domingo, 28 de maio de 2017

Noite de São Gatito




O Botafogo jogou mal, mas mesmo assim venceu o Bahia por 1 a 0 (Bruno Silva), na noite de domingo.

Segunda vitória em três jogos no Brasileirão. 

Bom resultado para dar moral ao time que disputará a classificação na Copa do Brasil na quarta-feira, contra o Sport, em Recife. E depois, o clássico com o Flamengo no próximo domingo.

Ok, valeu pelo resultado...
...mas fica o sinal de alerta ligado, pois a partida do GLORIOSO foi muito ruim.  Se conquistamos os três pontos, muito devemos ao Gatito, primoroso em pelo menos cinco lances. E, claro, ao efeito suspensivo conseguido para o Bruno Silva estar em campo hoje. Do seu pé, saiu o nosso gol.

De resto, uma escalação estranha para quem vive falando em meritocracia. Mudanças também que só recuaram e bagunçaram o time que já estava mal organizado. Fora as recentes - e também estranhas - titularidades e outros "esquecimentos" em determinados jogadores que até dias atrás não eram relacionados e/ou que eram titulares absolutos.

Estranho...

Enfim, três pontos. É o que importa no final das contas. Vale a mesma coisa que uma goleada. Só que, diferente dos que preferem se prender apenas em resultados, eu prefiro analisar/opinar em uma situação mais macro. E nesse ponto, muitas coisas precisam ser feitas, mexidas e alteradas, pois nem sempre o Gatito realizará tantos milagres, por exemplo.

Bom, pelo menos dormiremos com a sensação de dever cumprido. Aos trancos e barrancos, isso que valerá no final da temporada.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

Botafogo 1 x 0 Bahia

1- Gatito: Milagres e defesas incríveis - 8,5

2- Arnaldo: Não vi nada que mereça destaque - 5,0

3- Marcelo: Pareceu um pouco afobado - 5,5

4- Rabello: Seguro - 6,5

5- Rodrigo Lindoso: Aquele futebol se escondendo em campo e da bola - 5,0

6- Victor Luís: Muita raça e pouca objetividade - 5,5

7- João Paulo: Foi quem mais errou passes no primeiro tempo. Entretanto, foi o único do meio que não se escondia e era visto em todas as partes do campo. Saiu machucado - 6,5

8- Bruno Silva: Gol salvador, mas ainda não voltou às suas melhores apresentações - 5,5

9- Joel: De relegado do banco...à titular. Se alguém souber me explicar, agradeço - 4,5

10- Camilo: Outro que continua sendo escalado na base da "meritocracia"... - 5,0

11- Rodrigo Pimpão: Não esteve tão bem como na Libertadores - 5,0

12- Guilherme: As mesmas falhas de sempre nos últimos passes - 5,0

13- Gilson: Não era para ter entrado. Não acrescentou em nada - 4,5

14- Matheus Fernandes: Poucos minutos em campo - Sem nota

Jair Ventura: O resultado veio, ok. Mas inventou na escalação inicial e não foi feliz na primeira mexida. Não conseguiu arrumar o time - 4,5

44 comentários:

Fabio Lucas disse...

Gilson é bom so na lateral esquerda, assim como o Victor Luís cade o Luís Ricardo pra jogar de meio campo?!

Anônimo disse...

Boa noite Rodrigo, a escalação do Joel foi uma forma de barrar o Roger. Óbvio que não iria funcionar, e foi o que aconteceu. Agora, o Jair fez o possível pro Botafogo não ganhar o jogo hoje, tamanha lambança em insistir no Gilson avançado. A entrada dele trouxe o Bahia pro jogo. O Airton sendo barrado tá sendo muito estranho. Certamente tá relacionada a renovação. Pois o nosso melhor volante não pode tá jogando pior que o Lindoso. Enfim, três pontos na conta do Gatito, e se jogar assim quarta pode esquecer que não nos classificamos. Apesar de que em Mata Mata esse time costuma mudar o espírito.

Sds
Mário

Rodrigo Federman disse...

Fabio, não acho ele bom em posição alguma.

Exatamente, Mario. Eu só queria que o JV fosse sincero e falasse tudo isso, ao invés de vir com discursos mentirosos de meritocracia, blá blá blá.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Estranho não ter colocado o Airton no lugar do JP.Concordo que o futebol apresentado desanima.
Concordam que o Botafogo entra em campo com menos quatro?Dois do meio de campo e dois do ataque
Sds

Rodrigo Federman disse...

Sim, Anônimo. Entramos com menos dois no meio de campo de cara (Lindoso e Camilo). E fora um no ataque. Pelo menos três.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Esse é o DNA do Botafogo by Jair. Retranca consciente (ao meu ver muitas vezes desnecessária e perigosa) e contra ataques vigorosos (nem sempre aproveitados (por pura deficiência técnica individual). Aos trancos e barrancos, no sufôco e sem grandes apresentações, com um time tecnicamente muito limitado vamos participando simultaneamente e obtido resultados positivos em 3 campeonatos distintos. Repito: prum time individualmente "sofrível" é muita coisa conquistada até aqui, em que pese toda a contrariedade que possa causar. Ao final da história vai ficar registrado o que se conquistou ao longo do tempo. A Sul-americana que conquistamos tinha também uma equipe bem fraca, no entanto, falamos da garra e dedicação em conquistar o título. Melhor assim do que perder, perder e perder. O futebol brasileiro tá nivelado por baixo. Estamos no mesmo nível.
Jacob

higor disse...

O time foi uma completa bagunça tática no jogo de hoje. Insistir com Gilson e começar um jogo com Joel é sacanagem com a torcida. A barração do Airton é irresponsável e prejudica só o clube. A diretoria precisa se mexer urgentemente pra trazer 2 reforços para o ataque, senão o caldo vai entornar mais lá na frente.

Espero que mude o comportamento na quarta, pois como disseram aí em cima, se jogar assim vai ser eliminado da CB.

Rodrigo Federman disse...

Desculpe, Pai...mas estratégia de jogar defensivamente é uma coisa (e essa, sem dúvida, é a melhor treinada pelo JV), mas se conformar com partidas tão ruins é diferente. E outra: Uma coisa é jogar na defensiva, mas apresentando treinamento e organização para contragolpes. O que vimos hoje foi uma completa bagunça e mexidas. E os resultados são bons e ninguém é louco para tirar os méritos do JV, mas não pode servir de desculpa e escudo para situações que beiram o absurdo (Joel, a tal da mentirosa meritocracia, essa repentina saída do Aírton)...
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Dever de casa feito, vitória por um a zero e três pontos na conta.
Quanto ao jogo, no primeiro tempo o BOTAFOGO criou praticamente nada; muitas dificuldades na troca de passe e organização no meio campo e ataque nulo.
Na única vez em que pressionou na saída de bola adversária, Bruno Silva recuperou a bola e recebeu-a de volta do Pimpão para marcar o gol da vitória.
No segundo tempo, logo de início, sai o João Paulo, Jair inventa o Gilson no meio campo e assim proporciona ao Bahia melhores condições de trabalhar próximo a área do BOTAFOGO.
Mesmo assim, o BOTAFOGO desperdiçou, como sempre, contra-ataques e oportunidades de gol e “permitiu” ao Fernández ser o melhor do Time
Todos sabemos que a proposta de jogo é muita aplicação na marcação e saída rápida para o ataque, mas precisa saber o que faz quando tiver de posse de bola na organização de ataques e contra-ataques e ser mais cirúrgico.

Fernández- Uma partida excelente com várias defesas de muita dificuldade, nota 8,5;
Arnaldo- Não fez nada diferente do que os improvisados na função. Não comprometeu, nota 5,5;
Marcelo- Boa partida, ganhou a maioria das jogadas, nota 6,0;
Igor Rabelo- No mesmo nível do Marcelo, nota 6,0;
Victor Luis- Muita luta e partida regular, nota 6,0;
Lindoso- Apresentou o antigo futebol, pouco notado em campo, nota 5,0;
João Paulo- Errou alguns passes embora tenha o mérito de não esconder-se do jogo. Nota 5,5;
Bruno Silva- O melhor do meio campo, marcou, chegou à frente e tomou a bola do adversário no lance em que fez o gol, nota 6,5;
Camilo- Pouco se apresenta para ajudar na armação do jogo. Muito burocrático para quem veste a dez. Nota 5,0;
Pimpão- A disposição de sempre, deu o passe que originou o gol do B. Silva. Boa partida, nota 6,0;
Joel- Nada justifica a sua escalação, principalmente quando notícias dão conta que será devolvido ao seu clube de origem. Fraco, nota 4,0

Guilherme- Perdeu um gol e erros na saída de contra-ataque, nota 4,5;
Gilson- Se na lateral é complicado, no meio campo não é muito diferente. Perdido no jogo, nota 4,5;
Matheus Fernandes- Entrou no jogo para ajudar a segurar o placar, sem nota.

Jair Ventura- Parece ter o desejo de aparecer mais do que a Equipe.
Desarrumou o meio campo, colocando em risco o resultado, quando colocou o Gilson no lugar do contundido João Paulo. Ele tinha jogadores do setor no banco que poderiam dar continuidade ao trabalho.
Qual a justificativa, plausível, para que o Airton seja preterido pelo Gilson no meio campo se até outro dia era titular incontestável? Que queda de rendimento justifica tal medida?
Além disso, nada justifica a escalação do Joel, que jamais apresentou futebol e dizem que será devolvido.
Precisa trabalhar e melhorar o contra-ataque e a troca de passe.
Nota 4,5.

Rodrigo Federman disse...

De pleno acordo, Higor.

Perfeito, Marcio. E fico mais aliviado em saber que não sou o único a ter essa mesma impressão da "necessidade" que sente o JV em aparecer mais que os seus comandados.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Concordo Rodrigo sobre a tal "meritocracia" e bagunças muitas vezes repetidas em diversos jogos e substituições erradas etc etc etc... só estou dizendo que o time é sofrível em qualidade técnica individual e tá chegando (apesar do que escrevi antes) e avançando em 3 competições simultâneas. Enquanto a sorte estiver ao lado do Jair tenho que aceitar em função dos resultados que estão sendo alcançados. Uma coisa é você treinar um Barcelona e mostrar o futebol com esse DNA do Jair. Outra é você juntar jogadores sofríveis e alcançar os resultados. É disso que tô falando. Quando e se, a sorte virar e os resultados não mais acontecerem serei o 1° a cobrar, visto que, nesse momento já aponto as falhas dele (como disse no início). Pior seria, por exemplo, com os diversos bostas que tivemos que não entregavam resultado algum.
Jacob

Chico da Kombi disse...

De goleiro, estamos bem. De atacante, a carência no Botafogo é clara e os números provam: três jogos na Série A e três gols de VOLANTES!! :o( FORA JOEL E QUEM O CONTRATOU!

Marcio disse...

Agora o Jair disse que precisa de reforços e que o elenco é curto. De reforços eu não duvido, mas que o elenco é curto é uma meia verdade.
Lá na página oficial do BOTAFOGO constam 35 jogadores no elenco principal; destes, 5 estão contundidos (Jonas, Marcinho, Jéfferson, Luis Ricardo e o "menos grave" Montillo) e um afastado (Sassá).
Será que necessitaria de forma tão urgente de reforços se o tal setor de inteligência tivesse feito o dever de casa?
Ele também argumentou que o Joel, como todo jogador precisa de ritmo de jogo... Faltou ritmo no Cruzeiro e no Santos?
Não precisa esculhambar o jogador, óbvio, mas não precisa falar como se o Torcedor fosse idiota. O Joel vem fracassando Há tempos e assim não há novidade alguma o futebol que ele apresenta no BOTAFOGO.

Rodrigo, eu percebo um ar de "Eu sei tudo, eu sou muito bom".
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

É sofrível e todos sabemos disso, Pai. Por isso sempre reforço que os jogadores e o técnico têm méritos em estarem surpreendendo. Mas acho inadmissível que por conta disso, exista um "salvo-conduto" para sempre que o próprio JV (sem querer ou não) erra e consegue deixar o que é fraco ainda mais evidente. E principalmente quando os casos são claramente extra-campo.

Chico, de goleiros, atacantes e até volantes, estamos na média/bem. O resto que preocupa.

Marcio, cuidado ao dizer que percebe isso. Será criticado e pregado na cruz (como acontece comigo), afinal, não se pode criticar quem tira leite de pedras.

Abs e SA!!!

Sergio disse...

Alguém consegue me explicar o Joel e a entrada do Gilson no meio tendo o Airton e o Mateus Fernandes?
Para piorar o Camilo perde jogadas e Gold inacreditáveis. Aliás, esse ataque do Botafogo é simplesmente triste: poderia ter liquidado o jogo e complicou um jogo graças às invenções do JV. O JV deveria agradecer de joelhos si Gatito pela vitória hoje. Enquanto nossos atacantes perderam 3 gols o Gatito salvou pelo menos uns 4 deles. O que será que passa pela cabeça do Jeito V em relação ao Airton? Seria ordens da diretoria para facilitar a renovação ou o JV é louco em alguns momentos. É bom o Botafogo não abusar da sorte. O aviso foi dado contra o Estudiantes, a sorte nos ajudou, mas o JV veio de novo com outra escalação sem sentido e colocou o Gilson deu lá porque. Já Vou não abuse da sorte, por que essa não continua perdoar o Botafogo. ABS e SB?

Ivo Santos da Costa disse...

Acho que vocês estão sendo injustos com o Joel, e julgando ele pelas partidas anteriores, em que ele realmente foi péssimo, mas hoje ele foi bem, ajudou na marcação, fez bem o pivô, criou lances de gol, se movimentou muito bem, acho que muitas vezes vocês não analisam a participação no jogo em sim, analisam mais pelo passado, eu gosto de analisar o que o jogador faz no jogo, o que ele fez antes não me importa, ah segundo o Jair o Joel entrou porque o Roger foi poupado porque corria risco de contusão.

Anônimo disse...

só não concordei com a nota do Pimpão. deu passa pro gol do Bruno, deu passe pro Joel ficar cara a cara na pequena área, deu passe pro Guilherme perder soZinho. Embora não estivesse tão bem, tirar a mesma nota que Guilherme é um pouco desproporcional. Boa noite . Renato

Anônimo disse...

Botafogo já ultrapassa o SENTÃO no campeonato brasileiro. Alô CEP cuidado que vão tentar ganhar o clássico durante a semana !

Abs
Pablo

Rodrigo Federman disse...

Sergio, bem observado. Ele parece confiar e exigir demais da sorte também. Isso é perigoso.

Ivo, o Joel não tem culpa de ser péssimo jogador. Culpados são aqueles que o contrataram e escalam.

Valeu, Renato. É que do Pimpão eu espero sempre um pouco mais. Do Guilherme não. Hehehe

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Caros, alguém falou que o Botafogo e treinado pra jogar defestivamente. O goleiro,do Botafogo, foi eleito o melhor jogador do jogo.Isso foi treinado?Talvez pelo trenador de goleiros....
O JV falou que o elenco e limitado em quantidade (42).Se co locamos 84 desse nível não adiantaria nada.
Mais uma pérola do JV:
EStout cansado!!??
Isso pode explicar o pq que os jogadores querem jogar só alguns jogos


Marcio disse...

Jair Ventura:

Presença de Jairzinho no jogo
Ele (pai) não vem em todos os jogos, Tem muito tempo que não o vejo. Nem minha mulher estou vendo direito. Vou aproveitar hoje para jantar com a minha família. Fora daqui é proibido falar de futebol. Nasci filho de um ídolo. Para mim isso é um orgulho, mas não falamos de futebol. Ele entende muito, mas falamos só de família e deixamos o futebol só para trabalho.

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/jair-ve-jogo-equilibrado-e-valoriza-vitoria-do-botafogo-tivemos-as-chances-mais-claras.ghtml

Incrível como hora ou outra ele precisa reafirmar que não fala de futebol com o o Jairzinho

SA!!!

Anônimo disse...

Fiquei acompanhando a entrevista do Jair Ventura, depois do jogo.

1)Joel Carli foi poupado, foi diagnosticado antes da partida, poderia ter escaldo mesmo no sacrifício e poderia perder por vários jogos na frente, falou que Marcelo podia fazer o papel.

2)Quanto ao Joel, antes da partida Roger foi outro diagnosticado e pediu a ele para não jogar, só em caso de pura necessidade e pode acreditar o Vinicius Tanque está no departamento médico e o Renan Gorne ele não falou e o Joel era a única reserva disponível.
Falou também que o Joel está 02 meses sem jogar uma partida inteira e conta com ele no momento, até ser contratado os reforços, que ele precisa para ontem e que a diretoria, está correndo atrás.


3)Outra coisa que ele falou que vai ter que poupar jogadores que tiverem propicio a contusões.

Agora são meus comentários,Quanto a entrada do Gilson embora não entrou bem, mais uma vez mais o Gilson já jogou várias vezes na meia, não é invenção.
Airton nunca termina um jogo e joga 5% das partidas do contrato, botafogo está dando chance a ele, não aceitou a proposta do clube,não sei o problema e o Jair não comentou acredito que o Jair não está confiando nele sobre essa série de contusões é a minha opinião.
Quanto ao Jota, falando que o Bahia teria vindo com vários desfalques, meu caro Jota, do time campeão quarta feira, só faltou o Armero que jogou no Palmeiras, que estava pagando a suspensão automática.
Bahia tem um bom time, como a Ponte Preta que por puro azar não ganhou no Horto do melhor time da Libertadores, Atlético MG não vamos rebaixar tanto nossas vitória o Botafogo ganhou de 02 bons times brasileiro, como ganhou de vários campeões de libertadores.
Esse time do Botafogo não tem limite, porque já provou ser capaz de qualquer milagre.
Gatito realmente pega demais, mais a função dele é não deixar as bolas entrarem, acredito também que o Jeferson não fica para o próximo ano.
Fiquei na dúvida hoje, entre os 02 melhores jogadores em campo, Gatito e Bruno Silva seguido do Igor Rabelo, achei mais uma grande partida do garoto, os demais lutaram.
Eu como técnico colocaria o Matheus Fernandes e não o Gilson mais o técnico é ele e torço sempre pelo melhor do Botafogo.
O jair erra e todos os técnicos erram, porque cada torcedor é um técnico.
Embora reconheça as limitações do elenco o Jair faz um trabalho descente, é minha opinião.

Marcos

Ivan disse...

Muito estranha essa barração do Airton. Parece a mesma coisa que fizeram com o Emerson Santos. Fora a incoerência do técnico. Impressionante o Joel. De distribuidor de ovos de páscoa pra titular.

Anônimo disse...

Airton, já deixou o Botafogo em vários jogos, tecnicamente é um ótimo jogador,as contusões dele são sempre suspeitas, porque no Botafogo o contrato dele se fosse feito por produtividade ele não receberia 20% do salário que ele ganha.

Marcos

Rodrigo Federman disse...

Pablo, com todo respeito, mas seus comentários são sempre falando do Flamengo, cara. Que cisma.

Falou e disse, Anônimo.

Marcio, só falta ele dizer que os conselhos do pai não são importantes ou valiosos. Rs

Marcos, ok...mas muito estranho que o JV tenha acordado para essa situação do Airton só agora. Não me convence, por mais que eu tente.

Hahaha. Ivan, meritocracia. Distribuiu bem os ovos de Páscoa e ganhou a preferência do professor.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Palavras do Jair Ventura

"Ele também revelou que alguns jogadores tiveram que ir para o sacrifício, como Joel e Camilo, que estavam desgastados e corriam risco de lesão. "Eu ia poupar o Joel, mas estou sem atacante. O Roger estava muito cansado".

Renan SP disse...

Rodrigo não consegui acompanhar a partida , então fica difícil emitir algum comentário.
parece-me que o Gatito nos garantiu os 3 pontos, preocupante ...

Espero pelo menos que a vitória nos traga tranquilidade e aquele espírito guerreiro da Libertadores , na quarta contra o Sport.

Um abraço.

VinnyMarques disse...

Mais duas teimosias: Joel e Gílson. Nem Freud explica... Mas Jairdiola sabe tudo!
Estão querendo devolver a bomba Joel e o cara desandou a jogar (entrar em campo) todos os jogos?! Seria a tal merdocracia? Deve treinar tipo Garrincha...
E nosso novo prodígio polivalente Gílson? Se é ruim na sua posição de origem, imagine no meio campo...
Mas o Jairdiola é foda e os números não mentem. Torcida burra, cornetas... (sarcasmo)

Sergio disse...

Prá começar, gostaria de saber por que esse corretor muda o que escrevo. Se não ler tudo novamente passa cada asneira que é flórida.
Pra mim o JV mexeu mal e escalou mal, mas que esse elenco do Botafogo é dose e precisa urgentemente de reforços não há dúvida, principalmente no ataque. ABS e SB!

Rodrigo Federman disse...

Anônimo, desgastados de quê? Tem desculpa para tudo. Ué, e o Tanque? E o Gorne? e O Emerson Santos?

Renan, o Gatito ontem foi milagroso.

Vinny, e ainda dizem que cometemos pecado em ousar criticar, hein?

Concordo contigo, Sergio.

Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Rodrigo faltou você também dar crédito as defesas ao Vitor Luis o cara foi monstro lá atrás, pena que não foi tão efetivo lá na frente.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, o VL realmente não foi mal. Mas sei lá, tenho achado ele muito suor e pouca inspiração.
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Realmente ontem foi assim, muito suor lá atrás e pouca inspiração lá na frente.

Anônimo disse...

o que o goleiro precisa fazer pra tirar mais de 8,5 Rodrigo? Seguro nas bolas aéreas, pelo menos 4 defesas milagrosas, Boa saída de bola. Bom dia . Renato

Rodrigo Federman disse...

Ivo, isso tem sido uma constante nele nessa temporada.

Renato, é o menos importante, né? Se você acha que mereceu mais do que 8,5, show de bola. O 8,5 nada mais é do que a minha avaliação particular. rs

Abs e SA!!!

Paulo Fernando disse...

Eu achei o Gatito o melhor em campo, mas fica parecendo que o Bahia jogou engolindo o Botafogo e não foi isso que eu vi. Perdemos alguns gols absurdos! O Camilo errou por centímetros 2 jogadas (1 falta e uma bola que sobrou na marca do penalti). O Guilherme chutou bisonhamente uma bola que se tivesse passado para o Camilo teria encontrado o gol escancarado. Enfim foram alguns outros contra ataques que faltou calma, tranquilidade e capacidade para matar o jogo.
O que foram essas modificações do JV?!? Gilson no lugar do JP?!? Será que só ele é inteligente e somos todos burros? Ele está assistindo qual jogo? Não era muito mais fácil ele colocar o Matheus Fernandes logo? Cagou o esquema tático inteiro por causa dessa escalação insistente e incoerente.

Paulo Fernando disse...

A questão do Airton só pode ser contratual, forçando a uma assinatura. Parece que o modelo de negociação baseado na não escalação tomou conta de General Severiano. Quem inventou essa idiotice? Perde um jogador por 6 meses para renovar por 2 anos, ou seja, pagamos 2 anos e o cara joga 1,5 anos (25% sem jogar). Que conta idiota é essa? Negocia logo mais 25% do que estão oferecendo e mata logo a questão!
Pelo visto até agora não resolveram o caso do Emerson Santos...

Rodrigo Federman disse...

Paulo, o Bahia realmente não teve domínio e nós perdemos bolas incríveis. Fato. Mas eles apresentaram uma organização tática que, juro, não vi no nosso time. No mais, sobre o lance do Aírton, é um absurdo. Uma péssima forma de conduzir situações. Não é possível que o CEP, como executivo que é, considere normal e correto essas coisas.
Abs e SA!!!

Paulo Fernando disse...

Parece a história do sujeito que quer alugar um apartamento por $ 2.000 mil e fica com ele fechado por 6 meses até resolver reduzir para $ 1.500. Deixou de ganhar $ 9.000 mil nesse brincadeira. Isso tem nome: custo de oportunidade. Vale para os 2 lados, mas alguém tem que colocar isso na negociação! Parece amadorismo! Ninguém estudou técnica de negociação no Botafogo? Quem negocia com os empresários dos jogadores, algum estagiário? E olha que o Botafogo hoje é uma gestão de excelência e não discordo disso, mas temos que melhorar mais ainda, já que a situação é de conta de centavos todos os meses, por anos, décadas! Usa o programa sócio torcedor para procurar voluntários (marketing, jurídico, enfermagem, fisioterapia, gestão, etc...). Tem gente que doa tempo a ONGs, porque não doar ao clube?

Rodrigo Federman disse...

Jorge, não acho. Em forma, o Jeff é superior a todos. Da mesma forma que com LR e Montillo, passamos a ter bom elenco. Melhora consideravelmente, mas ainda não dá para falar em elenco.

Paulo, com certeza não estudaram técnicas de negociação. Com certeza absoluta. Beira o absurdo.

Abs e SA!!!

WAYNE disse...

Bom dia.
Parabéns Paulo Fernandes, voçe viu o que nos vimos. Acho incrível que esse rapaz, Guilherme já tem tempo de usar raciocínio em finalização. Tb houve uma bola que ele poderia ter passado ao Bruno Silva e não fez. Mas, ganhamos uma partida bem disputada e com mérito de ter um bom Goleiro "Gattito"que alie a sorte com bons reflexos. Lembrou-me Castilho o grande goleiro do Fluminense que fechava o gol tendo dois baluartes: Píndaro e Pinheiro. Nós temos a grande revelação Igor Rabelo que é a cópia dos dois. Victor Luis e João Paulo são dois de pura dedicação com força e raciocínio rápido. Falar bem de Camilo é difícil. Ao menos não vimos o Roger escalado.
Ganhamos tres pontos esperamos a próxima partida.
Abs SA

Rodrigo Federman disse...

Disse tudo, Wayne.
Abs e SA!!!

Fabio Lucas disse...

Guilherme e bom de fato é mais alem de ser de outro clube gremio no caso quer aparecer mais do que joga e merece ser reservao.

Rodrigo Federman disse...

Fabio, o Guilherme não me convence.
Abs e SA!!!