sábado, 9 de setembro de 2017

Outra postura




Ainda não se sabe se o Botafogo entrará com força máxima ou time misto contra o Flamengo, amanhã, no Niltão. O foco é na Libertadores, quarta-feira, mas o rival de amanhã sendo quem é, não dá para aliviar. Vencer se torna fundamental, mesmo que esteja valendo apenas três pontos no Brasileirão.

Cotado para sair jogando, o volante Dudu Cearense falou sobre o último duelo (pela Copa do Brasil) diante do Flamengo e como será a postura do GLORIOSO no clássico de amanhã:

"- É importante vencer o Flamengo, em casa, com a nossa torcida. Tivemos uma atitude fora de casa de não querer jogar. Defendemos o jogo todo. Sabemos disso. Queremos vencer. Seria difícil falar porque eu não estava em campo. Falar de fora é fácil. Se eu estivesse no jogo, falaria melhor. Mas a conversa foi essa. Faltou atitude. Com certeza será diferente".

Uma pena que só agora eles afirmem que faltou coragem e atitude quando realmente valia algo, né?

Mais um motivo para cobrarmos - muito - um resultado bem diferente no jogo que fechará o domingo.


SAUDAÇÕES ALVINEGRAS!!!

14 comentários:

Ivo Santos da Costa disse...

Parece que o Botafogo não entrará com força máxima, me parece que Carli, Vitor, Lindoso e JP estão no departamento médico e não jogaram, outro que não jogará é o Marcos Vinicius, pelo mesmo motivo.

Marcio disse...

Eu não vejo motivos para não mandar a Equipe principal a campo; além do jogo frente ao Grêmio, pela Libertadores, ser no NILTON SANTOS, estão todos muito mais do que descansados.
Sobre a postura adotada frente a esse adversário, como disse o D. Cearense, houve tempo suficiente entre o primeiro e o segundo jogo para que alguma medida fosse adotada; o Dudu e o Jéfferson têm rodagem suficiente para chegar junto ao técnico e emitir uma opinião.
A vitória no clássico será importantíssima.
SA!!!

Rodrigo Federman disse...

Possa crer, Ivo.

De pleno acordo, Marcio. Não fizeram essa análise entre os dois jogos contra o Flamengo, né?

Abs e SA!!!

Celso Ricardo disse...

"– Momento de fazer diferente, não é revanche. E não só o Victor, mas o time todo. Se olhar o gol, a culpa não é do Victor. Foi mais mérito do Berrío, não podemos tirar o mérito. E o Victor tem a cabeça boa. Queremos enfrentar o Flamengo como queremos enfrentar outros times. Não é revanche, não – garante." JV

Dois anos e meio sem vencer seu maior rival. É como enfrentar qualquer outro time? Pergunta isso para os torcedores. Não, não é um jogo qualquer. Assim já entra perdendo. Como já faz há 30 meses.

Rodrigo Federman disse...

Celso, já entramos em campo com discurso de jogo comum. E amanhã será tudo, menos um jogo comum.
Abs e SA!!!

Marcio disse...

O BOTAFOGO deve ser o único clube onde após as derrotas fica procurando méritos no adversário.
SA!!!

Anônimo disse...

Boa tarde Rodrigo. Excelente matéria feita pelo GE, mostrando que o má avaliação de todas as contratações realizadas pelo CEP ao longo do seu mandato. Vai o link, mas d 0 a 5, a média final foi de 2,7. Ou seja, a cada 2 contratações 1 dá certo e outra errado. Se der para o amigo ler, é comentar aqui ficaria agradecido.

http://globoesporte.globo.com/futebol/times/botafogo/noticia/do-apagado-lizio-ao-achado-carli-as-52-contratacoes-da-era-cep-no-botafogo.ghtml

Sds,

Mário

Rodrigo Federman disse...

Marcio, e isso é uma constante.

Mário, darei uma olhada com calma. Valeu.

Abs e SA!!!

Anônimo disse...

RODRIGO,amanhã será uma partida que sempre me traz más recordações.
Pela primeira vez aqui no seu Blog,eu vou revelar porque tenho tanto desprezo e até um certo ódio por "framerdistas" e "comunistas".
Meu pai nos inoculou isso desde cedo,pois perdeu um irmão na intentona de 1935,covardemente assassinado por comunistas,e no final da década de 40,outro irmão assassinado a golpes de navalha por um torcedor do mal.Nunca confio totalmente nessas duas espécies de pessoas,embora,às vezes,por força de trabalho tenha que engolir por algum tempo a presença,particularmente de "framerdistas".Desculpe o desabafo,mas é só para explicar os motivos de ser tão radical e não parecer maluco ou velho gagá.
Espero que o JV coloque a força máxima possível e os jogadores caguem sangue para derrotar essa "COISA",sempre protegida pelos árbitros a mando do CÂNCER DO BRASIL,a rede esgoto de Tv.JOTA.

Rodrigo Federman disse...

Jota, venceremos amigo!
Abs e SA!!!

Ivo Santos da Costa disse...

Celso concordo com o Jair, não é realmente revanche, mas ao contrário do que ele quis mostrar, também não é um jogo qualquer, é muito mais que isso, é voltar a ser respeitado, é deixar de passar vergonha, é parar de entrar em campo com o rabo entre as pernas quando enfrenta esses mulambos, é uma vaga no G6, é entrar com moral no jogo de quarta contra o grêmio, por isso é muito mais que revanche.

Rodrigo Federman disse...

Ivo, mas acho que deveria ser encarado com clima se revanche mesmo. Só assim para esses caras saírem do marasmo.
Abs e SA!!!

Anônimo disse...

Rodrigo e turma.
Aqui em Porto Alegre a imprensa e torcida fazem as contas de o Grêmio já se classificar no Rio. O Botafogo é dado como favas contadas. Num dos programas desportivos de rádio da semana comentavam se mais difícil o santos, porque é local, ou o Barcelona, porque é fora do país.
Eu digo pro pessoal que não vai ser assim como tirar um doce de um cego, como pensam.
Bom, mas vai aqui uma dica de quem vê os jogos da dupla gaúcha (todos os jogos). O Grêmio curte muito a posse de bola e fazer rodar a bola, com movimentação do seu meio (Arthur e Luan são caras que passam e se deslocam sem parar). O time gremista tira muito proveito dessa "roda de bobo" que promove dentro do campo. As vezes, o adversário não toma a bola e fica 2 minutos só correndo atrás. Uma receita: interrupção. Faltas no meio do campo, na intermediária. Volante saiu jogando, atacante derruba. Faltas táticas cortam o melhor do Grêmio, que é sequência de posse de bola. O jogo com o Grêmio deve ser picoteado, truncado.
O Flamengo, desta vez, é nosso segundo plano. O primeiro é quarta.
Sds
Paulo de POA

Rodrigo Federman disse...

Paulo, deixemos eles pensando assim. No final, a queda deles será mais dolorosa.
Abs e SA!!!