sexta-feira, 7 de julho de 2017

O motorzinho




Autor do importante gol da vitória sobre o Nacional, o João Paulo falou sobre o seu posicionamento em campo:

"- Já cumpri essa função de 10. Nos últimos anos mudei a característica, jogando mais recuado. E a ideia do Jair é de alguns jogos atrás, e acabou me comunicando".

Esse rapaz é aquele típico jogador que nunca fará uma jogada incrível de efeito, mas é bastante regular. Atuando mais atrás ou na frente, está sempre presente e sendo visto em campo, nunca fugindo da bola (nem mesmo quando erra).

Hoje, imprescindível para o time...
...na armação e marcação.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

73 comentários:

Gernaldo Silva disse...

Verdade! Ótimo jogador, joga sério. Tem tudo pra crescer ainda mais... Realmente foi um achado do Botafogo. Parabéns pra que o comprou. O melhor é que temos os direitos dele.

Ivo Santos da Costa disse...

E olha que hoje não fez seu melhor jogo, mas foi fundamental.

Celso Ricardo disse...

Perfeito, Rodrigo. Jogador eficiente. Quanto ao jogo de ontem, muito feliz pelo resultado. Porém, preocupado pela atuação fraca do nosso setor ofensivo. Algo precisa ser feito, teremos o forte Grêmio pela frente.

VinnyMarques disse...

Eu o acho meio lento, pesadão, mas é dele mesmo. É é exatamente isso... Não se esconde, não erra passes, marca relativamente bem e consegue fazer algo minimamente efetivo na frente.
Minha preocupação é a sobrecarga sobre o Bruno Silva por conta do fraquíssimo Arnaldo. O Victor Luís, por pior que esteja ainda segura as pontas lá atrás. Meia boca, mas segura... Pimpão tá morto. Precisa ser poupado ou perderemos o jogador. Temo pelo BS também, sacrificado pelo esquema.
E os reforços? Chegam ou não? Que novela chata...

Rodrigo Federman disse...

Gernaldo, tiro certeiro. Pena que para cada JP, tenhamos que aguentar uns 10 Arnaldos.

Verdade, Ivo.

Concordo contigo, Celso.

Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Vinny, mas é isso. Ele não se esconde. Se apresenta, mesmo quando está em momento/dia ruim!
Abs e SA!!!

Leone Gomes disse...

Rodrigo o João ontem junto com o Mateus foi o melhor em campo, chama atenção do torcedor o fato dele nunca se esconder do jogo, ele está o tempo inteiro disposto a ajudar independente da sua posição em campo, armou o time mil vezes melhor que o Camilo.
Que continue titular por muito tempo nesta função.

Abs e SA!!!

Gernaldo Silva disse...

Falei apenas a respeito do JP. Assim toda vez que falamos de Arnaldos teriamos que citar de Gatittos, JP, Bruno Silva, Carli etc.

Rodrigo Federman disse...

Leone, é verdade. E ainda falavam que o Camilo era titular absoluto, hein?

Tá bom, Gernaldo.

Abs e SA!!!

Renan SP disse...

O João Paulo tem jogado muito , é Titular absoluto seja de meia ou volante.
Ontem foi o melhor em campo ao lado do Mateus Fernandes.
Ele está sempre presente em campo , armando jogadas , voltando para ajudar na marcação, jogador fundamental para o Botafogo.
E o melhor disso tudo é que não precisamos mais aturar o " Mito " . Rsrs

Um abraço

Rodrigo Federman disse...

Renan, faço das suas, as minhas palavras. Principalmente o final do comentário! rs
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Mas eu não vi o Arnaldo se escondendo ontem, ao contrário brigou muito, talvez não tenha aparecido muito na frente, mas isso porque foi obrigado a ficar um pouco mais atrás, não vejo ele sacrificando o Bruno Silva, muito pelo contrário.

Rodrigo Federman disse...

Eu vejo, Ivo. O BS ontem deu uns 5 ou 6 piques desumanos do ataque para a defesa, pois parece saber que o Arnaldo é fácil de ser driblado. Para mim, jogador que não tem o mínimo de futebol para Botafogo.
Abs e SA!!!

higor disse...

Vi uma partida in loco desse jogador no ano passado aqui em Juiz de Fora, contra o Santa Cruz. Lembro que me chamou a atenção no fraco time do Santa que foi rebaixado. Até gol na gente fez.

Hoje, junto com o B. Silva, é peça fundamental do time.

Rodrigo, acredito que se o técnico parar de teimosia temos grandes chances de garantir um titulo importante pra a sofrida e perseverante torcida do Botafogo. Já chegou num ponto positivo (a barração do Camilo), mas ainda falta mais, passando pela barração do Emerson Silva e Arnaldo e colocar os gringos que chegarem pra jogar no lugar do Roger.

Anônimo disse...

Dar os parabéns pro jota que falou bem dele. Enquanto muitos acreditavam ser jogador de santa cruz, né Rodrigo? Clayton

Ivo Santos da Costa disse...

Todos os jogadores se entregaram, houve entrega de todos, o Bruno Silva e o Arnaldo fizeram bem seu papel, contínuo achando um exagero dizer que o Arnaldo sobrecarregou o Bruno.

Paulo Fernando disse...

Tô dando risada até agora de uns caras meio truncados de cabeça que defendem um ponto de vista, mesmo que todas as circunstâncias relacionadas ao seu ponto de vista tenham mudado. Na política também temos essas pessoas. Mas o engraçado é que os defensores do Camito ficavam p. da vida comigo porque eu disse que ele só jogou umas 3 ou 4 partidas decentes e as demais foram enganações. Pra mim ele é uma fraude futebolistica, do mesmo jeito que existem as fraudes eleitorais. Até não acho ele mau caráter, questão de limitação mesmo. Mas fui até xingado quando disse que o Camilo não tinha nada de mito - nem de Lula (ôps).

Anônimo disse...

RODRIGO,quando o JP veio para o BOTAFOGO,publiquei aqui as informações de meu afilhado,que mora em Recife e torce pelo Santinha:"Padrinho é o melhor do time,jogará fácil no FOGÃO".
Na ocasião,alguns acharam um absurdo pagar uma grana por um jogador de time de segunda divisão,etc,etc.Por isso,qualquer jogador que venha,quando não tenho informação segura,prefiro aguardar alguns jogos para observar.
Quanto ao jogo de ontem,alguns pitacos:
1.não considero sorte ou milagre,mas sim falta de competência dos atacantes do Nacional nos primeiros 20 minutos.Três falhas grotescas e ridículas do ES poderiam ter modificado o resultado final.Na primeira,o ARNALDO salvou,na segunda,o atacante cabeceou para fora,após subir muito mais do que o zagueiro.Na terceira,com o gol vazio,o incompetente uruguaio fez o mais difícil,chutou na trave e no abafa o GATITO se atirou e salvou.Pouco tempo depois,o ARNALDO salvou um ataque perigoso cabeceando a bola para o ES,que simplesmente deu um passe para o atacante fazer o gol cara a cara com o GATITO,e o pereba chutou por cima.É perseguição,má vontade com o jogador ou com o treineiro,mentira,invenção minha? Digo isso com tranquilidade,pois quando o ES andou jogando bem eu o defendi aqui.NÃO PODE,NO MOMENTO,SER TITULAR,É UM ABSURDO
2.RODRIGO,cheguei a conclusão que um amigo tem razão quando me confidenciou que as "putas velhas" se escalam e o JV aceita.
3.Com menos dois em campo,e em alguns momentos menos três,a vitória sorriu graças a dedicação dos outros jogadores,que se empenharam o tempo todo.
4.qual a explicação para escalar ES,substituir o JP pelo COALHADA e manter o ROGER em campo,que como jogador de futebol é um excelente e dedicado pai e só.
Para encerrar,vejo o jogo sem som,pois não aguento esses caras das transmissões,que acham que o mais importante não é a partida,mas o que comentam.Ontem,resolvi após a partida,ouvir algumas resenhas.Desliguei logo que ouvi a seguinte pérola:"grande vitória do Botafogo graças a visão do JV,que forçou o JP a jogar mais à frente e com a sua estratégia o jogador fez o gol da vitória".Aí meu amigo os meus tico e teco entraram em curto circuito e fui assistir a um filme.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Higor, confesso que quando foi contratado, não me empolgou. Não havia visto nada nele na época do Santa. Mas hoje, realmente se mostrou fundamental para o time. É um cara que briga o tempo todo e parece saber bem quais as suas limitações, atuando sempre de maneira simples e voltada para o grupo.

Eu mesmo, Clayton. Qual mal há em reconhecer e mudar de opinião?

Respeito, Ivo. Ainda assim, mantenho a opinião de que Arnaldo mais atrapalha do que ajuda.

Paulo, comigo também. Diziam que sem ele não tínhamos criação, qualidade...até mesmo que era crueldade ou ingratidão criticá-lo. Realmente virou um mito para muitos. Ainda bem que está mais do que provado que de mito não tem nada. Para o bem do time, hoje não passa de reserva. E que fique esperto, caso esse Marcos Vinicius seja bom e/ou esses outros reforços também mostrem trabalho.

Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Jota. Lembro que o amigo sempre falou bem e eu era dos que não empolgavam com sua contratação. Hoje reconheço total a importância dele. E ah, concordo com todo o seu comentário.
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Cara tô com duvidas sobre o pênalti do Vitor Luis, digo isso porque assistindo o Bom Dia Fox hoje, um internauta colocou a seguinte questão, a bola não teria batido na mão do Vitor, mas sim do rosto, olhei o lance mais umas duas vezes e parece que a bola bate no rosto mesmo, mas não dá pra tirar a conclusão.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, para mim, pênalti claro. Fomos bastante beneficiados (e, juro, eu não gosto desses favorecimentos descarados).
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Rodrigo o Vitor Luis acabou de esclarecer o que aconteceu, a bola bate realmente no rosto do Vitor, só que depois ela também bate na mão dele, foi pênalti sim, parabéns ao Vitor pela sinceridade, e que tenha mais cuidado da próxima vez.

Rodrigo Federman disse...

Boa, Ivo.
Abs e SA!!!

Francelino Bouéres disse...

Ufa! Sensacional! Rodrigo e amigos, só agora, 13:00h, conseguir respirar! Esse é o Botafogo que eu gosto! FOGO, FOGO, FOGO!

Rodrigo Federman disse...

Francelino, teste para cardíacos. Rs
Abs e SA!!!

Francelino Bouéres disse...

Verdade! Kkkkk

Marcio disse...

De fato o João Paulo tem jogado bem, ainda mais quando tem a liberdade para chegar mais à frente.
E o melhor que mostra que pode evoluir ainda mais.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Francelino.

Isso mesmo, Márcio. E o legal dele é que não faz jogadas plásticas ou mirabolantes. Joga o básico. E faz bem esse papel.

Abs e SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

Bastou voltar o meio campo de 3 vitórias seguidas que o Botafogo marcou um gol e não sofreu nenhum. No momento esse meio: Lindoso, BS, MF e JP é imprescindível ao time. Muito interessante o JP, não é craque mas é bom jogador e utilíssimo. Se a fama não subir a cabeça, esse garoto Mateus Fernandes vira craque, muito bom jogador, com experiência vai longe.
Acho o Arnaldo fraco, mas concordo com o JOTA, nos ajudou muito ontem evitando jogadas perigosas. Entretanto o ESilva é muito ruim, o Igor é mais jogador. No post anterior o Márcio comentou o porque do ESilva sair jogando e não entendeu, eu também não, e me recordei de uma entrevista do Cruyff em que ele falou da importância de se ter um bom zagueiro que saiba sair jogando, ele chegou a afirmar que seria o jogador mais importante do time, pois é com ele que se inicia o ataque. Realmente, todos os grandes zagueiros que vi jogando como Baresi (o do Milan por favor), Gamarra, Sebastião Leônidas, Luis Pereira, Mauro Galvão, Figueroa, Nilton Santos, Leandro, etc e etc, foram grandes zagueiros não só porque defendiam bem mas também pela saída de bola.
Ontem fiz um comentário elogiando a arbitragem, e não foi porque o juiz não deu aquele penalti a favor do Nacional, aliás o único erro grave do árbitro. No mais foi muito bem, uma arbitragem totalmente diferente daquelas que vemos no país. E diga-se de passagem, quando a arbitragem erra a nosso favor num erro tão grotesco, isso pode ser um bom presságio, desde que pegando um time brasileiro o árbitro não seja brasileiro, caso contrário já sabemos o que vai acontecer. Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sergio, e bastou o Camilo sair do time (novamente) para sentirmos uma nítida melhora na pegada e organização do time.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

E mais uma notícia que não faz Torcedor algum se surpreender:

"Seedorf entra na Justiça contra o Botafogo e pede quase R$ 4 milhões do clube."

"Mais um problema financeiro para o Botafogo. Desta vez, o holandês Clarence Seedorf entrou na Justiça contra o clube. De acordo com a ação, o ex-jogador acusa o Alvinegro de não pagar direitos de imagem, causando problemas com o fisco italiano ao deixar de reter os tributos na fonte, além de danos morais e materiais.
No total, o valor chega a R$ 3,97 milhões. O Botafogo ainda não foi chamado para se defender oficialmente, mas o vice-presidente jurídico do clube, Domingos Fleury, afirmou que já está ciente da ação de forma extraoficial.
Seedorf chorou em sua despedida do Botafogo, onde atuou por duas temporadas. O Botafogo ainda não foi chamado para se defender. Não sei os termos da ação que ele está propondo. Mas provavelmente é mais um ato de improbidade praticado pela presidência anterior do Botafogo. Ainda não conheço os termos que o Seedorf está reivindicando, mas sei que a ação foi ajuizada. Não tenho a menor dúvida de que é algo que deveria ter sido pago e não foi. Estou voltando do Uruguai hoje (sexta-feira) e só devo tomar conhecimento oficialmente na semana que vem - afirmou o dirigente alvinegro..."

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/seedorf-entra-na-justica-contra-o-botafogo-e-pede-quase-r-4-milhoes-do-clube.ghtml

"Apenas" mais um problema deixado pela gestão moderno-praiana; se o BOTAFOGO deve e o cara trabalhou, tem de receber.
Entretanto, não adianta os dirigentes dizerem que é um ato de improbidade, entre outras coisas mais, se na reta final do mandato não se tem mais noticia alguma sobre a tal Auditoria.
Sairá o resultado da Auditoria ou tudo não passou de promessas?
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, para não mudar completamente do post proposto, li a matéria e já deixei programado para discutirmos sobre amanhã, ok?
Abs e SA!!!

Leonardo13 Germano disse...

Joao Paulo foi uma ótima contratação. Bom jogador!

Rodrigo Federman disse...

Leonardo, hoje em dia eu hei de concordar.
Abs e SA!!!

Unknown disse...

João Paulo tem sido um bom meio campo. É um tipo de jogador que não espetacular mais o é um cara indispensável no meio campo. Nosso time e muito limitado em comparação a todos que estão neste fase da libertadores. Só vejo o Botafogo acima do Atl Paranaese... Mais temos uma coisa que os outros não tem nem de longe é a garra e raça de vencer. Isso tem feito toda a diferença na libertadores ate o momento.

Agora sobre nossa zaga cara quero muito entender o porque de barrar o Rabello.... Esse ES é muito ruim. A zaga com ES é de dar calafrios. Aquele lance com Arnaldo que foi aquilo cara??

Rodrigo Federman disse...

Unknown, poucos, pouquíssimos, entenderam e gostaram dessa escalação do ES no lugar do Rabello. Eu também não consigo entender, cara.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, não imaginei que fosse tema para debate posterior, por isso trouxe o tema agora. Pensei apenas em informar.
De fato, se começar a pipocar muitas "noticias, perde-se o fundamento do Tema proposto.

Voltando ao Time, além da aplicação, temos também um esquema de jogo definido; todos sabemos qual a "melhor" forma do BOTAFOGO atuar e independente de preferências pessoais.

Já sobre o Rabelo, periga no futuro, quando alguém solicitar a sua escalação, aparecer comentários dando conta de que não está treinando bem.
Em condições normais, todo indivíduo sabe se está rendendo bem ou não; sair do Time quando está em boa fase e ver o seu substituto atuando pior, não é motivador para ninguém.

Voltando no tempo, o Jair disse depois da derrota frente ao Avaí que não analisa o resultado final e sim a performance, pois foi um jogo onde criou muitas oportunidades, tal e qual frente ao Barcelona...
Gostaria de saber dele onde está a relação eficiência/eficácia nesse contexto. Elas não podem ser deixadas de lado.
O objetivo do futebol é impedir que seu adversário faça gols e que sua equipe os faça; para isso, o técnico busca os melhores jogadores e organização para chegar ao objetivo final da melhor maneira.
Se uma equipe joga por uma bola, fechadinha na defesa, e em uma única oportunidade faz o gol e vence, ela foi eficiente e eficaz, pois o seu planejamento obteve exito total.
Criar 400 oportunidades e não marcar um único gol não pode ser motivo de tranquilidade, já que não houve eficácia alguma.
Aliás, jogar na retranca pode ser feio, mas não significa jogar mal.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Hahaha. Tranquilo, Márcio. Só não respondi especificamente porque já está programado, inclusive. Rs
Quanto ao time, me surpreende que a imprensa não questione o JV sobre essa mudança na zaga, né?
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, a imprensa vai para as coletivas com a conhecida padronagem em relação às perguntas.
Além disso, adoram jogar confetes em seus preferidos.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Márcio, sim, esses nunca são contestados. Em compensação, quando a imprensa não gosta de alguém, pobre coitado. Rs
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Rodrigo pegando um gancho no que o Sergio Disabatto disse em relação a arbitragem, se existe uma coisa que não temos do que reclamar, é da arbitragem na libertadores, só temos pegado boas arbitragens e também não falo isso pelo erro que beneficiou o Botafogo ontem, falo de uma maneira geral, a arbitragem tem sido muito boa.

Rodrigo Federman disse...

Verdade mesmo, Ivo.
Abs e SA!!!

Sergio Di Sabbato disse...

A melhor oportunidade de gol do Nacional foi proporcionada pelo possante Emerson Silva, que deve treinar muito bem. Essa meritocracia é uma M. Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sérgio, a tal meritocracia nunca existiu de verdade.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

A que pontos chegamos...
Sempre dizem que as arbitragens na América do Sul está mais próxima das equipes vizinhas de continente, por causa do idioma.
E mesmo assim preferimos que estes apitem os nossos jogos.
Em resumo, a arbitragem brasileira é horrorosa; como já foi dito, melhor o BOTAFOGO iniciar gestões para ter árbitro estrangeiros para apitar seus jogos, caso se classifique.
E nada de entrar na conversa de que é hora de privilegiar a arbitragem brasileira..
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Perfeito, Márcio.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Também considero Igor muito superior ao Emerson (os dois). Mas,será que JV tirou o zagueiro por algum outro problema que não fosse o critério técnico? Digo,IR pode ter sentido insegurança, ou coisa que o valha após a partida contra o Avaí e JV decidiu não expor isso. Apenas suposição, pois não é possível que ele tenha sido barrado pelo critério técnico.

Marcio disse...

Disse o jornalista Eric Faria:

"Para mim, a vitória mais significativa foi a do Botafogo. Quem já esteve no estádio Parque Central sabe como é jogar lá, é difícil. Tem pressão e ainda tinha muita chuva, temperatura baixa. Isso atrapalha um pouco os times brasileiros. Que vitória! O Botafogo, ao longo da sua história, teve grandes esquadrões, timaços, craques. Mas time raçudo como esse, acho que nunca teve. É impressionante o coração desse time."

http://sportv.globo.com/site/programas/selecao-sportv/noticia/2017/07/time-racudo-como-esse-o-botafogo-nunca-teve-na-historia-diz-eric-faria.html

Eu só não sei se de fato é o Time mais raçudo, pois aquele de 89, embora com jogadores mais técnicos, jogou em condições estruturais piores do que atualmente tem o BOTAFOGO.
Gostaria que os amigos mais tarimbados em BOTAFOGO, JOTA, Sergio Di Sabbato ou outro ajudem a melhorar a boa opinião emitida pelo jornalista.

Trecho do depoimento do Espinosa no documentário feito pela ESPN, Botafogo Estrela Gloriosa:
Tempos difíceis... Continua arrepiando mesmo depois de tanto tempo. Vale à pena ver.

"Cheguei em 89, o Emil foi me buscar em Porto Alegre... E ele comprou na loja, não tinha patrocínio, não tinha nada, ele comprou onze camisas amarelas, onze camisas azuis ou verdes, um apito, duas bolas, me entregou e disse: "Pode começar o seu trabalho".
Os próprios jogadores da época, chegaram pra mim e disseram; "Olha, aqui não dá...
O Emil acreditava... E ele me fez acreditar"

https://www.youtube.com/watch?v=uhSsfw83lAU

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Celso, considerando que o JV não é um primor de coerência, considero que tenha sido opção dele mesmo.

Márcio, aquele de 89 também era raça pura. O próprio time de 95 também merece menção, apesar de mais talentos individuais.

Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Rodrigo acho que o Jair foi mal interpretado, na verdade ele nunca falou em meritocracia, mas sim em merditocracia, ou seja o cara que faz mais merda é escalado, ex: E. Silva, Róger, Arnaldo e Camilo e o Vitor também, mas ai ele ganha do Gilson pelo tempo de casa.

Rodrigo Federman disse...

Hahaha. Só se for isso, Ivo.
Abs e SA!!!

Sergio disse...

Faltou falar dos torcedores botafoguenses presentes no Uruguai. Eu fiquei emocionado com o incentivo e a gritaria da torcida. Parabéns aos 1500 botafoguenses presentes no Estádio do Nacional.
Márcio, há um certo exagero em dizer que esse time do Botafogo é o mais raçudo da sua rica e gloriosa história. Não vi mas meu pai viu e o time de 1948 era pura raça. Não dá para esquecer as finais de 67, duas pedreiras que foi preciso além de futebol muita raça. É o que dizer de 89, 93, 95. Enfim, os de 61 e 62 tenho poucas lembranças, mas quando um time é muito bom às vezes nem notamos o fator garra. ABS e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sim, Sérgio. A festa deles foi linda. Desde a chegada no Uruguai.
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Rodrigo e Sergio vocês precisavam ver a festa que a torcida fez aqui no Rio na chegada do time, aeroporto lotado amigos, os repórteres nem conseguiam entrevistar os atletas direito, Rodrigo não quero me intrometer mas bem que você poderia fazer um post sobre a torcida, tá sendo um espetáculo a parte desde o inicio da libertadores.

Anônimo disse...

RODRIGO,respondendo a solicitação do MÁRCIO,digo que o ERIC FARIA quis fazer média com os torcedores.Essa peça conheço bem,rsrsrs.
A meu ver,raça,falta de bons jogadores e estrutura ruim foi com o time que ganhou a CONMEBOL.
Assisti a várias decisões de campeonatos como em 57,61,62,67,68,etc,e naquela época não necessitava de raça,pois os nossos times eram muito bons.
Um detalhe interessante para a turma mais nova.Em 57,fui a final com o meu tio e um primo,torcedores das flores,pois meu pai,como todo botafoguense supersticioso,estava com mal pressentimento e não quis ir.Fiquei na torcida das flores com eles,vibrei e pulei seis vezes,rsrs,e não aconteceu nada,só riam da alegria de um moleque com 15 anos.
Acredito que depois,os títulos foram conquistados por termos,na época,alguns bons jogadores e outros raçudos.Hoje,como o nível é muito baixo,fica difícil mensurar para fazer comparação.A meu ver,de tudo que vi,a equipe que venceu a CONMEBOL foi a mais raçuda,superando atrasos de salários,com jogadores apenas medianos,etc,etc.Verdadeiros heróis.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, vi pela TV. Bem legal mesmo.

Jota, média ou não, ele falou uma verdade. Hehehe

Abs e SA!!!

Marcio disse...

JOTA, valeu pelas informações; inclusive com a lembrança daquela equipe de 93, campeã da Conmebol sobre o tradicionalíssimo Peñarol.
SA!!!

Marcio disse...

Faltou agradecer ao Sérgio pela reposta ao meu comentário.
Talvez por ter visto a primeira conquista do BOTAFOGO em 1989 e todo o contexto envolvido, tenha me lembrado de imediato dessa Equipe.
SA!!!

Anônimo disse...

RODRIGO,tive um problema na máquina e faltou o seguinte trecho:"o time atual,como sempre elogiamos aqui,tem raça e disposição,mas a diferença é que o salário está em dia e ainda tem uns quatro ou cinco jogadores melhores que o elenco da CONMEBOL".
Discordo dele que é o mais raçudo.Apenas uma opinião.Um abraço.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Márcio.

Tranquilo, Jota.

Abs e SA!!!

WAYNE disse...

Bom dia.
Rodrigo, Ao ler seu comentário sobre o CAMILO. Recordei ao término do jogo no URUGUAI, que o mesmo mostrava ACANHADO e caminhava de cabeça baixa sozinho em direção a torcida do BOTAFOGO, presente ao estádio. E, ai me veio a lembrança que eram as mesmas posturas que apresentava,o SASSA. Creio, que O CAMILO deve estar sem ambiente, em virtude de seu fraco rendimento em campo atrapalhando a equipe. As CARETAS E GRITARIAS em comemoração nos GOLS, não era uma forma também de disfarçar isso.
Abs SA

Rodrigo Federman disse...

Wayne, não acho que é questão de ambiente. É questão de futebol mesmo. E o dele é exatamente esse que temos visto há quase 9 meses.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Sobre o Camilo, também não acho que seja problema de ambiente, o futebol dele é esse mesmo.
Entretanto, não descarto a possibilidade de ter sido afetado pelo fato do CLUBE ter embarcado naquela conversa de mito e tudo o mais; nem todos os jogadores têm estrutura suficiente para segurar a responsabilidade de ser a estrela do Time. Isso colocou os holofotes em sua direção e fez aflorar os seus defeitos; talvez, se fosse apenas mais um no elenco, tivesse apresentando atuações mais aceitáveis.
Sou contra a essa necessidade existente atualmente, por causa do Marketing, de criar ídolos; tornar-se ídolo acontece de forma natural.
Sem comparar qualidade técnica, cito o exemplo do Rivaldo. que a meu ver foi um excelente jogador e por não "vender" bem a sua imagem, é lembrado menos do que deveria. O que aconteceria se tentassem transformá-lo em ídolo utilizando ferramentas de Marketing?
O jogador é contratado para jogar futebol, se houver condições de capitalizar sobre a venda da sua imagem, melhor; se não, deixe-o apenas jogando, pois pode ser muito mais vantajoso.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, aí sim eu concordo. Também acho que ele pode realmente ter acreditado que era um mito, afinal, esse marketing bobo em excesso acaba pegando por osmose quem tem um senso crítico pequeno e/ou quem seja ingênuo demais.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, antes do Marketing do BOTAFOGO pensar em vender a imagem de um jogador, precisa avaliar se o mesmo tem condições de segurar a exposição.
Eu citei o Rivaldo e o oposto é o David Beckham; jogador mediano que apresentava somente uma regular bola parada e que soube utilizar-se muito bem das ferramentas de Marketing para aumentar o seu valor, muito melhor fora de campo do que dentro.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Verdade, Marcio. Acho que isso reflete bastante a nossa carência por bons jogadores. Por conta de um golaço de bicicleta, logo passaram a tratar um jogador com uma carreira mediana (para baixo) como novo ídolo. E boa parte da torcida comprou esse barulho criado pelo mkt alvinegro.
Abs e SA!!!

MARIO DO PARÁ disse...

Saudações alvinegras,
Gostei das declarações acima. Vamos aturar quanto tempo essa performance negativa. Para salvaguardar o patrimônio que -houve investimento- teremos menos um jogador.
O BOTAFOGO jogará sempre com dez.
Abs SA

Rodrigo Federman disse...

Não entendi, Mário.
Abs e SA!!!

MARIO DO PARÁ disse...

Boa tarde. Esclarecendo.
O BOTAFOGO será prejudicado, pois ele CAMILO, jogando o que está jogando. isso é nada.
O JAIR o escalando, é como estivéssemos com dez.
Saudações Alvinegras.
Abs SA

Rodrigo Federman disse...

Ok, Mário. Mas justiça seja feita, ele foi barrado no último jogo.
Abs e SA!!!

MARIO DO PARÁ disse...

Saudações Alvinegras.
Continuando o papo. Entrou e não fez nada.
Abs SA

Rodrigo Federman disse...

Beleza, Mário.
Abs e SA!!!