Se tivesse ganho a partida, a mídia diria que ele teve ousadia e criatividade na escalação e nas escolhas nas substituições Kkk.

Como perdeu , tem mais é que aprender com os erros e não repeti-los .
Mesmo que ele não assuma publicamente,
Espero que particularmente ele possa ter consciência de que errou , torço por isso .

Em relação a nossos atacantes, concordo com você , em meio a tantos , não temos um bom .
Erro da nossa diretoria na montagem do elenco, claro que sim , isso é indiscutível.

Mas parte da torcida também não ajuda em nada nas cobranças, chamando Sassá, o marrentinho, de Sassalotelli​, Camilo de CaMITO, e por aí vai ... Roger já tem apelido carinhoso? Guilherme? Não né, menos mal ...
Sinceramente, acho que o Camilo não foi tão paparicado pela torcida , nem quando jogou em times pequenos .

O torcedor tem que parar com isso ! Entender que temos camisa , tradição, não somos time pequeno .

Se não conseguimos ter um atacante de 1 milhão, Também não precisamos ter 10 atacantes de 100 mil , que a diretoria traga 2 para ganhar 500 mil .
Estou apenas dando um exemplo ...

Sei que não estamos nadando em dinheiro , mas é só mandar esses trastes embora que daria para trazer um bom jogador , aliás só com as Saídas​ do Canales e do Neiton já daria para trazer um ótimo jogador .

Eu já disse , nosso time com um atacante matador , que saiba decidir uma partida , pode ir longe , mas parece que em GS preferem sempre arrumar desculpas ...

Um abraço

Rodrigo Federman disse...

Isso aí, Renan. Estou 100% de acordo, amigo.
Abs e SA!!!

Enéias Teles Borges disse...

Também não entendi

Celso Ricardo disse...

Como já escrevi aqui, nossa diretoria é tal qual aquele aluno que estuda do capítulo 10 ao 12, achando que tá bom. Na prova, caem 40% do 13 e 14.
Ou seja, montar um time e não contratar um goleador é muito amadorismo.

Rodrigo Federman disse...

Poucos entenderam, Enéias.

Verdade, Celso.

Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Bom também acho que o Marcelo deveria ter entrado ontem, mas analisou da seguinte forma, o Emerson até ontem, estava jogando muito bem, tanto é que os dois atacantes que fizeram os gols no Nilton Santos não se criaram lá em Guayaquil, até o jogo de terça o único gol que saiu pelo lado do Emerson foi aquele pênalti que o Fernandes fez o favor de cometer para os mulambos, então até então ele tinha um desempenho muito bom, o problema é que nesses jogos o Emerson estava jogando quase como um terceiro zagueiro, terça feira ele teve que sair, jogar como lateral mesmo, não é a do Emerson ele é lento, no primeiro gol ele ta longe e como é um jogador lento não conseguiu fazer a cobertura, já o Marcelo o que tenho visto dele jogando como lateral é que joga melhor quando o time propõe o jogo, e não joga tão bem quando o time joga recuado, tanto é que o gol que levamos do Olimpia saiu de uma falha do Marcelo, o que colocou em risco nossa classificação, sorte que o Gattito é imbatível na cobrança de pênaltis, já quando o Botafogo teve que propor o jogo no jogo contra o estudiantes, ele foi muito bem, tanto é que o nosso primeiro gol tem origem num cruzamento dele, resumindo os dois são bons laterais, um falhou, outro jogou muito mal, um rende melhor com o time jogando de um jeito, outro joga melhor com o time jogando de outro jeito, ontem deveria ter entrado o Marcelo, pois é um jogador que tem um desempenho melhor quando o time tem que propor o jogo.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, mas o próprio JV disse que para o Marcelo jogar pela esquerda é difícil e exige tempo. E o Emerson joga pela esquerda. Contradição total.
Abs e SA!!!

VinnyMarques disse...

Porra... Obrigado pela postagem! Tive a mesma linha de raciocínio. Achei que estava ficando louco, que tinha desaprendido futebol...
Arrogante, prepotente e INCOERENTE!
Falei o mesmo pra uns amigos... Porra, era só colocar o Marcelo na LD, já que é central e o Santos na zaga, seu lugar de origem! Simples assim! Qual a dificuldade disso, cara?
Ainda muito P... com a derrota.

Rodrigo Federman disse...

Pois é, Vinny. E fica mais louco quando lembramos da declaração dele sobre Carli e Marcelo juntos, né?
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

RODRIGO,meu caro,é por isso que quase não assisto a programas esportivos,pois com raras exceções,a maioria também é INCOERENTE.Falam um monte de abobrinhas e são cheios de marra,como se conhecessem futebol a fundo.Não citarei nomes,mas segundo alguns amigos de minha filha que atuam na área esportiva,alguns,caso tentem chutar uma bola,caem de quatro e não levantam,rsrsrsr.Mas quem os ouve falar,acredita que são feras no nobre esporte bretão.
E o pior é que os treineiros adoram ser convidados para participar.
Aí são aquelas baboseiras clássicas que conhecemos bem.Então,quando sai dali,o cara em vez de fazer o trivial,simples,etc,tem que INVENTAR para ser diferente,para ser reconhecido como estrategista,e então,volta a ser TREINEIRO DE MERDA,simples assim,só para descontrair.JOTA.

Ivo Santos da Costa disse...

Rodrigo acho que não fiz me entender direito, em relação ao que você falou concordo totalmente, estava me referindo a utilização dos dois jogando como laterais já que os dois já jogaram como laterais, e muitos inclusive eu acha que quem deveria ter entrado como lateral era o Marce!o, pelo menos no jogo de terça.

Paulo Fernando disse...

Perfeita essa análise Rodrigo. Que baita incoerência, sempre com justificativas diferentes depois. Ah lembrei, ele é marrentinho...
Mas bom técnico para montar time defensivo e péssimo pra mudar pra ofensivo.

Rodrigo Federman disse...

Perfeito, Jota.

Sim, Ivo. Entendi. Os dois na lateral, entendo. Acontece que por lógica - e por tudo que sempre disse -, o Marcelo jamais deveria entrar na quarta zaga. Isso porque ele, segundo o JV, é central e não poderia entrar sem estar treinado. E o Emerson naturalmente atua na quarta zaga. Ou seja, o JV mostrou ser um poço de incoerência nessa questão.

Paulo, concordo. Incoerente e, infelizmente, egocêntrico demais para quem apenas está começando na carreira e já fala e posa como se fosse um vencedor nato na carreira.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Segundo tempo, deu para perceber que o Jair quando fala em meritocracia é balela, porque com a entrada do Marcelo na quarta zaga, junto com o Carli ganhou em velocidade.
Quero vê quando o Jair terá coragem de tirar o Emerson Silva e colocar o Marcelo por ali.

Ivo Santos da Costa disse...

OK, entendi, Rodrigo essas maluquices do Jair tem me deixado muito preocupado, não sei se você concorda, mas nosso maior perigo de perder essa vaga são as maluquices do Jair, em 2014 também fazíamos uma excelente campanha e perdemos a vaga, claro o time era mais fraco, mas o grupo também era mais fraco, segundo os especialista o grupo mais fácil daquele ano, nosso grupo é mais difícil, com o ótimo jogo do atlético contra o estudiantes, corremos grande risco de perder o jogo novamente, já que é quase certo que o Jair vira novamente com suas invencionices, ai vamos ter que decidir na Argentina, que dependendo do seu jogo contra o barcelona, também poderá estar lutando por uma vaga, ainda está fácil, mas com as invencionices do Jair, devemos começar a nos preocupar.

J. Daniel disse...

Estou convencido que o plantel do botafogo precisa ser reforçado, para pensar grande nas competições que tem pela frente. Estou sentindo que a equipe considerada titular está desgastada por falta de reservas à altura. Outro ponto que me preocupa, o Carli não conseguiu reeditar suas boas atuações. A falta de um lateral de ofício, o descontrole emocional do Airton e do Bruno Silva, a falta de um atacante artilheiro, são outros pontos negativos que me deixam preocupado. Esperamos que consiga superar seus adversários e passar para próxima fase dá Libertadores. O atacante que eu e a torcida estamos pedindo, com certeza, não se trata do Neiltom. Avante Fogão!!!!

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, para mim, essa de meritocracia que ele tanto fala, é balela desde o ano passado, quando não utilizava a própria em várias situações.

Sim, Ivo. Me preocupa também como esse grupo poderá reagir em casa de pressão maior ainda (dependendo do próximo resultado). Além, claro, do JV tentando aparecer mais que os atletas.

Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

J.Daniel, mas desgaste de que? Que são limitados tecnicamente, ok. Que os reservas são, na maioria, bem piores, também. Mas desde que não falem mais na questão física.
Abs e SA!!!

Leonardo13 Germano disse...

Rodrigo, boa noite! Me permita um elogio ao seu post: achei brilhante!

Jair não é diferente da grande maioria dos técnicos. Eles não reconhecem que erram e muitas vezes desejam sustentar um status de inteligência e domínio de futebol que não possuem.

Jair Ventura, todavia, possui crédito. Nosso time é limitado e o mesmo elenco que brigaria contra série B hj eSta na libertadores a uma vitória em casa da classificação antecipadà.

O fato concreto é que Jair cagou o pau na terça. Espero que nunca mais esqueça que possui um time limitado e acostumado há mais de um ano a uma forma de jogo. Nós somos melhores dando a bola ao adversário e marcando muito intensamente no meio campo.

Abraços.

Leonardo Germano

Ivo Santos da Costa disse...

Bem já que citaram o nome do Bruno Silva aqui, ontem ele foi julgado por causa do episódio da bolada e pegou apenas três jogos de suspensão, como já cumpriu um, vai cumprir apenas dois, eu avisei, não avisei, e vocês preocupados achando que ele ia pegar um ano de suspensão.

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Leonardo. Tomara mesmo que ele tenha aprendido a lição e seja mais humilde daqui para frente.

Ivo, o risco de uma pena maior existia.

Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

O que eu achei estranho no caso Bruno Silva é que quem "denunciou" ele foi Luis Fabiano. Dêem uma olhada no vídeo e observem. O árbitro não viu o lance, não consultou quaisquer auxiliares e puniu o jogador. Baseado no que Luis Fabiano diz: " Foi ele..."

Ivo Santos da Costa disse...

Sim Rodrigo, mas todos sabemos como a justiça desportiva funciona, e se o Bruno Silva não fosse tão burro, e pedisse desculpas ao árbitro na hora, sequer teria sido denunciado, pois o que pegou mal pra ele, não foi a bolada, mas sim não ter pedido desculpas na hora, espero que tenha aprendido a lição.z

Rodrigo Federman disse...

Possa crer, Celso.
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Ué Celso Ricardo, o árbitro levou uma bolada e não viu, não entendi.

Rodrigo Federman disse...

Tomara, Ivo. Foram duas expulsões e várias demonstrações de nervosismo nas últimas partidas.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Ivo, não viu quem chutou e não teve tempo pra avaliar se o chute foi proposital , ou seja, para atingi-lo. Ele procura e LF que informa.

Rodrigo Federman disse...

Pareceu mesmo, Celso.
Abs e SA!!!

Daniel Cananea disse...

Não existe meritocracia com o Marcelo no banco.

Marcio disse...

Coerência? Pura balela! Muita das ações dos técnicos desmentem os seus discursos...
Para jogar do outro lado da zaga precisa de tempo, para entrar no sufoco de um jogo corrido pode; e para piorar, tinha em campo um especialista do lado esquerdo da zaga...
Ou seja, seguindo o raciocínio do Jair, o BOTAFOGO ficou com duas improvisações na linha de defesa; Marcelo sendo o zagueiro pelo lado esquerdo (sem tempo de treinamento) e o Émerson Santos de lateral.
A NASA vai tentar decifrar a linha de raciocínio do "professor".

E isso me fez lembrar do Ricardo Gomes, quando cobrado por oportunidades ao Luis Henrique, disse ser mais fácil para um zagueiro jovem jogar do que para um atacante. O zagueiro jovem pode marcar o Messi e CR7; um atacante jovem não pode ser marcado pelo Chiellini e Bonucci.

Uma outra coisa, o Jair parece não ter observado que na vitória frente ao Sport, embora o Fernández tenha defendido um pênalti e ter sofrido uma bola na trave, o BOTAFOGO começou a virar o jogo quando o Ney Franco abriu o seu meio campo ao colocar mais um atacante quando o Bruno Silva foi expulso. Faltou humildade ao Ney Franco ao imaginar que poderia ir para cima de qualquer modo e fazer um placar elástico.

Para terminar, zaga que joga exposta tem pouquíssimas chances de ser bem sucedida, pois a vantagem é toda do atacante. O zagueiro não pode falhar, corre o risco de fazer uma falta perigosa ou até um penalidade máxima. Em resumo, na maioria das vezes, zaga boa é zaga bem protegida.
SA!!!


Vitor José Biolchi disse...

Sem criticar o Jairzinho (o Jair é um técnico inferior ao Ricardo Gomes, mas tem mais estrela), uma constatação clara: tem toda razão o seu comentário quando se refere ao Marcelo, ou seja, precisamos de um zagueiro leve e veloz e, portanto, o MARCELO se torna imprescindível para uma ÓTIMA composição da defesa Alvinegra. Provou que pode tranquilamente jogar ao lado do Carli. O Silva, claro, tem feito uma boa libertadores.

Vitor José Biolchi disse...

Chamou-me atenção aí num comentário "mandar estes trastes embora". Por dois motivos eu não concordo. Primeiro, porque quem gosta ou ama o seu clube, respeita os seus jogadores, ainda que cobre e que ache este ou aquele ruim (aliás, quem respeita o ser humano e, ainda que seja uma "gíria do futebol", digamos assim, é ofensiva à dignidade humana). Segundo, para mandar estes "seis" para pagar dois a um valor de quinhentos mil, não é bem assim, porque há que se cumprir contrato (portanto não há economia nenhuma, pois não se manda jogador embora como capataz de fazenda faz, sem direitos) e também porque não se acha atacante bom (? por 250 mil?) e barato tão fácil assim. Então, o trabalho desta diretoria como um todo: é digno dos maiores elogios, sobretudo para quem conhece o Botafogo há 40 anos (ou antes, através de livros e vídeos).

Paulo Fernando disse...

Jovem quando compra seu primeiro carro acaba correndo alguns riscos para conhecer seus limites e muitas vezes bate, se machuca e algumas vezes até morre. O Jair Ventura é um jovem técnico em busca de seus limites, só que o futebol não permite essas infantilidades e pode pagar um preço bem alto pela falta de maturidade. No caso dele, está com um FUSCA e pensa que pode dirigir como se tivesse um PORSCHE. Não é assim. Primeiro aprende a fazer curva, acelera, reduz, anda na chuva, no seco, etc...mas nunca esqueça: você está de FUSCA. Não dá pra andar a 200km/h!!!! Se quer andar de PORSCHE procura outra concessionária, arrume o $$$$ pra trocar de carro, sonha, se imagina dirigindo um, enfim, dá seus pulos, mas enquanto estiver de FUSCA não se iluda, não se justifique ao bater no poste como se tivesse em outro carro.

Anônimo disse...

https://www.google.com.br/url?sa=t&source=web&rct=j&url=/amp/m.lance.com.br/botafogo/renan-gorne-faz-gol-voleio-treino-dos-reservas.html.amp&ved=0ahUKEwjv7LPpzNjTAhWCkJAKHSy4CD0QFggzMAI&usg=AFQjCNFnOI3r19uCNiOpS1Ych1ewnUdKhw

Rodrigo Federman disse...

Daniel, será que ele sabe realmente o que significa isso?

Disse tudo, Márcio.

Vitor, o trabalho da diretoria do clube, concordo, é bom. Da diretoria de futebol, tenho grandes restrições.

Paulo, bela analogia. É bem isso.

Ok, Anônimo.

Abs e SA!!!

Paulo Fernando disse...

Pra finalizar a analogia, no caso que você apresentou ele vai virar a esquerda, coloca a seta pra direita, mas olha pro espelho direito e vira a esquerda. Que confusão!!!!

Rodrigo Federman disse...

Paulo, e para finalizar, ele dirá que está certo. rs
Abs e SA!!!

Paulo Fernando disse...

Pior que é. Vai dizer que já sabia dirigir desde os 13 anos e que não precisa ouvir ninguém (falando isso ao lado do Felipe Massa). rsrsrssr

Rodrigo Federman disse...

Hahaha. Bem isso, Paulo.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Em relação à diretoria de futebol, nem todas as contratações podem ser defendidas por causa da falta de recursos.
A mais recente atende por Joel.
Quais premissas foram utilizadas para contratá-lo se o seu melhor momento foi em 2014 no Coritiba?
Hoje ele está praticamente alijado e não há surpresa alguma se analisarmos suas últimas temporadas... Nem precisa ser analista de desempenho para chegar a esta conclusão.
Um outro exemplo foi a suposta contratação do Maicon. O CEP disse, segundo os noticiários, que o jogador não tem o perfil de lateral direito que procuram; até aí tudo bem, já que não sabemos qual o perfil procurado e os motivos que levaram a essa negativa. Entretanto, tem o Jonas, 31 anos, o tal perfil? Qual lateral direito no Brasil teria, dentro de um contexto razoável, a capacidade do Maicon?
Entre dizer que não tem o perfil, talvez o melhor seria dizer apenas que não havia negociação.
Algumas contratações me passam a sensação de que contratam apenas por contratar; para completar o número "X" de jogadores necessários ao elenco.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, eu também penso assim. E se falta dinheiro, como contrataram Canales (com todo mundo avisando que estava machucado) à preço de ouro, além de Lizio, Yaca, Maranhã, Aquino, Joel e tantos outros. Essa desculpa não cola comigo. Com inteligência e trabalho de verdade, pode-se montar um bom elenco (homogêneo) mesmo com poucos recursos.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Não tem o perfil pelos valores e pelo tempo até estar apto pra jogar. Jamais por sua capacidade técnica.

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, será? Está treinando tem quase 2 meses. Será mesmo que não consegue entrar em campo daqui a pouco tempo? Desculpa, mas então que o CEP falasse a real.
Abs e SA!!!

Fabio Lucas disse...

Marcelo tem que jogar ate porque ele é nosso e o Emerson Santos talvez não sei não seja mais.

Rodrigo Federman disse...

Ok, Fábio.
Abs e SA!!!