sexta-feira, 4 de agosto de 2017

O preço da incompetência




Notícia retirada do site do Esporte Interativo:

"Custou caro! Por escalar Victor Luis, Botafogo vai pagar R$ 200 mil ao Palmeiras".

Segundo a reportagem, o erro foi do Departamento de Futebol botafoguense, que não informou a situação para a comissão técnica  se planejar  (e ponderar) na hora de escalar o time.

Questionado sobre a informação, o presidente CEP respondeu:

"- Ainda não tenho nada para falar sobre esse assunto".

Que absurdo! Se isso for verdade, haja incompetência do jurídico e do gerente Antônio Lopes.

Agora, se o Jair foi informado e resolveu escalar o VL mesmo assim, são outros quinhentos. Mesmo assim, precisaria de um aval (por questões financeiras) do chefe do futebol em General Severiano. Ou seja...


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

33 comentários:

Silva disse...

Agora reconhecem o "erro" e estão tentando negociar com o Palmeiras.É muita incompetência jogar 200mil reais pela janela desse jeito.

Rodrigo Federman disse...

Silva, se essa informação for verdadeira, desculpem aqueles que sempre discordaram das minhas opiniões sobre o DJ e Lopes, mas eles dão motivos.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Mil perdões por sair do tema mas, vejam este vídeo que mostra que às vezes nem sempre é o que se parece.
O que quero dizer é que falar das"conquistas" de JV pura e simplesmente não mostra realmente a verdade. Quando se lê o que foi feito parece que ele foi um herói, o salvador. Diversos fatores levam ao sucesso,como salário em dia, credibilidade etc. Não apenas um profissional.
Em tempo: NÃO há comparação entre as pessoas, mas sim o que uma propaganda pode fazer.
https://mb.epochtimes.com.br/e-possivel-contar-um-monte-de-mentiras-dizendo-verdade/
Obs: não leio e não acredito na Folha de São Paulo.

Ivo Santos da Costa disse...

O que eu sei é que a CBF proíbe esse tipo de coisa, time ter que pagar por jogador emprestado, jogar contra o time que o emprestou, isso tem que ser melhor averiguado, pois o que sei é que é proibido.

Anônimo disse...

RODRIGO,sobre o tema de hoje prefiro não opinar,pois nem tudo é o que parece ser e ainda não consegui entender o que se passou.Verei se consigo saber algo de fonte confiável,pois não acredito em nada que é publicado,particularmente contra o nosso clube.
Quanto ao futebol,que vemos e não tem como esconder nada,rsrsrs,digo o seguinte.Perder, empatar ou vencer fazem parte do jogo.Agora,facilitar para o adversário é inadmissível.Algumas derrotas foram facilitadas pelo PROFEXOR.
Está mais do que provado que o ataque atual é inoperante.Com um pouco de juízo e sem fantasiar ou inventar,agora que tem LV,MV e BRENNER,o JV pode tentar acertar o ataque.É jogar somente com dois atacantes e pronto.Caso haja contusão,suspensão,etc,por favor sem invenções seu JAIR,substitua por outro da posição,mantenha o esquema e pronto.Para que mudar o que deu certo ? Quer aparecer,coloca uma melancia na cabeça e vai dirigir o time nos jogos.Por favor tirador de leite de pedra,não esgote a nossa paciência.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Celso. Darei uma olhada.

Ivo, então aguardemos uma posição/explicação do Botafogo.

Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Jota, se souber de algo então, nos avise. Quanto ao JV, será criticado por aqueles que acreditam que ele tira leite de pedra. Rs
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Parece que a cláusula que impede o Victor Luís de jogar contra o palmeiras, foi feita antes da proibição da CBF, portanto tava valendo, parece que o jurídico realmente deu uma vacilada e tanto, mas apesar disso pra mim pelo menos, tem muito crédito.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, jurídico e Lopes. Bom, eu não acho que tem muito crédito. Da mesma maneira que acho 200 muita grana para ser jogada fora de maneira tão irresponsável...ou incompetente.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Segundo as noticias, a cláusula voltou a valer para a cbf, com minúsculas.
Conferi o regulamento e nele consta o seguinte:

Seção VII – Cessão Temporária
Art. 35 – Nas transferências por cessão temporária de atleta profissional,
incumbe, privativamente, aos clubes cedente e cessionário ajustar a
participação do jogador nas partidas em que se enfrentem

http://cdn.cbf.com.br/content/201702/20170201154621_0.pdf

Não sei o que houve e sempre é melhor esperar, mas, se for confirmada a situação, pagar 200 mil para jogar uma partida importante e que não decide, penso ser quase um erro. Ainda mais considerando que vivem falando em poupar jogadores para a disputa da Libertadores e Copa do Brasil.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, isso mesmo. Acho que cabe uma explicação do Botafogo. Até porque, a notícia por enquanto não é nada boa junto aos torcedores. Se existia o valor e esqueceram, demonstra incompetência absurda. Se sabiam e liberaram, aí ok, não tem como criticar. Mas vai um pouco contra o tal planejamento de poupar em alguns jogos e tal. Esse, por questões financeiras, deveria ser um desses tais jogos.
Abs e SA!!!

Gernaldo Silva disse...

Rodrigo. É preciso ter calma ao falar de incompetência em caso como este sem a devida informação.

Em 2015 a CBF em seu Regulamento Geral de Transferência seguindo orientação da FIFA proibiu o chamado “Acordo de Cavalheiros”
Art. 33 – A transferência por cessão temporária de atleta profissional pode ser convencionada pelo clube a que contratualmente o atleta está vinculado (cedente) a outro clube (cessionário), sendo nulas e de nenhum efeito quaisquer cláusulas ajustadas entre as partes que visem a limitar, condicionar ou onerar a livre utilização do atleta cedido por parte do cessionário, enquanto vigorar a cessão...

Em 2017, o Novo Regulamento de Transferência no art.35 voltou a permitir tal acordo.
Art. 35 – Nas transferências por cessão temporária de atleta profissional, incumbe, privativamente, aos clubes cedente e cessionário ajustar a participação do jogador nas partidas em que se enfrentem.

A CBF publicou o Novo regulamento no dia 02 de Fevereiro de 2017.
Ocorre que, pelo que sei o empréstimo do jogador Vitor Luiz foi firmado no início de Janeiro, ainda sob a égide do antigo regulamento, assim, qualquer cláusula do tipo estipulado não teria validade e seria nula de pleno direito.

A única ressalva que tenho é sobre A DATA DA ENTRADA EM VIGOR do Novo Regulamento. Caso tenha entrado em vigor antes da renovação do empréstimo, sem dúvida, será uma completa prova de amadorismo do departamento jurídico e de futebol. Se por ventura o mesmo entrou em vigor em fevereiro, não há de se falar em multa nenhuma e o departamento jurídico mereceria as devidas congratulações.

Aguardemos os próximos capítulos.

Saudações Gloriosas

Marcio disse...

Rodrigo, reafirmando que esperar maiores informações é melhor, lembro dessa fala do Luis Fernando Medeiros, depois que foi demitido:

"Falta de integração entre os departamentos
Na minha visão, acho que uma integração maior entre os departamentos seria útil. Embora houvesse um relacionamento muito bom, falta alguém para intermediar e coordenar esse relacionamento. Há um bom relacionamento informal. Você troca ideias e informações, mas falta um gerenciamento das informações. É esse o problema? Honestamente, não sei dizer. Mas acho que ajudaria.'

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/magoado-com-demissao-ex-bota-desabafa-medico-nao-provoca-lesoes.ghtml

Não custa lembrar que nesse desabafo do M´pedico, o BOTAFOGO não contestou rigorosamente nada do que foi dito.

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Gernaldo, mas eu falei isso: Se for constatado o erro do Botafogo, é atestado de incompetência. Por isso também aguardo uma posição oficial, já que o próprio CEP parece não saber como essa situação está/estava. Cabe ao jurídico e Lopes se posicionarem.

Marcio, o famoso quem cala consente, né? Faz muito sentido!

Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

https://www.fogaonet.com/noticia-em-destaque/caso-victor-luis-botafogo-admite-erro-e-tentara-negociar-multa-com-o-palmeiras/
Depois do que gastou com Canales pra ele conhecer as praias do Rio, ressuscitando W. Arão e a "previdência" do Montillo, gastar 200 mil com V. Luis é fichinha...

Rodrigo Federman disse...

Celso, considero casos diferentes. Esse do VL, pronto, atestou uma incompetência absurda da gerência de futebol profissional e do jurídico. Não há defesa.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Ainda não tem nada para falar? Se proceder a informação, o melhor que ele tem a fazer é permanecer naquela situação que eu chamo de silêncio obsequioso. Por outras palavras, faz-se mais prudente ficar de bico calado, calar a boca.
Quanto mais se fala nessas horas, pior fica. Pode ser que as justificativas revelem outras modalidades de incompetência.
Lembro de um filme muito bem feito, com Al Pacino, Jack Lemon (R.I.P.), Kevin Spacey e outros astros em que, por falar demais e na hora errada, um dos personagens causa um prejuízo de alguns milhares de dólares ao caracter do Al Pacino. Este, diante da perda sofrida, dá um esporro homérico no outro, finalizando mais ou menos assim: "nunca abra a boca enquanto você não souber quais são os momentos em que ela deve permanecer fechada".
Levi

Celso Ricardo disse...

Rodrigo, para uma empresa,tudo isso foi dinheiro mal investido. Seja do jurídico, do departamento de futebol ou até mesmo social. A questão é como pode um Clube ser administrado com tanto amadorismo? Claro que muita coisa boa foi feita, mas não se pode errar no básico.

Rodrigo Federman disse...

Pois é, Levi. E agora, possivelmente menos 200 mil para o já combalido cofre do clube.

Celso, o jurídico já comete falhas e não é se hoje. Quanto ao Lopes, bom, nem falo mais nada...

Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Perfeita observação, Levi. De acordo com "A Arte da Guerra Política”, de David Horowitz, quando você começa a ter que se explicar , é porque está perdendo a guerra.

Rodrigo Federman disse...

Sim, Celso.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Obrigado, Celso. Aprecio muito, o Horowitz.
Levi

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Levi.
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

O que acho estranho é que sites e programas esportivos de grande alcance, não falam absolutamente nada sobre isso, essa notícia vem apenas de sites de pequena repercussão na mídia, muito estranho.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, a notícia não é impactante a nível nacional. Além disso, o Esporte Interativo não é pequeno. Aliás, o setorista deles no Botafogo é um dos que mais dá furos sobre o clube.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

O BOTAFOGO precisa passar por uma Reengenharia.

E já que falamos em erros... Alguma informação concreta sobre a Auditoria?
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, será que ela, de fato, saiu do papel um dia?
Abs e SA!!!

Fábio Lucas disse...

Gatito, Luís Ricardo, Marcelo, Emerson Silva e Gilson; Dudu Cearense, Bruno Silva, Marcos Vinícius e Leo Valencia; Guilherme e Brenner
Com esse time jogara contra o cruzeiro deve jogar melhor que o time titular que apostar?

Rodrigo Federman disse...

Possa crer, Fábio.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Já estou de saco cheio dessa formação cheia de volantes, em que somos dominado o tempo todo, para ganhar jogo em contra ataques, com o time jogando como time pequeno, Matheus Fernandes,Bruno silva, João Paulo e Valencia.
Marcus Vinicius e Brenner.
Já estou de saco cheio com as pixotadas de Igor Rabelo e Emerson Silva;já esta mais que na hora de colocar o Marcelo, junto com o Carli.
Quanto a esse assunto confirmando é uma prova da viagem da maionese, dada pelo quem responde, por esses contratos.
Já não basta o prejuízo alto que Canales, 4 milhões e 32 mil reais em 14 meses de contrato com o salário de 280.000 e 6 meses de Montijo 400 x 6 = 2.400 jogado fora,ambos jogadores vieram bichados,os 200 mil é outro prejuízo, mais considerando o prejuízo dos 02 primeiro é uma esmola mais não deixa de ser um prejuízo.

Marcos

Fatos disse...

Comeram mosca e agora vão tentar "negociar" com o Palmeiras. Mas nessa negociação sabemos quem sempre faz o pior negócio..

Rodrigo Federman disse...

Fatos, impressionante o amadorismo.
Abs e SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcos, esse erro só comprova como alguns departamentos ainda estão bem aquém na boa gestão do CEP.
Abs e SA!!!