domingo, 6 de agosto de 2017

Pobreza técnica

















Cruzeiro e Botafogo ficaram no 0 a 0 na última rodada do primeiro turno.

Resultado que até poderia ser considerado bom pelo GLORIOSO, afinal, entramos em campo com vários reservas, diante dos mineiros embalados (e em casa). Mas na classificação do campeonato não acabou ficando bom. Continuamos perdendo posições e entraremos no returno sem tanta tranquilidade.

Também poderia ter sido bom, se não tivéssemos desperdiçado os rotineiros gols feitos. Hoje, pelo menos dois. Ou seja, atuamos no limite, segurando o adversário, encontramos uma brecha e...
...perdemos.

Não dá. Só nesse Brasileirão foram muitos pontos deixados para trás em situações parecidas.

Sobre o jogo em si, um primeiro tempo ruim, pouco inspirado e com erros básicos e fundamentais. Na segunda etapa, uma demora irritante por mudança, mas depois que houve, também mudou pouca coisa. 

Ficou visível - e serei repetitivo - que o elenco é limitado e que em determinados momentos, ainda poderia ser melhor escalado. 

Agora é focar na quinta-feira, garantir a classificação na Libertadores e começar o segundo turno com vitória. Para tanto, muita coisa precisa ser trabalhada e mudada.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

Botafogo 0 x 0 Cruzeiro

1- Gatito: Se mostrou presente quando solicitado - 6,0

2- Emerson: Lento e disperso. Parecia com a cabeça em São Paulo - 4,0

3- Marcelo: Voluntarioso - 5,5

4- Emerson Silva: Facilmente driblado em vários lances - 4,5

5- Dudu Cearense: Dá pena de ver. Ex-jogador em atividade. E incrivelmente atuou nos 90 minutos - 3,5

6- Gilson: Partida discreta, porém, correta - 5,5

7- Guilherme: Mesmo com suas deficiências, foi o mais perigoso do nosso time. E ainda ajudou na defesa - 6,0

8- Bruno Silva: Um excesso de carrinhos irresponsáveis - 5,0

9- Brenner: Primeira impressão (como titular desde o início) bem ruim... - 4,0

10- Valencia: Depois de bom jogo contra o Palmeiras, um horrível hoje - 4,0

11- Rodrigo Lindoso: O futebol que não acrescenta e sempre se escondendo com passes laterais - 5,0

12- Marcos Vinicius: Deveria ter entrado mais cedo. Perdeu um gol incrível - 5,0

13- Vinicius: O pouco que fez, já foi melhor que o Brenner - 5,0

14- Renan Fonseca: Poucos minutos em campo - Sem nota

Jair Ventura: Demorou para mexer e quando o fez, em minha opinião, errou no início. Pareceu satisfeito com o empate - 5,0

47 comentários:

Sergio Di Sabbato disse...

Até que para esse time o empate não foi ruim, pois esses reservas são fracos, mas Dudu, Emerson Silva, Emerson Santos, não quer renovar, pode ir embora, joga nada: é lento, erra passes simples, vive de um gol de falta a 2 anos atrás. Brener, horroroso, até o Tanque fez coisa melhor e hoje o LV foi muito mal, mas como disse ontem, vamos aguardar mais jogos, mas não acho que a posição dele seja a que jogou hoje, e mais, como esse meio campo de hoje é complicado. O Dudu por exemplo, ex jogador, erra passes simples de meio metro.
Acho que o JV demora muito a mexer e sempre mexe mal. O MV deveria ter entrado mais cedo, e foi uma pena o gol que perdeu, mas acontece. Agora é pensar na quinta. Que o JV não invente, pois senão a vaca vai pro brejo com sininho e tudo. Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Sergio, o pior é que o JV manteve alguns desses durante os 90 minutos. Absurdo. E não é possível que não tivesse alternativa melhor do que, por exemplo, o Dudu. Impressionante.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Nos últimos 10 jogos, 10 pontos. JV precisa ficar alerta pois,pra quem luta contra o rebaixamento (como ele mesmo falou), o desempenho é de rebaixado,30%.

Anônimo disse...

Rodrigo.

Eu ando meio sem vontade de falar do Botafogo. Mas hoje vou fazer um pequeno comentário. Penso que o "Guardiola, poupador de craques" vai pra casa tendo múltiplos orgasmos, pois conseguiu em um único jogo escalar, Dudu Cearense, os dois Emerson, Tanque e o Barba. Só faltou o Fernandes.

Sem mais.

Patinhas.

Marcio disse...

Com o que foi apresentado no jogo, uma completa falta de organização, mesmo perdendo uma grande oportunidade no segundo tempo, o empate acaba sendo o melhor resultado. Só que é bom ficar atento, pois o empate vale um ponto ganho e dois que ficam pelo caminho.
Primeiro tempo onde o BOTAFOGO mostrou-se muito desorganizado e teve apenas duas possibilidades mais claras em todo o jogo, uma em uma jogada do Gilson de linha de fundo e outra em um contra-ataque desperdiçado pelo Valencia.
Pelo que apresentou, parece que o Jair não trabalha com os reservas; além disso, jamais apresenta, com titulares ou reservas, alguma jogada ensaiada nos escanteios e faltas, ofensivos, e também nos contra-ataques.
No segundo tempo o BOTAFOGO continuou voltado somente para a marcação e assim, pouco criou em relação as jogadas ofensivas, além de muitos erros de passes.
O Jair esperou até aos 24 minutos do segundo para fazer a sua primeira substituição e colocou o sempre inoperante Tanque no lugar do fraco Brenner, quando poderia ter pensado em centralizar o Guilherme, o seu jogador mais veloz, e colocar um jogador de armação no meio campo; depois colocou o M. Vinicius no lugar do Valencia e por último, ressuscitou o possante R. Fonseca.
Mesmo assim, em uma puxada de contra-ataque feita pelo Guilherme, que contrariando o que sempre faz, deixou o M. Vinicius em condições de marcar e este, com um pouco mais de sorte, poderia ter feito o gol.
No mais, está mais uma vez comprovado que a meritocracia do Jair Ventura é uma grande falácia. Se fosse algo de fato aplicado, M. Vinicius que fez dois gols no São Paulo, não ficaria no banco no jogo frente ao Palmeiras e no jogo de hoje, com time “alternativo”, iniciaria entre os onze.

Fernández- Quando exigido foi bem. Nota 6,0;
E. Santos- Teve muito trabalho e como não é lateral, os adversários concentram o jogo em seu setor. Nota 4,5;
Marcelo- Firme nas jogadas, fez uma partida regular. Nota 5,5;
E. Silva- Fez uma partida terrível no primeiro tempo, no segundo melhorou muito pouco. Nota 4,0;
Gilson- Partida ruim, tanto na marcação quanto no apoio, embora não tenha comprometido. Nota 5,0;
Lindoso- Partida discreta, pois não recebeu ajuda para proteger a defesa. Nota 5,0;
D. Cearense- Errou praticamente tudo o que tentou. Nota 3,5;
B. Silva- Há muito não repete as suas melhores atuações. Parece não estar em suas melhores condições físicas. Nota 5,0;
Valencia- Se movimentou bastante, mas pecou na distribuição dos passes, em especial em um contra-ataque. Se acertar a parte técnica, poderá ajudar. Nota 4,5.
Guilherme- Se jogasse com mais inteligência, seria muito útil, pois é veloz e tem alguma condição de drible. Nota 5,0.
Brenner- Pouco acionado, parece ser um jogador com muita limitação técnica. Nota 4,0.

V. Tanque- Não há justificativa alguma para que receba tantas oportunidades. Uma nulidade completa. Nota 4,0;
M. Vinicius- Entrou e quase marcou o gol que poderia ser o da vitória. Faltou-lhe sorte no lance. Nota 5,0.
R. Fonseca- Meritocracia? Sem nota.

J. Ventura- Demora demasiadamente para fazer as modificações, mesmo quando nitidamente os problemas se acumulam dentro da partida. Além disso, insiste em jogadores que não apresentam resultados.
Mostra-se incapaz de tentar alguma solução que melhore a capacidade ofensiva e isso não necessariamente passa por desfazer o esquema com três volantes.
Nota 5,0.

SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Bem observado, Celso.

Patinhas, e dirá que fez o certo.

Marcio, concordo contigo. Todas observações de acordo.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Sérgio obrigado. Me liberou de escrever nesse teclado pequeno de celular. 100% de acordo.
Jacob

Marcio disse...

Tem quem ache normal essa sequência no brasileiro, pois, afinal, o foco é a Copa do Brasil e Libertadores. Só que a cada rodada que não se pontua 100%, aumenta as obrigações nas rodadas subsequentes.
SA!!!

Anônimo disse...

RODRIGO,hoje,ficou mais uma vez provado que o seu ÍDOLO consegue a proeza de escalar mal até os reservas,e ainda substitui pior,rsrs.
Não perdemos porque o nível atual é fraquíssimo na AS e no Brasil em particular.
Improvisar o que já não deu certo é burrice.A irritação do BS com o ES foi tanta que ele não pediu substituição para si,mas sim para o ocupante da avenida na lateral.Aí entra o seu outro ÍDOLO,RF,rsrsrs.
Muita falta de respeito com o torcedor que mora em BH,cidades próximas e quem paga PPV,colocar alguns ridículos em campo,tendo outros menos piores no banco.
Qual o craque do CORINTHIANS,líder disparado? Joga fechado,somente com o JÔ na frente e vai nos contra ataques em velocidade.Por que o seu ÍDOLO adora postes e não tenta dois jogadores rápidos na frente ? Quero ver a invenção de quinta feira.Espero que não nos saia caro.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Valeu, Pai.

Marcio, sem contar que no BR, nosso objetivo - segundo o JV - é não ser rebaixado.

Jota, nem me atrevo a criticar mais aquele que tira leite de pedra. Hehehe

Abs e SA!!!

WAYNE disse...

Saudações Alvinegras
Registro: Falar o quê. mesmice. MV um jogo teve sorte, hoje não. Valência parece que a
OSMOSE com alguns jogadores lhe fez MAL, numa jogada era só empurrar bola para o G, mas tentou uma Guilhermina invejando o CRIADOR dela. Estamos perto da Z4 e ter cuidado então vamos sofrer bastante.
Quinta haverá mudança no placar em nosso favor. Espero que sim.
Abs SA

Celso Ricardo disse...

Estamos preocupados à toa. JV declarou na coletiva que o fato de não vencer há 5 partidas( 10 jogos , 10 pontos) não o preocupa. Peraí, então é natural isso? Não é pra se preocupar que o rendimento da equipe caia a 30% ?
Outra coisa. JV, para com essa babaquice de "sou gestor de pessoas", "a cada partida , tenho que reinventar". Futebol é simples, olha se o Corinthians ou o Grêmio mudam a forma de jogar. Não mudam, não inventam.

Mauro Tavares disse...

Resultado normal, e dentro das circunstâncias, positivo. O problema foram os pontos deixados pelo caminho contra São Paulo, perdeu outra hoje, e Atlético Goianiense, que já deu adeus à série A. Cinco pontos que nos colocariam no G6 tranquilamente, e que, por razões já discutidas aqui, foram desperdiçados. Saudações!!

Sergio Di Sabbato disse...

Será que não seria o caso de experimentar o Fernando na LD , o Wenderson no meio e algum outro atacante que não seja o Tanque. Aliás, em termos de atacante estamos muito mal.
Mais uma vez: o JV demora a mexer, mexe mal e são mexidas tão previsíveis e iguais que raramente surtem efeito.
E essa maldita meritocracia é algo irritante. O MV faz 2 gols é substituído e vira reserva, o Tanque tem chances eternas, o ESilva é terrível. O Dudu é ex jogador, foi bom jogador, mas atualmente dá pena, principalmente para nós que somos obrigado a assisti-lo. Que elenco!A gestão do futebol profissional é uma lástima, e não é falta de dinheiro somente, é muita incompetência. Abs e SB!

Rodrigo Federman disse...

Wayne, precisamos que tenha.

Celso, ele se acha um phd em futebol, um manager. Máscara enorme.

Mauro, e que nos aproximam da zona perigosa.

Sérgio, só saberíamos se houvesse teste, mas o meritocrático é incapaz de sair da mesmice.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Rodrigo e turma.
Brenner é um finalizador. Bota a bola pra ele na área e ele finaliza muito bem. Não é um virtuose e nem é cara pra fazer firulas fora da área porque não é a dele. Se entenderem isto, e aproveitarem como tal, ok. Jogador que não cria oportunidades pra si. É um excelente finalizador. Se tiver 3 bolas pra finalizar na área, uma ou duas ele faz. Mas, se quiserem que saia fora da área, drible, tabele e entre com bola e tudo isto não acontecerá. Quem o trouxe, devia saber das características dele. É parecido com o Vizeu.
sds
Paulo, de POA

Marcio disse...

Vou repetir o que escrevi outro dia. O CEP deveria analisar a possibilidade de colocar o Lopes como auxiliar do Jair. E isso não significa interferência e sim alguém com vivência no futebol e com condições de minimizar determinadas situações e/ou evitar erros.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Paulo, tomara mesmo. Mas aí o JV precisa instruir melhor então. De todo modo, quando estiver em POA (duas semanas atrás), a maioria dos colorados estava dando graças a Deus pela saída do Brenner.

Marcio, o CEP é ótimo administrador, mas não me parece conhecer de futebol.

Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Sinceramente gostei do jogo, tá certo que nos quinze minutos iniciais estavam parece umas baratas tontas mas conseguiram se acertar, mostraram garra, aplicação e disposição e por pouco não saíram com uma vitória, se compararmos os dois jogos em que os titulares perderam pra são paulo e palmeiras, veremos que os reservas de hoje foram muito melhores que eles, então não importa se quer vai entrar é titular ou reserva, tem sempre que mostrar garra, aplicação e disposição, já que técnica não temos nem entre os titulares, nem entre os reservas.

Anônimo disse...

Ricardo
O setor de inteligencia vai falar que o está dentro do planejamento....para o ano UE vem.
Sds

Rodrigo Federman disse...

Ivo, eu não gostei e nem tive essa impressão de tanta diferença pros jogos anteriores. Exceto pelo salto alto contra o SP, que obviamente não poderíamos ver novamente.

Claro, Ricardo. Eles não erram, nunca.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Sobre o Fernando, ele nem recebe chances no time principal e nem joga no sub 20, já que ainda fará 19 anos nesse 2017.
Depois, quando perguntarem pelo jovem lateral, dirão que não está treinando bem; depois, quando não puder mais jogar no sub-20, arrumarão um empréstimo, com a desculpa esfarrapada de que precisa ganhar experiência.
SA!!!

Celso Ricardo disse...

O problema não é esta partida, não é pontual. Mas sim, o conjunto da obra neste brasileiro. Mas o "cara que tira leite de pedra" já disse que não se preocupa com desempenho digno de ser rebaixado. Quem se preocupa é o torcedor, que não recebe para torcer.

Rodrigo Federman disse...

Marcio, sobem - e prejudicam o desenvolvimento - o muleque apenas para compor grupo em coletivo. Mas tranquilo, afinal, temos mais do que um técnico. Temos um gestor de pessoas.

Celso, e claro, não se pode cobrar ou criticar quem tira leite de pedra.

Abs e SA!!!

Zabumbeiro de Zona disse...

Mauro Tavares, sem falar na decepcionante derrota em casa para o então lanterna Avaí... Foram 8 pontos jogados no lixo pelo Botafogo nesse primeiro turno. Espero que não faça falta no final do ano.

Rodrigo Federman disse...

Verdade, Zabumbeiro.
Abs e SA!!!

Pix disse...

Creio que JV acertou ao poupar titulares, montou um time competitivo e quase venceu. Faltou a equipe caprichar mais nos contra-ataques!

Rodrigo Federman disse...

Pix, já falei muitas vezes que em minha opinião, se não for questão médica, sou contra poupar. Principalmente um time quase inteiro. Na pior das hipóteses, de maneira planejada, uns ou outros de acordo com a sequência de jogos. Nunca em uma única partida quase todos juntos.
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Criticar claro que pode, agora pegar no pé, aí é outra coisa bem diferente.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, aí eu acho que você poderia ser mais específico, pois falando por mim, eu critico e elogio, independente de quem seja e sem nenhuma birra pessoal (por mais que eu tenha de alguns).
Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, o Jair enquanto gestor de pessoas está performando?
Esses "professores"...
SA!!!

Leonardo13 Germano disse...

Alguem poderia me dizer como Dudu Cearense, mesmo apos uma sequencia interminavel de entreguismos, demonstrando a desenvoltura de um jogador aposentado, consegue terminar uma partida? Tinhamos Marcos Vinicus, Leandrinho, Fernandes sem alma e o Wenderson (me disseram que e bom volante da base, mas nao o conheco). Como Jair e teimoso...

Demorou uma eternidade para mexer..


Mas o resultado foi bom, dentre as circunstancias.

Rodrigo Federman disse...

Marcio, como gestor de pessoas, falta ele performar melhor quando definir a meritocracia no terço final? hehehe. As aulas que ele tenta dar me tiram do sério! hehhehe

Leonardo, eu discordo sobre resultado bom diante das circunstâncias. Até porque, as circunstâncias foram criadas pelo próprio Botafogo. Mas eu falarei mais sobre isso no post de amanhã. No caso do Dudu, só o professor pode explicar a meritocracia.

Abs e SA!!!

Marcio disse...

Rodrigo, deste modo, fica claro que ele terá de se reinventar e observar melhor os componentes do banco de reforços, sem desconsiderar que é professor, educador.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Marcio, eu não acredito muito nisso. Até porque, já disse e repito: Para mim, o JV ainda precisa comer muito feijão com arroz para ser considerado o que muitos acham como treinador.
Abs e SA!!!

Vitor José Biolchi disse...

43,9% é o desempenho do Botafogo, Celso Ricardo.

Rodrigo Federman disse...

Vitor, o que não deixa de ser fraco no Brasileirão.
Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

Eu citei os últimos 10 jogos,Vitor.
JV não se preocupa com 5 jogos sem vitórias.

VinnyMarques disse...

Tendo em vista o time bisonho que entrou em campo, o resultado foi positivo... E olha que perdemos dois gols feitos! Enfim...
Dudu e EMERDÃO não dá. Incrível como se profissionalizaram.
Bruno Silva com aquela cara de "saco cheio", Lindoso só toca pros lados e péssima partida do Valência... Foi o que tivemos pra esse jogo. Estamos perdendo pontos bobo, vide Avaí, Atl-Go, São Paulo... Pelo menos 9 pontos fáceis, perdidos.
Mas... Estão tirando leite de pedra... Não podemos criticar...

Rodrigo Federman disse...

Sim, Celso.

Vinny, eu não consigo achar resultado positivo. Principalmente considerando a posição na tabela, demais resultados, as duas últimas derrotas em casa, etc...

Abs e SA!!!

Paulo Fernando disse...

EU não vi o jogo, as considero bom o resultado contra o Cruzeiro, fora de casa e com time reserva. Claro que vêm a conta dos pontos do CB. Mas vamos com calma...temos um jogo fundamental nessa quarta e não escolhemos a prioridade?!? Todos sabemos que nos falta elenco e o reserva é isso aí mesmo: RF, ES, ES2, Dudu, Tanque, etc...Prefiro ainda olhar o que temos pela frente e sinceramente não vejo "perigos" maiores no CB17 (óbvio que jamais sendo omisso ou arriscando mais do que o razoável).

Rodrigo Federman disse...

Paulo, considerando tudo, não acho bom resultado. Segundo o treinador, entramos em campo com o objetivo de empatar, apenas. Eu não consigo aceitar.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

TERÇO FINAL defendendo a merda do Emerson Santos (péssimo jogador, aliás) de que estava muito resfriado e até com alguma febre. E que mesmo assim pediu pra jogar.
Como é que é? O cara que é um perna de pau e se escala? Como se fosse o Messi? Como se sua presença de perna de pau fosse importante? E o TERÇO FINAL o escala nessas condições? Em plenas condições é uma merda e gripado, ainda assm, o escala? Que profissionalismo há nessa escalação? De todos, diga-se de passagem, incluindo o DM. Irresponsável, isso sim, foi o TERÇO FINAL. colocava qualquer outro ali, afinal, esse Emerson Santos, bom é ruim, imagina gripado e torcendo pra ser vendido logo pra SP.
GESTOR DE PESSOAS? VTNC!
Jacob

Rodrigo Federman disse...

Pai, só não acho o Emerson (atuando na sua posição de zagueiro) essa merda. Agora, se estava com febre e o escalou, erro do treinador. Até porque, ele relacionou o Fernando para o banco. Lateral de ofício. Cara incoerente.
Abs e SA!!!

Paulo Fernando disse...

Na pior das hipóteses que fosse com o L. Ricardo pra dar ritmo...

Rodrigo Federman disse...

Faria mais sentido, Paulo.
Abs e SA!!!

Vitor José Biolchi disse...

Juro, caro Rodrigo, que já esperava esta resposta (obviedade ululante, conforme Nelson Rodrigues). "Vitor, o que não deixa de ser fraco no Brasileirão.
Abs e SA!!!"