quinta-feira, 15 de junho de 2017

O "fator casa"





Análise do técnico Jair Ventura, após o empate de ontem:

"- Nós tivemos um primeiro tempo muito bom, criamos bastantes chances e acabamos conseguindo só dois gols. No segundo, o fator casa. O Vitória jogando aqui é muito forte, vem de uma vitória importante sobre uma equipe superqualificada que é o Atlético-MG. Combinamos tanto de tomar cuidado nos 15 minutos iniciais, é uma máxima no futebol, sabia que existiria a pressão. E acabamos tomando um gol muito cedo, com quatro minutos".

Pronto, explicado: O "fator casa" foi determinante para o empate dos baianos. 

Não foi a péssima troca do Matheus pelo Gilson, ou a incapacidade do treinador botafoguense em não ter percebido a troca de lado do Neilton, que depois do primeiro tempo sem conseguir se criar no lado do Victor Luís, sambou na cara do fraquíssimo Arnaldo. Também não pode ter sido a entrada tardia do Montillo, deixando Roger em campo - sem fazer nada - durante os 90 minutos ou ter mantido o Pimpão preso apenas na esquerda, sem liberdade para se movimentar pelo setor ofensivo. Ou até não ter reparado que o Carli caiu de rendimento com a entrada do Arnaldo, que além de não atacar, marca pessimamente. 

Enfim, ainda bem que foi "apenas o fator casa", né?

Haja saco!


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

61 comentários:

Anônimo disse...

Rodrigo, cara não existe possibilidade nenhuma do Jair ou CEP terem noção do seu blog? Será que o Jota ou Paulo (desculpe-me citá-los), mas talvez vcs tenham alguma acesso a diretoria?! Ou outro que comenta aqui. Falo isso, pelos comentários, na maioria das vezes, qualificados que são colocados aqui em favor do Botafogo. Toda vez o Jair faz a mesma substituição (volante pelo Gilson). Dentre outros erros. Penso que uma leitura nesse blog seria de boa importância na situação do Botafogo.

SA... André

Ivo Santos da Costa disse...

Achei que o tema hoje fosse o sorteio de ontem da libertadores, essas coisas eu já tô cansado de comentar.

Anônimo disse...

RODRIGO,estou perdendo a paciência com o JV.
Prefiro até que ele escale o RF,FERNANDES e o ROGER juntos,assim irei pescar,cavalgar,dormir,fazer qualquer coisa para não me aporrinhar,rsrsrsrsrs.
O amigo me conhece e sabe que não critico por achismos pessoais.Vejo criticas a jogadores antes de jogarem,mas sempre prefiro aguardar para vê-los em ação.
Não é possível que o treinador e seus auxiliares não vejam a inutilidade ampla,total e irrestrita do ROGER.
Custa,com o que tem a disposição,experimentar alguém ao lado do PIMPÃO,deixando-o mais solto e colocar,por exemplo o MONTILLO ou até um jovem ? Essa história de que tem que jogar com um centro avante grandão,etc,é muito relativo.Vi grandes times e seleções que jogavam sem essas figuras decorativas,que pensam que fazem o tal pivô,que os ENTENDIDOS da mídia adoram falar.
Não gosto do KLEBER,do WELLINGTON PAULISTA e outros,mas tenho visto esses caras jogando e,mesmo fracos,são muito mais úteis que o POSTE.
É muita cara de pau falar em fator campo.Por que não o exerceu contra o COXA ? Por que o ROGER,mesmo sem acrescentar nada em campo,permanece os 90 minutos como titular? Qual o mistério ? Foi promessa por tê-lo indicado? Com essa indicação,ele mostra mesmo como entende do riscado.E o pior é que acredita no que os "baba ovo" do pai falam na mídia.
Deve ser duro para os jogadores que correm e se dedicam em campo,verem as substituições estapafúrdias que o TDM faz.
Não sou favorável a demissão dele,pois virá outro professor desses metidos à merda,mas acho que a direção do clube tem que dar uma dura no cara para não inventar demais.
Desculpe o desabafo,mas ontem nem com uma garrafa de vinho consegui dormir direito de tão P da vida que fiquei.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

André, pois é, aí já não sei mesmo. O espaço está aberto a todos. Rs

Ivo, não tinha como essa declaração passar em branco.

Jota, e piora quando ele fica inerte assistindo o Roger atuando completamente fora da área, fugindo completamente das suas características e limitações. Absurdo.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Veio de uma vitória sobre o superqualificado A. Mineiro... E os jornalistas especializados colocaram a culpa da derrota nos desfalques que a equipe mineira teve na defesa.

"...A defesa reserva do Atlético deixou o torcedor em grandes apuros neste domingo, principalmente no lado esquerdo, com Danilo e Erazo. O setor virou a mina de ouro do Vitória. Foi por lá que o Galo tomou ao menos três bolas nas costas nos primeiros minutos do confronto..."

Assim, cai por terra o argumento do "professor de futebolês" Jair Ventura, pois se fosse superqualificado, não sentiria falta dos titulares.
Quanto ao fator casa, não desconheço que em esportes coletivos, quase sempre os mandantes se superam em suas casas, seja pelo fato de terem boas equipes ou até mesmo pelo fator motivacional. Entretanto, aqui no Brasil se valoriza demasiadamente essa situação, os clubes já vão para o jogo pensando que o empate é um excelente resultado, não deixam para avaliar o resultado após o apito final. Torcida ajuda a ganhar jogo, mas não entra em campo; assim, se não ocorrer nada fora do contexto de uma partida de futebol, vencer determinados jogos, dependendo do seu desenrolar, é quase que obrigatório sim.
Uma prova de que valorizam muito o fator casa é a quantidade de vezes que os clubes brasileiros são derrotados dentro de seus domínios por equipes estrangeiras, algumas bem limitadas, em Libertadores e Sul-Americanas.
Dizem alguns que "Dois a zero é pior do que um a zero"; sinceramente, dois a zero é pior para quem está perdendo, pois para chegar ao empate precisa de dois gols e não apenas de um, principalmente quando se enfrenta um adversário que está pedindo para ser nocauteado.
Para terminar, não tem como deixar passar o que está ocorrendo, pois o aproveitamento é de apenas 42,8%; sempre escrevo que o jogar bem aproxima da vitória, só que não posso deixar de ressaltar que para isso ocorrer aproveitar as oportunidades de gols é importantíssimo.
Alguns gols perdidos não tem relação alguma com os erros de arbitragem, diferente do erro naquele jogo frente ao Sport, onde o gol do Pimpão foi anulado de modo mais do que equivocado.
SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

Amigo, ontem fiquei tão P da vida que nem comentei o jogo. Realmente o Botafogo tem a incrível capacidade de ressuscitar defuntos.
Depois de um bom 1º tempo, com o BS caindo pela direita e o Pimpão pela esquerda, sendo este responsável direto pelos dois gols, sei lá porque motivo no 2º tempo foi invertida a posição do Pimpão com o BS, e aí amigo, deixar o Arnaldo sem ajuda é suicídio, pois o cara foi o responsável direto pelo 1º gol e pelo seu lado o Botafogo tomou 4 gols nos dois últimos jogos. A jogada do 1º gol o Arnaldo não poderia fazer o que fez. Se foi falta ou não é outra história, ele não poderia desistir do lance.
Apesar de ter tomado um gol logo no começo do 2 tempo e dado novo ânimo ao Vitória, o Botafogo
continuava controlando a partida, mas aí, a mexida de jênio (com J mesmo): tirar o MF e colocar o Gilson. Será que o JV não se lembra do sufoco que o time tomou do Bahia quando o Gilson entrou naquele jogo?
Costumo dizer que técnico bom é aquele que não atrapalha, e ontem o JV atrapalhou o time. Aliás, as mexidas do JV são horrorosos. Ainda outro dia comentávamos isso.
Um caso a se estudar é o Roger. O cara não consegue se deslocar para receber bolas, não se coloca na área para tentar a conclusão, é incapaz de matar uma bola, vive impedido, e apesar disso tudo é titular! Estamos mal. Ontem o Roger armou um contra-ataque para o time do Vitória que por pouco o Patrick (acho que é esse o nome) não desempata o jogo. Foi um passa açucarado do Roger. Tá difícil. E aí fica a pergunta: por que deixar o Montillo no banco e o inútil Roger em campo. Melhor seria entrar o Montillo e deixar o Pimpão de centro-avante, pois pior que o Roger não fica. Nove pontos jogados fora, é flórida. Abs e |SB!

Sergio Di Sabbato disse...

Agora sobre o post de hoje. O fator determinante para o empate não foi o fator casa, mas sim o fator burrice, principalmente manter o Arnaldo no mano a mano ao contrário do 1º tempo e tirar o MF. JV, você precisa aprender a ver o que acontece em campo, pois todas as suas mexidas só desarmam o time. Abs e SB!

Filipe disse...

DESTAQUE POSITIVO: Bruno Silva - 8,0
Matador, deixou duas bolas na rede. Cumpriu seu papel pelo lado esquerdo no combate. Saiu cansado.

DESTAQUE NEGATIVO: Arnaldo - 3,5
Foi mal ontem. Deixou exposto o lado direito da zaga. Desistiu do lance no 1º gol do Vitória e na maioria das vezes foi facilmente envolvido pelo fraco ataque adversário. #marcelonalateral.

NOTAS

Gatito - 5,0
Quase não tocou na bola. Tem que caprichar nas reposições.

Arnaldo - 3,5
Foi mal ontem. Deixou exposto o lado direito da zaga. Desistiu do lance no 1º gol do Vitória e na maioria das vezes foi facilmente envolvido pelo fraco ataque adversário. #marcelonalateral.

Joel Carli - 4,5
Bom primeiro tempo. No segundo gol, falhou e deixou Rabello sozinho no miolo de zaga.

Igor Rabello - 5,5
Bem no jogo, perdeu dividida no lance do segundo gol.

Victor Luis - 6,5
Se não tivesse contrato longo com Palmeiras... anulou completamente o lado direito do Vitória no primeiro tempo. Preso à marcação, fez bom jogo.

Rodrigo Lindoso - 6,0
Regularidade com mais uma boa atuação. Ajudou na marcação e teve tranquilidade na saída de bola. Compõe bem o meio.

Matheus Fernandes - 6,0
Boa atuação do garoto. Jogou de cabeça em pé, ajudou no combate e saiu pro jogo. Tem q corrigir os vacilos de perda de bola na intermediária.

Bruno Silva - 8,0
Matador, deixou duas bolas na rede. Cumpriu seu papel pelo lado esquerdo no combate. Saiu cansado.

Rodrigo Pimpão - 6,0
Atuação regular. Marcou, tentou levar o time a frente com velocidade e acertou bons passes, inclusive um que com ajuda do zagueiro adversário o BS fez o primeiro gol.

João Paulo - 5,5
Alternou bons e maus momentos. Atuando mais uma vez avançado, tentou distribuir o jogo e acelerar os contra-ataques, embora sem muito sucesso. Teve boa finalização defendida.

Roger - 4,5
Partida ruim. Não foi bem no pivô, errou passes, e não foi bem fora da área. Sem a velocidade e a mobilidade necessárias para cumprir as exigências do nosso esquema tático. De vez em quando se supera e faz boa partida, mas não pode ser o titular absoluto.

Gilson - 4,5
Entrou para ser opção ofensiva no meio-campo, mas quase não participou do jogo.

Montillo - 5,0
Tímido, não teve destaque. Tá voltando aos poucos, mas tem jogado pouco tempo, precisa de mais tempo em campo para se adaptar ao time.

Dudu Cearense - SN

Jair Ventura - 5,0
Time oscilou na partida. A necessidade de reforços é evidente, mas dava pra segurar o resultado ontem.

Francelino Bouéres disse...

Rodrigo e amigos, já fiquei de "saco cheio", e olha que tenho muita paciência quando o assunto é o nosso glorioso e suas limitações técnicas, falta de grana etc. Tem umas teimosias que não dar mais para aguentar, tipo: Arnaldo, o sujeito para a jogada para pedir uma "faltinha", ora bolas, e o cara se diz profissional; essa entrada de Gilson no meio de campo, saco... sem sentido, pífia e se repete; o Jair tem que ter outras desculpas mais plausíveis, basta dessa lenga-lenga de fator campo, três competições, do time cansar no segundo tempo... Estou sendo exigente demais? Sim, estou! Pois o assunto é o glorioso Botafogo!!!!!! Não é?

Anônimo disse...

Concordo contigo, Rodrigo. O Jair deu bobeira ontem. Estes pontos farão falta mais a frente. SAN. Aureliano.

Rodrigo Federman disse...

Márcio, quase todos argumentos professorais dele caem por terra.

Concordo, Sérgio. E o fator burrice partiu justamente do JV, que preferiu culpar "o fator casa".

Filipe, o grande destaque negativo foi o treinador.

Francelino, depois alegam a falta de dinheiro. Gastam mal o pouco que têm. Não dá para perdoar.

Abs e SA!!!

Luciano_CE disse...

Boa tarde.
Rodrigo parabéns pela leitura cirúrgica do jogo de ontem.
ABS e S.A

Fábio Lucas disse...

E os atacantes? Tem notícias que o Cep monitora a série b tem 5 atacantes na mira entre eles ja sabemos de 3 que são Aylon, brenner e o robinho, a dúvida é quem serão os outros 2?

Gernaldo Silva disse...

E o sorteio da Libertadores?
E os 10 desfalques?
E o Montillo craque no nome?
E a contratação de atacantes de vergonha?

Francamente, diante de tantos assuntos, se preocupar com declaração de treinador já acho implicância demais em um espaço tão bacana de de conversa entre alvinegro.

Tenho visto botafoguenses tratando os outros como rivais, apenas pelo fato de não ter a mesma opinião. É muito fácil na hora de um resultado ruim direcionar todas os chingamentos para aqueles que criticamos. (Exceto aqui no Blog).

FATOS:
Botafogo não tem ganhado sem o Camilo.
Jair ventura tem alcançado no ano resultados maiores do que a qualidade do time proporciona ( inclusive com desfalques)
Montillo não Joga nada.

Lembrando... Opinião, respeito todas, desde que a minha seja respeitada.

Abraço.
Saudações Gloriosas

Rodrigo Federman disse...

Aureliano, valeu.

Obrigado, Luciano.

A sua é respeitada, Gernaldo. Apenas discordo. E outra, a declaração dele foi pós jogo. No post do dia seguinte aos jogos, sempre falo sobre a partida ainda.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Há quem diga que o Gilson jogar no meio campo não é novidade; penso que entre jogar no meio campo e jogar bem, existe uma certa distância.
Com a escassez de jogadores talentosos no meio campo, ele, aos 31 anos, já teria mudado definitivamente de posição, como ocorreu com alguns outros jogadores.

E isso me faz lembrar que quando o radialista Gilson Ricardo diz que o Gérson jogou no meio campo do BOTAFOGO, o Canhota responde: "joguei não, joguei muito bem". E complemente: "Jogar qualquer um joga".

Quanto ao Arnaldo, 25 anos, jogou no Mirassol, América RN, Portuguesa, Penapolense, Criciúma, Joinville, Novorizontino e Ituano.
O problema não está nos clubes onde passou e sim chegar titular absoluto ao BOTAFOGO. Deveria disputar a posição com o Fernando ou até mesmo com quem estava improvisado na função, já que até o momento não mostrou nada demais.

Quanto ao Roger, dos poucos cruzamentos que chegam na área, ele jamais tenta se antecipar aos zagueiros e ir de encontro a bola, fora o fato de se colocar em impedimento muitas vezes.
Entretanto, como o futebol é "moderno", é importante porque marca a defesa e o volante adversário, diriam muitos.
Na minha modestíssima opinião, centroavante que não faz gol pouco contribui.

SA!!!

SA!!!

Celso Ricardo disse...

Gernaldo, ok. O Botafogo não tem ganhado sem o Camilo. Mas também sem o Montillo. E querer ganhar com Roger e Gilson, este como solução para o problema do meio é muita sacanagem.
Jair tem se mostrado teimoso e já não vencemos há 5 jogos.
A diretoria não colabora e o deixa sem atacante.
A torcida não festeja um título importante há 22 anos.
Alguém vai pagar a conta.

Rodrigo Federman disse...

Márcio, e piora quando o próprio Gilson já foi testado lá e não rendeu nada. O cara insiste no erro.

De acordo, Celso.

Abs e SA!!!

Leonardo Valadao disse...

Rodrigo ,eu acho que vc está pegando muito no pé do JV(rs),quando o Roger , Pimpão e Montillo perderam gols que poderiam mudar a história dos jogos contra Flamengo, Santos e Curitiba e estarmos tranquilos na tabela ninguém estaria falando tanto do JV assim...pode colocar o técnico que for que com esse elenco limitado fica difícil....o banco do Curitiba tinha o Alecsandro (ex Palmeiras) o do Vitória (André Lima) e o banco do Botafogo está ridículo... não tem ninguém...ou vc acha que RGorne vai resolver os problemas do Botafogo....ontem no primeiro gol o Arnaldo parou pedindo falta e o JP furou na dividida e a bola sobrou para o atacante do Vitória...qual a culpa do JV nisso...no segundo gol na dividida do IR com André Lima sobrou para o Kiesa..qual a culpa do JV nisso...veja bem , não estou falando que o JV não tem culpa ,mas acho um pouco injusto botar a culpa nele pela atual fase negativa do clube...minha opinião... só isso..um abraço a todos.

Rodrigo Federman disse...

Leonardo, mas não estou botando culpa no Jair pela campanha. Analiso jogo a jogo. E quem me acompanha, sabe que mesmo na reação do ano passado, fazia várias restrições à algumas incoerências e manias do JV. Para mim, é um técnico apenas mediano, por enquanto superestimado precocemente.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Leonardo , realmente o JV não é culpado por tudo mas tem erros pontuais. Gilson ser solução para o meio ? Insistir em um esquema com um atacante que nunca foi goleador ? E o Arnaldo ontem ? JV foi o único a não ver que Neilton saiu da direita pra deitar e rolar sobre Arnaldo?
Marcelo sentar no banco pra Arnaldo é dose pra elefante. Mas Jair não quer ver....

Ivo Santos da Costa disse...

Eu sei Rodrigo, é que eu tô de saco cheio desse Jair.

Marcio disse...

1- Jair Ventura:

"– Lógico que todo mundo quer vencer. Mas quando não vence e está perfomando, a gente sabe que essa vitória vai aparecer."

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/ha-cinco-jogos-sem-vencer-botafogo-iguala-seu-maior-jejum-com-jair-ventura.ghtml

2- Presidente CEP:

"– O Botafogo nunca se assustou com adversários. Não canso de repetir, é o clube que mais cedeu jogadores à Seleção Brasileira em Copas do Mundo. Os outros que têm que se assustar com a nossa estrela."

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/presidente-do-botafogo-aprova-sorteio-na-liberta-outros-que-tem-que-se-assustar.ghtml

Sobre o "performando" do Jair... Os caras adoram um neologismo, coisas de professor..

Sobre ter cedido mais jogadores para a seleção...
Não sei quem cedeu mais jogadores para a seleção italiana, quatro vezes campeã do mundo; Inter, Milan Juventus... O que sei é que o Milan é o segundo maior campeão da Champions league, a Juventus o maior vencedor dentro da fronteira italiana, por exemplo.
Também não sei quem mais cedeu jogadores para a seleção Alemã, 4 vezes campeã do mundo, provavelmente deve ser o Bayern, que tem 5 Champions League e domina o futebol alemão.
Então, Presidente, embora a imprensa brasileira não reconheça a importância do BOTAFOGO para o futebol brasileiro e jamais reconhecerá, esse fato não vale muita coisa.
Não digo que não valha como registro, só que ser o Clube que mais cedeu jogadores e muitos deles terem vencido copas do mundo pela seleção não ajudou ao BOTAFOGO em nada.
Respeito a à Camisa e a História existe, mas estamos muito distantes dos tempos de NILTON SANTOS companhia.
Para terminar, o estilo do BARCELONA ajudou a Espanha a se tornar uma seleção vencedora; só que duvido muito que o desenvolvimento daquele estilo de jogo foi pensado em agregar valor ao futebol espanhol.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Exato, Celso. O cara enxergou (e costuma enxergar) mal a beça o jogo de ontem.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Ivo, ele está cansando mesmo.

Márcio, ferrou. Agora ele descobriu uma nova palavra bonita para justificar tudo. Depois da meritocracia, vem a performance.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, no mínimo ele acredita no famoso "a bola não quis entrar".
Messi e CR7 são uns caras de sorte mesmo, pois é um tal da bola bater na canela e morrer dentro do gol...
SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, essa é para você que gosta do futebol moderno, de vanguarda:

"João Paulo, questionado se é um "falso 10", por também voltar para marcar: "Isso é muito da característica, um cobre o outro. O Jair deixa claro que não tem posição definida, muitas vezes o Bruno vai voltar por dentro e eu faço a dele, ou o Lindoso... A gente vai sempre se revezando nas posições."

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/cobertura.html

Temos o falso nove, falso dez e vários falsos jogadores de futebol.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Hahhaha. Márcio, só temos que tenhamos o falso treinador. Rs
Abs e SA!!!

J. Daniel disse...

Como botafoguense roxo, eu vejo com muito pessimismo o sucesso do fogão nas competições que disputa. Por quê?
O time perdeu o poder de reação. Ninguém tem medo do botafogo, que hoje é encarado como time mediano. Chegamos a esta situação pela incapacidade financeira do clube, sim, esta é a nossa realidade. Qual seria a solução? Para amenizar a situação o.JV teria que escalar o Marcelo, testando a formação com três zagueiros, tirando definitivamente,o Arnaldo (até ele começar a entender que a bola é redonda), e concretizar a contratação de atacantes, porquê os atuais não estão dando conta. Além da entrada do Marcelo sou favorável ao retorno de Emerson Silva ou E. Santos. O Rabelo é uma jovem promessa, mas ainda não está pronto. Se os ventos nao começarem a soprar a nosso favor, corremos o risco de ficar próximo da zona de rebaixamento, fora da CB e da Libertadores.Saudações Alvinegras!!!

WAYNE disse...

Boa tarde.
Estou tão P. que não falo mais nada sobre esse inútil ARNALDO. Desistir da jogada. Ele é novo o C... perdermos tres pontos. ROGER é outro.PQP. Vçs me desculpe. Vou fazer JEJUM de comentários. Em tempo: aturar a torcida do EDUARDO- PREMIÈRE. É fffff Me solidarizo com os comentários negativos sobre eles e mais JV.
Sau8dações alvinegras

Marcio disse...

Jair Ventura em 14 de maio de 2017.

PROBLEMA NA LATERAL

"Não dá para você ficar improvisando o ano todo. A gente fez um levantamento dos últimos gol sofridos do Botafogo. Dos 12, seis gols foram pelo lado direito. Então não tem jeito, são números. Como eu estudo os adversários eles estudam a gente, e você não pode botar culpa no jogador que está quebrando o galho ali..."

O Arnaldo lateral direito de ofício, jogou seis jogos pelo BOTAFOGO e o Time sofreu 5 gols; um do Santos, dois do Coritiba e dois do Vitória. Destes, quatro saíram pelo lado direito, ou seja, 80%.
Números são números, ou não, diria um conhecido cantor baiano.

http://sportv.globo.com/site/programas/troca-de-passes/noticia/2017/05/tecnico-da-moda-jair-ventura-fala-dos-maiores-desafios-no-botafogo.html

https://www.ogol.com.br/player_results.php?id=193082&epoca_id=146

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

J.Daniel, além disso, já sabem como atuamos e não existe qualquer variação tática ou jogadas ensaiadas.

Wayne, esse nem deveria ter sido contratado.

Sem mais palavras, Márcio. Rs

Abs e SA!!!

VinnyMarques disse...

Já perdi a paciência com o Jair faz tempo. Já levamos 4 ou 5 gols nos últimos jogos com os caras jogando em cima do fraquissimo Arnaldo. E o que ele faz? Nada. Tira o Matheus, coloca Gilson no meio novamente, o que nunca funcionou, e deixa Roger centroavante que joga pelos lados (?!) e o ridículo Lindoso andando e se escondendo do jogo a partida inteira. Montillo? Só depois que o caldo entorna. Palmas pra ele que tira leite de pedra...

Rodrigo Federman disse...

Vinny, e não vemos muitas variações, jogadas ensaiadas, a tal meritocracia colocada em prática, etc.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

E o Luis Ricardo?
Há mais de um mês, por volta de 10 de maio, mais ou menos, li que o Luis Ricardo estava mostrando evolução e treinando forte com bola.
Lembro também que quando se submeteu a segunda cirurgia, por volta de 17 de fevereiro, diziam que voltaria aos trabalhos em três semanas e que depois precisaria de um mês para obter o condicionamento físico.
Atualmente nem mesmo rumores sobre o seu retorno ocorrem mais.
Claro que cada organismo reage de modo diferente, mas prognóstico algum sobre o seu retorno se concretizou.
Será que ele veio do futebol chinês?
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Márcio, esquece. O Montillo não estava sendo preparado para a estreia do BR? E depois da terceira rodada descobriram que precisaria de mais uns 30 dias?
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Ricardo
Assustador decimo terceiro lugar.
Será que a desculpa vai ser que temos outras prioridades ?
Do jeito que estamos jogando vai ser difícil copa do Brasil e Libertadores.

Rodrigo Federman disse...

Ricardo, de desculpas eles entendem.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Calma,está tudo bem,cornetas. Afinal, conquistamos nestes ultimos anos a Copa do...peraí, o Campeonato Bras...não, a Liber...opa,também não.
F*** , quem precisa de TÍTULOS? O Botafogo não nasceu pra conquistar titulos...
Está tudo bem...

Rodrigo Federman disse...

Pois é, Celso.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Celso Ricardo, o importante no momento é estar "performando".
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Márcio, se estivermos "performando", todo o resto será um detalhe.
Abs e SA!!!

Francelino Bouéres disse...

Pessoal, encerrando minha participação na resenha com um pouco de ironia:
O Marcio colocou um comentário de JP: "João Paulo, questionado se é um "falso 10", por também voltar para marcar: "Isso é muito da característica, um cobre o outro. O Jair deixa claro que não tem posição definida, muitas vezes o Bruno vai voltar por dentro e eu faço a dele, ou o Lindoso... A gente vai sempre se revezando nas posições."
Lindoso , não faz a dele , não faz a do outro, ele não sabe nem o que está fazendo no Botafogo! kkkkkkk

Anônimo disse...

É difícil entender isso, mais nós torcedores só vamos deixar de sofrer, quando entender o atual momento vivido pelo clube.
Botafogo hoje é grande só em nossos corações é só enxergar que está sendo difícil tocar o clube e o que está acontecendo com nosso clube atual é um ponto fora da curva, que nem os otimistas de plantão acreditaram, tamanha metamorfose e sucesso conseguido, em tão pouco tempo.
Não foram títulos, mais a alto estima do torcedor subiu em um patamar gigante; por isso, entendo tanta reclamação.
O trabalho que está sendo feito, é um trabalho árduo que qualquer vacilo, cairemos no abismo de novo, o botafogo só colocará o braço onde alcança e pelo que conheço das pessoas que está na frente do clube, não será mudado uma vírgula, pode reclamar mais o clube não sairá do trilho, continuará com contratações modestas na base de apostas, jogadores sem nome.
É por isso que o Jair e tão festejado pela nossa torcida e pela imprensa os resultados não foram traçados para agora, só que os resultados vieram antes a classificação para uma Libertadores e passar das quartas, já é um titulo, no dia que vocês entenderem o tamanho do Botafogo atual, vocês ficaram tranquilo e aplaudiram o que está sendo feito, pelo futuro do clube.

Araujo

Rodrigo Federman disse...

Hildebrando, mas no caso do Lindoso, a questão é a famosa meritocracia. heheheh

Araújo, eu prefiro aplaudir e criticar vivendo o presente. Já que nosso passado glorioso nunca será apagado.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Francelino, talvez o Lindoso seja o dono da bola e do uniforme de jogo. Vai saber...
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Só pode ser, Márcio.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Ricardo
Alguem falou em "contratações modestas" ???
Modesto é um jogador mediano.
Contratamos é perna de pau mesmo.
Vide Arnaldo, RF, Lindoso, Joel, Roger e outros.....

Sds

Rodrigo Federman disse...

Sim, Ricardo. Alguns dos reforços são fracos.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Araújo, me desculpe discordar. Todos aqui entendem a situação do clube e até por isso, graças a sua torcida o Botafogo se mantém até hj, mesmo sem nenhum título de expressão há tanto tempo. Agora querer que nos torcedores fechemos os olhos é outra coisa. O que adiantou contratar Joel, Gilson, Jonas, Canales, Aquino, etc. O que esses caras acrescentaram ao clube? Os erros devem ser apontados sempre, assim como todos reconhecem os acertos.

SA.... André

Clovis Jonas Pinto disse...

Fala Rodrigo.

Que implicância com o Roger. Quem é melhor atacante de área, no atual elenco, que ele?

O cara só recebe bola quadrada - quando recebe - e nas poucas boas, pode perder, ou fazer. Isso é assim desde o começo do mundo.

Quando os meias de criação estiverem bem, Camilo e Montillo, ou seja lá quem for, e meterem ótimas bolas ao Roger e ele perder, aí dá para criticar.

Mas no momento, ele não pode ser assim, criticado o tempo todo. Eu acho ele um jogador limitado, mas esforçado e não é o único culpado pelos reveses.

O elenco do Botafogo é um elenco de jogadores limitados. Carli é lento, IR tem falhado também, e assim vai... Mas cacete, sempre o Roger.

Não sou parente dele, não sou nada dele, mas, pelos comentários, ele é o JV, estão sempre na berlinda.

Claro, a crítica é livre.

Abraço e SA.

Fábio Lucas disse...

Foi falta no arnaldo no lance e o juizinho não marcou ele parou na hora ai saiu o gol, agora todo mundo falando mal do cara.

Rodrigo Federman disse...

Disse tudo, André.

Clovis, nem considero que seja implicância. O cara definitivamente é muito fraco. Sequer deveria ter sido contratado, mas obviamente não tem culpa nisso.

Fábio, não vi falta alguma. São as novas "regras" do futebol moderno, em que o cara para para simular falta e abandona a jogada.

Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Clovis, o Roger perde poucos gols porque se coloca mal na área e quase sempre perde o tempo da bola,ou seja, não chega nela.
Como bem disse o Márcio, sempre se coloca em posição de impedimento,digo, quase sempre.
Abraços.

Rodrigo Federman disse...

Penso o mesmo, Celso. Da mesma forma que também entendo a colocação do Clovis. O preocupante é que de camisa 9, só tem ele. Culpa do setor de inteligência.
Abs e SA!!!

Clovis Jonas Pinto disse...

Fala Caríssimos.

Ok, beleza. É um ponto de vista.

Abraço e SA.

Rodrigo Federman disse...

Tranquilo, Clovis.
Abs e SA!!!

Adriano Ferrarez disse...

Prezado Rodrigo, em minha opinião Jairzitinho é um calouro no mundo do futebol que conta com muita sorte e acha que é o Rei da Cocada Preta. Fico indignado a cada desculpa esfarrapada, após cada revés, desse vaidoso técnico que como dizia minha vovó "nasceu com o rabo virado pra Lua". Gosto de ver as entrevistas de Abel Braga e outros técnicos que quando a equipe falha trazem a responsabilidade toda pra si. Definitivamente, o culpado de um time que empata ou perde uma partida após virar o 1o. tempo ganhando de 2 x 0 é somente um: o técnico. Vida que segue!!! E que venha a Chapecoense.

Rodrigo Federman disse...

Adriano, penso 100% igual a você, cara.
Abs e SA!!!

MARIO DO PARÁ disse...

Boa tarde.
Conversando com os amigos ouvi que esse ARNALDO estava encostado no ITUANO e nem no banco era ESCALADO. Portanto quem foi o "GÊNIO" que O apontou para o BOTAFOGO. A saída e emprestá-lo algum CLUBE do RIO ou de outra parte do BRASIL, afim dele sentir como deve ser esforçar para VOLTAR.
Saudações Alvinegras.

Rodrigo Federman disse...

Mário, e estava sendo procurado pelo Vila Nova. Ou seja, clube grande não havia se interessado pelo referido e possante Arnaldo.
Abs e SA!!!