domingo, 25 de junho de 2017

Seriedade e pés no chão




Amanhã o Botafogo vai encarar o lanterna do campeonato, Avaí, no Estádio Nilton Santos.

Em teoria, um jogo fácil e indicado no momento para somarmos mais três pontos.

Só que esses costumam ser os compromissos que o Botafogo geralmente se complica. E para evitar o clima de oba-oba, o técnico Jair Ventura já se posicionou:

"- É uma semana diferente. Vou alertar ao máximo. Sofremos contra o América-MG, ano passado (derrota fora de casa por 1 a 0). Atenção redobrada. É igual ao centroavante na cara do gol: tem a obrigação, só tem lado ruim. Contra o Avaí, o Abel Braga, do Fluminense, estava chateado porque foram gols em duas falhas individuais. Vou chamar atenção demais para esse jogo. Vamos entrar focados e com muito respeito. Vai ser difícil, até porque temos desfalques".

Perfeito, Jair. Nada de euforia e/ou excesso de confiança. No Brasileirão, todo jogo vale os mesmos três pontos. Não adianta nada vencermos, por exemplo, o Corinthians em São Paulo (na próxima semana) e vacilar em casa para o Avaí.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

45 comentários:

Fábio Lucas disse...

Botafogo adora surpreender ao contrário.

Ivo Santos da Costa disse...

Quando o Luís Henrique foi ingrato Rodrigo.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, outro post (para não mudar por completo o tema proposto). Enfim, não soube esperar e forçou saída.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Exato, Fábio.
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Claro Rodrigo, bem em relação ao que o Jair falou, nesse campeonato mesmo temos exemplo, aquele empate com o vitória depois de estar ganhando de 2x0 foi um belo exemplo, times que estão na ponta estão tendo bastante problemas com esses times que estão embaixo da tabela, ontem o santos perdeu para o sport, não sei quem vai para o jogo, mas independente de quem entrar tem que ser com responsabilidade.

Fábio Lucas disse...

So para mostrar que não estou gostando cade os atacantes?

Rodrigo Federman disse...

É, Ivo. Ainda tivemos esse exemplo no atual Brasileirão. Bem lembrado.

Possa crer, Fábio.

Abs e SA!!!

Daniel Filho disse...

O botafogo não pode entrar desligado no jogo de amanhã, contra o lanterna Avaí. Já vimos em outras ocasiões, que o time perdeu pontos importantes em seu reduto. Jair tem toda razão, entrar focado para não ser surpreendido. O complexo de inferioridade tem atrapalhado o time. E não é de hoje que o nosso querido FOGÃO as vezes deixa escapar grandes oportunidades, por não se achar capaz de consegui-las. Pra cima fogão!!!

Rodrigo Federman disse...

Isso mesmo, Daniel. Entrar em campo como se fosse decisão de campeonato, independente do adversário.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Assim como contra o Vasco, o Botafogo vence com facilidade amanhã.
Apenas intuição.

Rodrigo Federman disse...

Celso, que sua intuição esteja apurada.
Abs e SA!!!

André disse...

Não sou pessimista, mas qndo somos favoritos, jogando em casa e ainda por cima contra o lanterna, fico receoso. Hehe. Fogão adora ressuscitar cachorro morto.

Celso Ricardo disse...

"

Celso Ricardo21/6/17 11:14 AM
Acredito em vitória,até com certa facilidade. Vamos ver."
Comentário antes do jogo com o Vasco.
Não é que eu entenda de futebol. Sinceramente, intuição.

Rodrigo Federman disse...

André, sempre me preocupo em dobro nesses jogos também.

Celso, eu lembro. Que se repita. Rs

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Vale a pena retornar com o Luís Henrique? Jorge

Rodrigo Federman disse...

Jorge, para mim, não mais.
Abs e SA!!!

J. Daniel disse...

O Botafogo caiu de quarto para sexto na tabela de classificação, após os jogos deste domingo.Motivo para que busque a vitória desde o início, não relaxando na marcação para evitar surpresas. O time do Avaí é o lanterna, mas já endureceu contra "time grande", jogando em seu reduto. Espero que a torcida compareça em bom número, a fim de incentivar o time. Se eu fosse o treinador, pouparia o BS, pois já tem dois cartões amarelos, podendo desfalcar a equipe contra o Corinthians. Vamos subir fogão!!!

Rodrigo Federman disse...

J.Daniel, eu não pouparia ninguém. Até porque, os 3 pontos contra o Avaí são iguais aos 3 contra o Corinthians. Eu só pouparia quem o DM não liberar.
Abs e SA!!!

Fatos disse...

O jogo contra o Corinthians será o que antecede o confronto contra o Nacional-URU e provavelmente Jair poupará boa parte dos titulares contra o Corinthians.
Creio que Bruno Silva e os demais com 2 cartões devam forçar o terceiro cartão amanhã contra o Avaí.

Rodrigo Federman disse...

Ok, Fatos. Bom, se não for por ordem médica, sou contra poupar jogadores, sempre.
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Rodrigo você pensa num jogo, eu penso em todas as competições, Lindoso, Matheus e Pimpão estão com problemas musculares, mas já foram liberados pelo departamento médico, mas é claro que não estarão 100%, temos três jogos importantes e desgastantes no campeonato, em outras épocas eu concordaria com você, mas as coisas agora são diferentes, não podemos pensar num jogo só, temos três competições importantíssimas que serão disputadas o ano inteiro, já pensou se perdemos jogadores importantes como os que citei para as três competições, na Europa que tem o mesmo sistema isso é feito, o próprio real madrid fez isso no espanhol e foi campeão.

Rodrigo Federman disse...

Ok, Ivo. Respeito, mas continuo sendo contra esse maldito futebol moderno em que pobrezinhos que ganham horrores (e com uma baita estrutura de suporte) não conseguem jogar 2 partidas por semana que, coitadinhos, ficam desgastados. Enfim, é a minha opinião.
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Rodrigo qualquer decisão deve ser muito bem abalizada pelo Jair, como disse se as coisas fossem como antes eu concordaria com você, mas também concordo que os jogadores fazem muito corpo mole.

Anônimo disse...

Rodrigo, sobre esse assunto de poupar jogadores. Um ex tenista deu uma entrevista (eu não assisti, meu pai quem falou comigo) que futebol é o único esporte que acontece isso. Pelo que ele falou, o tênis é muito mais cansativo e os caras jogam bem mais, com muito mais desgaste físico. Eu bem igual a vc, esses jogadores ganham muito bem pra te tanta moleza.

SA... André

Marcio disse...

Perfeito o posicionamento do Jair Ventura.
Enfrentando o primeiro ou o último colocado, a seriedade deve ser a mesma, pois não se vence por antecipação e jogo algum é fácil antes da bola rolar.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Ivo.

André, não duvido disso. Os jogadores de futebol (principalmente os brasileiros) são os esportistas mais frescos e mimados da face da terra.

Perfeito mesmo, Márcio. Esperamos que dentro de campo os atletas apliquem isso.

Abs e SA!!!

Gernaldo Silva disse...

A respeito de poupar jogadores:

Não vejo como frescura ou chinelinho, é uma questão de racionalidade, ao jogar várias partidas o próprio corpo cobra, ficando mais propenso a lesões e aumentando o desgaste físico ao decorrer das partidas, logo, mesmo que o jogador não queira ser poupado ocorre um decréscimo de perfuma natural do ser humano (atletas): Diversos estudos científicos apontam isso.
Aumenta consideravelmente: Risco de lesões musculares, maior cansaço, défice de concentração que foge do próprio controle do atleta.
Na Europa ocorrem jogos na mesma quantidade, porém os times de ponta praticamente não treinam nesse intervalo, realizando apenas pequenas atividade, com pouca duração, sem falar no clima que não pode ser comparado.
Não sou eu que estou falando. Estudos científicos mostram que a eficiência do atleta vai decaindo com o aumento de número de partidas realizadas, logo o preço é cobrado. Assim, forçar e ignorar de que devem ser poupado, seria prejudicar a própria evolução do time!

Rodrigo Federman disse...

Gernaldo, eu respeito, mas mantenho a opinião de que, para mim, é muito mimo.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Antes de descansarem do trabalho, pelo qual são extremamente bem pagos,dá uma olhada na vida social desses caras.
Além disso,treinam meio período,têm os melhores profissionais, grana pra bancar suplementos,nutricionistas etc.
O último jogo quarta. Quinta, sexta,sábado e Domingo de descanso. Pago pra ver se algum deles fez treinamento acima de 60% da capacidade física.

Rodrigo Federman disse...

Fecho contigo, Celso.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Vale lembrar que a grande maioria não é atleta(porque não querem). Eles são jogadores de futebol. Fui atleta de maratona, meia maratona por muitos anos, cumpria meu expediente sem regalias e me cuidava. Se eles viverem uma vida regrada, alimentação correta e horas de sono,as lesões serão mais raras.

Marcio disse...

Eu não ignoro que em determinadas condições o atleta deve ser preservado; agora, o que me deixa intrigado não é a necessidade e sim a forma, pois aqui quando resolvem poupar, fazem com praticamente todo o Time.
E poupar todo um Time, como adoram fazer por aqui, eu sou contra.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Concordo de novo, Celso. É o tal excesso de mimo que eu falo.

Ainda tem isso, Marcio.

Abs e SA!!!

Adriano Ferrarez disse...

Prezado Rodrigo,
Tenho endereçado críticas, algumas severas, ao Jairzitinho. Tenho dito que ele tem muita sorte e pouca humildade. Mas tenho que elogiar o trabalho de nosso treinador quando ele merece. A função desempenhada pelo Bruno Silva no lado direito do ataque do glorioso, além de mérito do jogador, tem o dedo do comandante do glorioso. Nos últimos jogos tenho notado que ele parou de inventar nas substituições, isso tem feito com que os nossos resultados sejam positivos. Esse meu comentário, portanto, é apenas para reconhecer os méritos de Jairzitinho. Espero particularmente continuar elogiando-o até somarmos os 45 pontos (objetivo primeiro) e depois conquistarmos o título do Brasileiro 2017. Senta a púa, Fogão!!!

Rodrigo Federman disse...

Claro, Adriano. Isso é ser justo. Concordo contigo.
Abs e SA!!!

Fatos disse...

E na Europa não são tantas partidas, e lá, culturalmente, "roda-se" o elenco, com excessão de 2 ou 3 titulares que sempre que não estão lesionados jogam, todos no grupo tem chances quase que iguais. Mas aqui no Brasil querem que o camarada jogue todas as partidas como se fosse uma máquina.

PS. Musculatura e lesão não enxergam super salários. Esse detalhe é insignificante do ponto de vista clínico/fisiológico

Fatos disse...

Isso eu concordo. Poupar todo o time chega a ser um desrespeito com o torcedor.

Rodrigo Federman disse...

Sim, Fatos.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Ok, Fatos. Respeito, mas mantenho a opinião de que considero mimo do maldito futebol moderno. E obviamente que sei que nada tem a ver com salário. Citei apenas como um dos meus argumentos para não engolir seco qualquer desculpa de unha encravada ou gripe para entrar em campo.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Lá vem a invenção. Tira o Matheus, prende o Bruno e adeus futebol
Reinaldo

Rodrigo Federman disse...

Reinaldo, esse treinador quando é elogiado, se acha mais do que é e sempre inventa.
Abs e SA!!!

Adriano Ferrarez disse...

Foi só elogiar o cara pra ele voltar a aprontar!!! Hey, Jairzitinho vê se te orienta, assim dessa maneira nego o Botafoguense não aguenta!!!

Rodrigo Federman disse...

Adriano, enchem demais a bola dele. E ele acredita.
Abs e SA!!!

Sergio disse...

Mesmo com o olho ainda não muito legal tentei ver o jogo. Como o Botafogo consegue perder para um time horroroso como esse Avaí que com certeza vai para a segundona
Triste sina. Só comecei a ver o jogo quando já estava 1x0 e não entendi a escalação, depois soube que o Jair escalou o bichado Montillo junto com o inútil Camilo, ou seja, descontou mais uma vez o esquema que vem dando certo e igual ao jogo contra o Barcelona de Guaiaquil, deu o contra ataque. Quando será que vai aprender que o Botafogo não pode se expor pelo lado direito. Fora isso, como faz falta o MF e o JP. É esse Camilo é uma grande M. É outra, como o Botafogo falha nas finalizações, e além disso hoje era dia do goleiro do Avaí. ABS e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sergio, seria melhor você ter seguido as recomendações médicas. heehehe
Abs e SA!!!